Diferenças de preços: online/fisico; nacional/internacional; o que é aceitável ?

#21
infelizmente tenho que dar a palmatória a quem já me disse que "nem que só ficassse 1€ mais barato mando vir de fora..."

eis o que me aconteceu:
decidi mudar os pratos da minha deore e decidi que em vez de mandar vir o material do estrangeiro iria montar cá em portugal e abdicar do preço mais em conta...
Fui a uma conhecida cadeia de lojas "zona da bicicleta" deixei lá a minha bicicleta, o tempo foi passando e passado 15 dias não me diziam nada liguei para a loja a saber o ponto de situação, passado mais uma semana liguei a ver como era, e até que passado um mês decidi ir a loja para trazer a bicicleta como estava, pronta ou não, mas por acaso estava pronta...

Resultado desisti de tentar ajudar quem nao quer ser ajudado, vou passar a mandar vir material de fora e ou monto eu ou peço a algum amigo mais entendido da matéria.
 
#22
uma coisa que cada vez noto mais ca por terras lusas , é a falta de atenciosidade dos vendedores:-K quantas e quantas vezes ja eu entrei em lojas de bicicletas , grandes e bónitas , mas em que o gajo nem levanta o cu da cadeira para nos vir atender ? :rolleyes:
 
#23
Anda tudo mal disposto, uma vez que levaram um grande tombo com o aparecimento das lojas online, e depois quem tenta ajudá-los leva com o mau feitio...enfim!!
 
#24
uma coisa que cada vez noto mais ca por terras lusas , é a falta de atenciosidade dos vendedores:-K quantas e quantas vezes ja eu entrei em lojas de bicicletas , grandes e bónitas , mas em que o gajo nem levanta o cu da cadeira para nos vir atender ? :rolleyes:
É que é exatamente isso !! Eu frequento uma loja local, já lá sou cliente há bastante tempo e não tenho razão nenhuma de queixa, o preço é maior que online claro, mas sempre com descontos, a bike é afinada à borla na boa, e ainda agora foi para revisão, no dia seguinte estava pronta, a brilhar, pneus novos, corrente e cassete novas e bichas também !
Pelo contrário, antes de "descobrir" esta loja, fui a outra daqui (muito maior e mais bonita..) para, simplesmente trocar o desviador de tr. Bem, estive 1 mês e meio à espera do desviador (nada de raro, um desviador normal, SRAM X9) e tinha pedido especificamente caixa longa, pois qual caixa longa qual quê !! Caixa média, e nem me disseram que tinha sido caixa média, eu é que acabei por descobrir ! Vá lá que ao menos estava bem afinado .......

Ainda assim, prefiro comprar em loja física, caso a diferença não seja muita. Agora se encontrar alguma promoção online muito melhor, epah prefiro mandar vir, porque também temos de zelar pela nossa economia, se podemos comprar, por exemplo, por 200euros online, porquê comprar por 400euros em loja física? A diferença valerá assim tanto comprar el loja física ? Neste caso, não me parece ...

Abraço
 
Last edited:
#25
O problema a meu ver passa tambem por a maior parte dos sites nacionais não terem informação de stock. Aconteceu-me à pouco tempo tentar fazer uma encomenda de uma loja nacional da qual não tenho razões de queixa e onde já fiz compras anteriormente (regia), mesmo sabendo que me ia ficar um pouco mais caro, mas em cerca de 150€ seria uma diferença de 20€ +/-. Resposta da loja, isto só vamos receber no inicio do mês que vem, isto o fornecedor já não faz, etc. Resultado, mandar vir da alemanha, mais barato, demora o mesmo tempo a chegar, têm em stock, e até os portes são mais baratos do que mandar vir de portugal.
Lojas fisicas, por norma só em artigos de baixo valor, ou então se tiver enrascado. E nesse caso vou a uma loja onde por norma sou bem tratado e tento pedir desconto ;)
 
#26
Acabei de comprar umas rodas Shimano XT. Em loja fisica pediram-me 380€, comprei-as numa loja online por 260€.
Por muito que queira ajudar a economia nacional, não me posso dar ao luxo de gastar mais 120€ num par de rodas... Foi a minha primeira grande compra online, mas teve que ser! 120€ é muito dinheiro!

Abraço,
 
#27
Ola
Aqui vai a minha opinião pois aqui na zona há bastantes lojas de bikes desde grandes a pequenas quando necessito de algo faço uma pesquisa de preços depois de decidir vou colocar o que pretendo e sou sempre muito bem atendido seja loja grande o pequena
Portanto não vejo necessidade de comprar na net
 
#28
O mais impressionante é que há lojas fisicas em Portugal que mesmo em época de descontos até 50% ou mais não conseguem apresentar um preço competitivo.
 
#29
pra mim que se lixe a economia nacional. Isto está muito mau pra me meter nesses pensamentos. É quem vender mais barato. :cool:


Agora a sério é muito raro comprar material em Portugal, os preços são absurdos. Abri uma excepção recentemente, mais por urgência, paguei mais 50% por uma cassete SLX acredito que só por trazer uma fotocopia do mais manhoso que podem imaginar em portugues.:fpalm: Em Portugal as margens no material são absurdas, e continuam a abrir lojas por todo o lado.


@emsfc
essas XT estavam á 2 semanas por 200€ na rcz, versão 2013. Lucro de quase 100% :choneh:
 
#30
As lojas fisicas nem sempre podem apresentar "bons preços" em relação ás loja online..as lojas fisicas pagam renda, luz água, têm funcionário/s pagam impostos, acontece qualquer coisa ao material falamos com pessoas no online se correr mal nem garantia, nem nada..numa loja online o material vem mais barato e montar?! vai-se a uma loja e regateia-se o preço da mão de obra?! Não tenho nenhuma loja, não estou a defender ninguem nem a ofender..apenas tenho a minha opinião. Compro em lojas fisicas, se não tenho possiblidades não compro..
 
#31
pauloreis desculpa discordar de ti, mas e as lojas online não necessitam de armazens, luz, agua, funcionários, impostos? Procura no youtube a reportagem (acho que é da chainreaction) sobre o funcionamento do mega armazem deles.

Lojas online nem dão garantia nem nada? Vejo muito mais queixas de lojas fisicas em que as pessoas são mal atendidas do que nas lojas online.
 
#34
A mim parece-me que as lojas on-line conseguem fazer preços tão bons exactamente pelo facto de poderem ter tudo centralizado e poderes maximizar o espaço de armazém. Com isto quero dizer que em vez de lidarem com um importador e fazerem pedidos de dezenas de unidades fazem um pedido talvez de milhares de unidades (claro que isto depende de cada produto), e conseguem melhores preços por cada unidade.
Outro factor é de não se terem de preocupar tanto com os tamanhos e gamas de material que poderão vender, já que têm um alcance muito maior.

Portanto acho que o problemas das lojas "físicas" não está só na margem de lucro que querem fazer, está também nos custos que têm para vender um produto.
 
#35
Já pensaram no facto de as lojas online poderem ter margens de lucro ainda maiores do que as lojas físicas ? É que provavelmente até são bem maiores.

Eu já li aqui no fórum que alguns artigos são vendidos lá fora a valores inferiores ao que o importador nacional pratica. E por uma simples razão, negoceiam directamente com a casa mãe e compram grandes quantidades.

Eu pessoalmente compro onde for mais barato. Em alguns componentes como desviadores, cassetes, correntes, etc, a diferença é enorme.
A variedade normalmente também é muito maior, lá compro o que quero e não o que existe cá na loja.

Uma coisa tão simples como umas pastilhas de travão, eu mando vir de fora. No meu caso travões XX, chego lá e têm as diversas opções em stock : orgânicas, metálicas, com a placa de trás em alumínio, etc. E ainda por cima mais baratas.

Até o raio de uma corrente SRAM, que é “MADE IN PORTUGAL” fica mais barata vindo de fora, mesmo pagando portes. E elas são feitas cá.

Eu sei que isso não ajuda a economia, mas ajuda-me a mim, assim tenho componentes melhores. Portanto compro, vou continuar a comprar e recomendo.
 
#36
Cada vez mais, a globalização está presente em tudo o que seja negócio. Cabe a cada um lidar com isso da melhor forma possível. Com um custo de mão de obra dos mais baratos da europa, imaginem as vantagens que teria alguém que decidisse abrir uma mega loja online no nosso país. Mas será que já alguém se deu a esse trabalho? Não... O bom do tuga prefere estar sentadinho na sua cadeirinha, no quentinho da sua lojinha à espera que o cliente lhe entre pela porta dentro. E mesmo quando isso acontece, às vezes parece que ainda lhe está a fazer um favor ao vender-lhe aquela peça ou aquele pneu por um preço exorbitante. Porque, em vez de se queixarem, não metem mãos à obra e enfrentam estas lojas online em pé de igualdade?!?
 
#37
"O bom do tuga prefere estar sentadinho na sua cadeirinha, no quentinho da sua lojinha à espera que o cliente lhe entre pela porta dentro. E mesmo quando isso acontece, às vezes parece que ainda lhe está a fazer um favor ao vender-lhe aquela peça ou aquele pneu por um preço exorbitante"

Oraaaa nem mais :bompost:
 
#38
do alto da minha opinião, o custo de mão de obra (só pode ser gozo se comparamos mão de obra da loja que cá é do dono, com empresas online com empregados pagos a ordenados da Alemanha), ou da electricidade (peanuts, e gasta mais electricidade um armazem que uma pequena "sala" mal iluminada), ou do espaço (custo da loja pertença do dono na maioria dos casos, com um armazém, com empregados, contabilidade, departamentos de compra, marketing,...),.... são argumentos de brandar aos ceus.
Tambem não será pela fiscalidade, a RCZ cobra literalmente o mesmo IVA. Se falarmos de IRC, eles são empresas, cá é factura quando temos sorte.


pra onde vão as margens absurdas cá? pro importador? importem directamente lá de fora. Pra loja? lojas de bicicletas são um excelente negócio, faz lembrar o dos videoclubes aqui de há uns anos. ;)


Quanto á loja nacional online! Ou têm andado distraidos ou não sei. Eu pelo menos conheço uma bem famosa e que quase todos saberão sem ter de por veneno :cool: e nem por isso a maioria dos produtos são competitivos.


Em resumo: cada qual compra onde quer, a UE tem coisas positivas e negativas. Boas compras.
 
#39
Boas,
Um dos problemas da grande maioria das lojas nacionais é a margem de lucro que chegam aos 40% e isto não é um palpite é um facto que já comprovei visualmente em tabelas de papel e formato digital... Há uns anos atrás estas lojas ganhavam quanto queriam (pois as lojas online eram poucas) e algumas mantém o mesmo sistema nem a crise os faz mudar, ás vezes um bom atendimento e uma pequena atenção vale muito.
 
#40
Sei de produtos que são vendidos a 300€ nas lojas e o fornecedor vende à loja por 116€. São 184€ de lucro... mesmo que descontemos 10% de desconto habitual é muito. Nem falo no IVA porque está mais que sabido que em portugal o +50% das lojas não pagavam até então o IVA convenientemente.