Quadros Partidos

Foi nas escadas do Metro (Baixa-Chiado) junto à estátua do Fernando Pessoa. Desceu rápido demais e quando chegou lá em baixo o quadro não aguentou.
Acho que não houve mazelas físicas no ciclista :wink:
 
Bolas, nunca imaginei que umas escadas pudessem causar isso.
A suspensão ia bloqueada? Não era suposto amortecer parte do impacto das escadas?

Vou começar a pensar 2 vezes antes de descer escadas...

Felizmente não se magoou, porque para partir assim já estava a ver que ele tinha ido com a cara ao chão.
 

tkul

Utilizador Banido
Se ainda estiver na garantia, deve cumprir.

Atenção - descer escadas, é um dos exercícios mais puxados para uma bike em tudo! Jantes, suspensões, quadros, etc...
Devido ao ciclo a que são submetidos e dependendo da altura dos degraus (amplitude) poderá submeter o quadro a um ciclo brutal!
Neste caso, não acredito que tenha sido NESTAS escadas, mas sim o somar de várias escadas...

Comprem material de acordo com o que vão fazer, e se puxarem pelo envelope, ao limpar, olhem por possíveis falhas - estaladelas, rachas, etc...

PS - ainda bem que ninguém se aleijou!

 
Isto é apenas o alumínio a ter o seu comportamento natural. Uma peça de alumínio suporta um determinado numero de ciclos de carga, ao fim dos quais parte. Por cada ciclo vai desenvolvendo fissuras microscópicas. Por este motivo é que certos fabricantes recomendam a substituição dos guiadores em alumínio de x em x anos. A utilização para aplicações não adequadas do quadro apenas acelerou o processo.
:wink:
 
Se esse ATX que o quadro tem for sinónimo de uma pintura personalizada a garantia da giant é capaz de passar ao lado.

Escadas e bike rigida querem-se bem longe uma da outra!

É raro descer escadas. evito sempre, se for preciso agarro no chasso de all moutain que la tenho e vou fazer escadas até me fartar
!

saúde e juízo!
 
Há 5 anos parti a escora traseira duma scott (G-zero) a garantia foncionou 5 estrelas eu é que numca mais andei nela
comprei uma Genius
ainda não conheci uma marca de bicicletas de XC que não tivesse um quadro partido.
Os guiadores de aluminio devem de ser trocados com alguma frequencia embora um colega meu tenha partido um em carbono da ritchey. O guiador foi para estudo e mais tarde trocado ele foi para o hospital.
As zonas sujeitas a mais stress e flexão têm "tendencia" a partir mais tarde ou mais cedo, isto numa condução mais agressiva.
Cumps
 
A minha Berg 106 está a rachar na caixa de direcçao será por usar uma suspensao de 120mm???

O problema é a garantia visto que mudei todo o material da bike nao cobrem agora....
 
dioguito4 said:
A minha Berg 106 está a rachar na caixa de direcçao será por usar uma suspensao de 120mm???
É muito provável...

Mas já falaste com eles? Senão desloca-te a uma loja, faz um pé de vento e pode ser que tenhas sorte que o empregado que te atenda não perceba nada disso e te acive a garantia... lol :twisted:
 
Desta vez é uma BH!

Hoje, no regresso de uma volta com a minha mula, depois de lhe dar uma banhoca e lubrifica-la, reparei numa racha na escora inferior direita, junto à solda.


Resta saber há quanto tempo tenho assim o quadro, e por quanto mais tempo ele aguenta.

Amanhã vou ao raid de monchique, vamos ver como se porta. :roll:
 
Re:Quadros Partidos e porque?

ola pessoal..... so tenho uma duvida..... é quem parte quadros de certo que lhe da o devido uso ou pensao que as bikes da para fazer tudo entao e desde xc a dh....... com a mesma bike....
ou nao é nada disso e o material e mes mo fraco entao como e que passa o controlo de qualidade..... ou a marcas arriscam nome reputaçao e nao fazem nada disso e tb mnao cumprem com legislaçao para este aspecto....
cumprimentos e boas pedaladas
 
simoes5, há 10^n razões para um quadro partir...pode ser porque alguém abusou do curso recomendado, drops para flat, defeitos de fabrico (daí a garantia obrigatória), etc...
Quanto a falta de controlo de qualidade, uma marca para vender os seus produtos tem de os testar antes, seja um quadro de BTT, seja um colete daqueles que se tem de usar quando há um acidente e sais do carro... estes testes são feitos por laboratórios independentes, portanto aí não há interferência da marca.

Mais uma coisa, não há publicidade como a má... se ouves\vês\lês que o quadro XXXX se partiu e isto acontece 5 ou 6 vezes, vais pensar seriamente se vale a pena comprar um igual, certo?
 
Olá. Desta vez calhou-me a fava. Mas não a roí. A escora superior da minha Wheeler Falcon 20 rachou junto a uma soldadura. Ainda por cima com um risco tremendo junto á rachadela feita numa queda alguns tempo antes. A bike tinha sido comprada em Espanha há ano e meio. No entanto fui a uma loja na minha zona, em Palmela perguntar como adquirir uma nova peça. Não tenho palavras para descrever a forma impecável como esta loja no Vale de Barrios e o Sr. Vitor, em conjunto com o representante da marca em Portugal, a Motokit, resolveram o assunto em pouco mais de 15 dias. A peça já está nas minhas mãos. Sem despender qualquer quantia.:D
Se já estava contente com a bike até agora, só posso dizer bem desta marca por esta razão atrás apontada.

Cada um com a sua experiência. A minha foi positiva. Tenho pena que algumas marcas mais conceituadas, tenham outro tipo de comportamento. As pessoas não merecem, devido á paixão e ao dinheiro que investem nas suas máquinas de sonho.