Stumpy-> Whippet (142)-> BlackSin (202) / LE (330)-> Green (378)-> Stumpy (397)

tinric

Super Moderador
:) Dos small e meu... dê-me terra batida, assim meia humida... ou seca, mas terra terra (Não que não goste da pedra da serra dos candeeiros por exemplo, mas terra é terra :))

e como esta a chover agora :) amanhã será mais um belo teste de lama mais a sério :)
 
Depois de algum tempo a treinar e menos a escrever (por falta de novidades claro)


A preparação para o Inverno e também uma nota... a crise e alguma experiencia obrigam-nos a ficar mais inteligentes (eu acho)

Vejamos, a minha cassete SRAM PG990 custa na casa dos 50-60€ e pesa 272gr... vejam esta com uma pequena "tunadela"


219 gr...:) sim 219... ora pensemos, uma XTR custa pelo menos 4 vezes mais e pesa 224... e dura menos... (sim tem mais dentes... mas isso agora não interessa nada :))

Preciosas 9 gr para uma cassete sub220



Depois corrente a filosofia é mais a pensar no € e menos no peso... mais 8 gr mas muito menos €



Onde engordou



Mas venha de la esse Inverno a sério

2.25 que é para segurar bem a frente nesta lama boa que por ai vai continuar a abundar
(Nota... do karma 2.0 para este 2.25 noto pouca diferença no "balão" que faz...estou ancioso para o experimentar... nunca mais é sábado :) e domingo :))

Montei só à pressa e para acamar para depois converter, mas feito "cromo" montei ao contrário... ou seja vale de pouco ter-lhe metido uma camara para ajudar a ganhar a forma.. tenho que o tirar fora para virar ao contrário.

Agora vamos a contas de peso...
Estava com 10150...
SRAM PG990 RED (272 gr) -> SLX 11-28 219 gr (-53)
KMC X9 (270 gr) -> SRAM 971 278 gr (+8 )
Kenda Karma 2.0 120 tpi (452 gr)+ Camara Joes (346 gr) –> ROCKET RON 2.25 499gr (+47) (-346 camara+ 60 liquido)
Kenda SmallBlock8 1.95 (493 gr) + Joes no flat (60 gr) -> RACING RALPH 2.1 525 gr (+32)
10150 – 252 = 9898gr
 
Last edited:
Ena, tanto pneu! Mandaste vir para a malta toda ou quê? Por curiosidade, também recentemente mandei vir um medidor de correntes e um par de Sram's 971.

Eu em alternativa à cassete SLX 11-28 optei por colocar 2 pratos. Acho que a diminuição de pesos é semelhante embora deva ficar mais caro em cassetes.

Temos de combinar uma volta um dia destes, não deve haver muitos weight weenies pelas Caldas. ;)
 
Acho que fica bem mais barato o 11-28 que os dois pratos se for para 2x10, já se for para 2x9...

Acredita que há mais que o que pensamos... às vezes andam é disfarçados :)

A minha doença do peso acalmou agora com a crise... já que não tenho 1000€ para baixar um kg :) eheheh

Abraço e volta é só combinar se andares aos sabados então... ando quase sempre sozinho nos ultimos tempos.. senão já se sabe.. rainha aos domingos às 9.

Ya pneus para a malta :)

Abraço e diz qualquer coisa se andares ao sabado pode ser já este é só combinar onde... lá para as 9 horas é hora de arrancar com chuva ou sem chuva
 
Boas

RTC se quiseres definir tu... eu quero é andar.. por isso se quiseres combinar é só dizer hora e local.. não tenho nada definido ainda (posso é não conseguir acompanhar o teu ritmo :) mas tento)

Blackrider12 a cassete é uma SLX 11-28 que vou usar com 3 pratos 22-32-42.

Tenho testado com a cassete actual (11-32) e se alguem quiser comprar um carreto de uma cassete 32 novo :) eheheh (brincadeira) acho que não o usei mais que meia duzia de vezes... por isso sinto-me preparado para o dispensar...

como na relação da cassete 11-28 o que muda é mesmo tirar o carreto 32 e passa a ser o de 28 dentes o mais leve... e ganha-se o de 13 no 7º carreto,

( 11-12-13-14-16-18-21-24-28 ) contra ( 11-12-14-16-18-21-24-28-32 ) acho que vai ser uma boa aposta dado não estar a pensar passar para 2 pratos.
 
Boas Tinric

Na minha opinião teres dispensado a cassete 11-32 não foi o melhor...isto é a minha opinião claro, mas optaria mesmo por meter andamentos mais leves. Na minha zona é um constante parte pernas, só para teres uma noção no sabado fiz uma pequena volta e com 18km já contava com 513m de acumulado, tendo em conta que a bike de treino era a minha velhinha HardRock com cassete 11-32, e ao fim de uns bons km's o 32 já faz falta em muitas zonas.
De resto a aposta dos pneus foi boa, o Ron é bom nesta época do ano, macio e com taco espaçado e o Ralph para mim o melhor pneu da schwalbe.

Boas pedaladas.
 
Boas Duarte

O carreto 32 faz a mesma falta que quando se passa do 34 para o 32... ou seja, já nem imagino o que seria ter 34 dentes numa cassete... (e antes usava)
A filosofia é a mesma neste caso... dos 2000 e tal km que a cassete actual tem feitos, e feitos em todas as condições, quer voltas com mais de 100km mais rolaveis como voltas de parte pernas com paredes atrás de paredes mal usei o carreto 32 pois como referi antes, andei a testar o que e como conseguia subir com o 28... o que se sobe com 32 também se sobe com 28... e das vezes que usei o 32... foi mesmo por cansaço e não por falta de força (o que não quer dizer que amanha ou no outro dia não diga o contrário)

A relação 22/28=0.786
se pensarmos numa relação de 2 pratos com cassete 34 e prato 26 daria 26/34=0.765
ou seja a nivel da primeira mudança vai dar ao mesmo...
e mesmo uma 36 com prato 28, 28/36=0.778
com isto quero dizer que para um mais ou menos bom estado de forma é o suficiente para todas as ocasiões :) não fosse assim, teriamos o sistema de dois pratos com cassetes 36 e pratos 24 para ai... ou seja... ainda mais "avozinha" que o prato 22 no pedaleiro de 3 pratos.

Mas olha.. agora que já cá está ... falamos daqui a um tempo quando a testar a sério... :)

Abraço e fica bem
 
Last edited:
Serve muito bem essa relação! ;)
Eu uso-a e até agora 5*...adequa-se mesmo ao meu andamento.
E olha que este tipo de combinação já começa a aparece cada vez mais aqui no fórum (pelo menos 5 já somos xD ).

O RRon 2.25 também acho uma escolha muito boa...adoro a aderência do pneu.
Cumps
 
Boas

Isso é que é falar... que ainda não experientei mas sim, estou confiante :) tanto para a cassete como os pneus

Os pneus obviamente não são todos para mim ... e preferi o ron de 2.1 até porque a diferença do RON 2.1 para 2.25 são 3mm de largura...

também não há-de ser por ai... se não for melhor no limite hade ser pouco pior...

Sabado já vou saber :)

A cassete ainda vou acabar de gastar esta agora no inverno e meter a 28 mais para daqui a um tempo...

Mas fico contente de passar a pertencer a um grupo de 5 utilizadores (pelo menos) desta relação de cassete :)

Abraço e obrigado
 
Também já fiz essas contas todas e testei a 11-28 até às últimas.
A consequência maior foi que afinal até usava mais vezes a 11-32 do que pensava, e penei bastante.
A linha de corrente piorou, porque quando era para meter mais leve ficava sempre mais torcida... não sei se me faço entender.
Este ano como andei a fazer provas de 24H a solo até optei por uma cassete 10V 11-36, e não me arrependo de nada. Acabo por andar sempre com a corrente mais "direita" e parecendo que não, resulta melhor. O próximo passo que vou dar é abdicar dos pratos 22, 32 e meter um de 28 para XCO. Provas curtas sempre a fundo, para provas mais longas, volto a meter o prato 22. às vezes sabe bem fazer paredes e ir a descansar em vez de ir a penar, sem alternativas a não ser desmontar.
 
Pois, agora já a tenho cá e andava com a ideia... se me der bem continua esta relação, se me der mal volta à 32 :) logo vamos ver como correm as coisas...

mas entre meter uma cassete 36 com um prato 28 prefiro ter cassete mais pequena e pratos mais pequenos

Abraço e boas pedaladas.
 
Também ajuda ter-se uma bike "relativamente" leve para se usar a cassete 11-28.
Se tivesse uma suspensão total, decerteza que optaria pela cassete 11-32.
Como tenho uma HT com 10.2 Kg e um andamento mais pro lado de "força" do que "cadência", acho a cassete 11-28 perfeita para mim! ;)
 
Atenção, que eu uso efetivamente 22-32-42 com 11-36. Pois costumo fazer passeios e maratonas de grande duração, entre as provas do ano passado do PTOpen de 24Hr.
Mas como este ano vou encurtar para XCO de 2h e algumas meias maratonas, é que pondero apenas o prato de 28 em vez dos dois 22 e 32, quando houver desgaste. Sempre se compra apenas 1 prato.
 
ui... prato 22 com cassete 36..... :S dasse.... isso um gajo pedala e anda para trás em vez de ser para a frente :) nah...

a minha bike também está com um peso que me agrada (embora pudesse pesar menos, claro) e mesmo para saidas de dia inteiro pedalar (em condições normais) não me foi preciso o 32 (onde seria preciso é em pontos já de desiquilibrio ou falha de tracção e isso, se calhar com o 36 dentes... talvez desse, mas isso daria uma relação de 0.6... é muito pouco mesmo.

Por isso nota que ao passares para um prato 28 com 36 dentes de cassete ficas com 0.78, nós com 22/28 ficamos com 0.785... ou seja não existe praticamente diferença...

A nivel de €, o preço de um prato 22 e outro 32 contra um de 28 a nivel de desgaste estou em crer que será ela por ela... (dado o desgaste que acabam por ter 2 pratos contra 1), se calhar mudas 2 vezes o prato de 28 enquando eu mudo 1 vez os dois 22 e 32...

Nota que também digo isto pois para já estou com algum "bloqueio" a mudança para 2 pratos, para roda 29, etc... (como se costuma dizer... equipa que ganha não se mexe e a minha burrinha tem-se portado muito bem com o que tem e assim vai continuar... pelo menos para já)

Abraço e boa pedaladas com 2 ou 3 pratos, com 26 ou 29... é preciso é pedalar.
 
Last edited:
Lista de componentes com pesos

A vermelho o que falta mudar

Fotos na balança para verificação/correcção de peso real para breve :)
Todos os pesos foram verificados em balança de precisão mas como se sabe a matemática neste caso não funciona :) e a soma das partes nem sempre é igual ao todo, por isso fico agora com a dúvida, mas como a minha balança de pesar a bike é meia ladrisca e imprecisa no peso temos que esperar...
 
Após 70 Km de teste cheinho de boas condições para testar pneus :) tenho a dizer o seguinte:



Aproveito para agradecer ao Rene e ao Ricardo a fantastica companhia de uma bela manhã de BTT :)

Abraço e até à próxima.
 
Last edited:
Posto novidades mas não pelo melhor motivo...

Na volta desta manhã ouvi um estalo do que parecia ser um raio numa torcidela de roda da frente para passar um rego... pensei... mais um raio partido.. de vez em quando calha... mas foi um bocadinho diferente pelo que peço ajuda se algum sabe quem me pode soldar o que mostro abaixo (principalmente pela zona centro que pudesse levar a roda e trazer logo)

O bocadinho soltei em casa a a ver se ainda dava para endireitar... fiquei logo com ele na mão... ainda assim tive sorte de não ter saltado logo em andamento.
Dado ser uma "micro" soldadura, ou mesmo que tenha que ser um "enchimento" a solda ou assim... não sei a quem recorrer...

Já ouvi falar do valdemiro para soldar quadros.. mas isto é um pouco diferente...

Se alguém puder ajudar agradeço.

Desde já o meu obrigado.
 
Last edited: