O novo projecto do Biculas

#1
Depois de ter comprado um quadro novo para a single speed, fiquei com um dilema, o que fazer c om mais um quadro?
Como já há algum tempo que vinha a pensar em montar uma 1x3,ou uma 1x9, decidi montar uma 1x9.
Então como já tinha a maior parte do material, só me faltava mesmo a cassete, a corrente, e o desviador traseiro, meti mão à obra.
O resultado actual é este:






Este desviador é provisório, pois encomendei um Sram X5 de caixa curta, que ainda não chegou.
O que se vê na foto é um X9 de caixa longa, que fica horrível ali.
A cassete, é uma 11/25 de estrada, pois, não vou precisar de mais, uma vez que na single speed uso 32/18 3 faço tudo o que é subida.





O copckpit está equipado com umas manetes XTR e um trigger Sram X5 para 9 mudanças.




Como podem ver, à frente tenho um só prato de 32 dentes, é um TA Specialites.

De resto, montei uns V-Brakes Deore, um selim Charge spoon, uns punhos Brooks, as rodas são umas RODI MudRock.

Mais tarde irá levar um outro garfo, mas isso é quando houver algum t€mpo :D .

Amanhã, se o tempo deixar, será a estreia, mas não por mim, pois irei empresta-la a um colega.

Depois, vou dando mais notícias sobre este projecto.

Abraço

Roberto "Biculas" Raposo
 
#3
Ohmaigóde este DOC! :mrgreen:

Biculas está bem fixe! :D
Tens muita amplitude de mudanças mesmo com uma cassete de estrada? Se andavas sempre em SS vais notar, mas a comparar com a tua Kona, é suficiente?

Um abraço!
 
#4
Para aquilo que pretendo, é mais que suficiente.
Só lhe vou mudar o desviador para um de caixa curta, pois este fica mal na bike e não é preciso a caixa longa.

A Bike é para fazer aquelas maratonas com mais km´s como alternativa à SS.

A Kona por agora está pendurada na garagem , agora, há mais de uma ano.

DOC, os XTR, são só porque os tinha aqui em casa sem lhes dar uso, comprei-os juntamente com outro material como tu sabes, não os fui comprar de propósito.

Grande abraço

Roberto "Biculas" Raposo
 
#5
Roberto!

Desculpa a observação! Esta bike é cultura! É um projecto muito à frente!

Estou curioso em saber mais informações de índole prática!

Vai dando os resultados!

Também estou preocupado com essa aproximação ao japónes!

Convence ElDoc a converter-se ao conceito SS!

Parabéns pelo post 1000!
 
#7
Esta será a próxima fase da minha RCZ. Desde o início andava para montar um coisa do género, mas como não sabia se me iria adaptar, optei por montar uma 2x9, com 26x36 à frente e 11-32 atrás. Até agora ainda só utilizei o prato de 36, e ainda não "corri" a cassete toda, mesmo naquelas subidas mais ingremes. Sem dúvida que mais tarde optarei por colocar 1x9, muito mais simples!

Agora tenho uma dúvida, Biculas, não há necessidade de um pequeno guia de corrente, ali junto ao prato? Ou será que o desviador cumpre a função de tensor?... algum receio...

Obrigado pela partilha, é sempre bom ver montagens diferentes da "manada".
 
#8
Boas Girão, obrigado pelo elogio à bike.
Quanto à índole prática, ainda não posso dizer nada, pois o primeiro teste foi feito hoje, mas pelo nosso amigo Paulo Lopes do G.D. Quinta do Conde, mas em breve farei um teste e virei aqui fazer uma análise.
Quanto à incursão Japonesas, foi apenas, porque era material que já tinha cá em casa, comprado num lote de material de um amigo nosso, mas para desviadores e shifters, só quero Sram, aquilo é à prova de falhas e desafinações, não há nada como a relação 1:1.
Já agora, ara quando uma incursão aqui pelos Algarves?

Ivo_Azenha, quanto à tua dúvida, posso-te dizer, que o guia não faz falta nenhuma, pois como disse, hoje a bike foi testada pelo Paulo Lopes e a corrente nunca saltou nem a subir, nem a descer, e para mais, hoje apanhamos água à farta, o que fez com que a corrente perdesse a lubrificação e mesmo assim não deu de si.
Mas, para reduzir ainda mais o risco de que isso possa acontecer, vai levar um esticador/desviador de caixa curta, o que faz com que a corrente fique mais pequena, logo fica mais direita apanhando mais superfície do prato.

Grande abraço

Roberto "Biculas" Raposo
 
#15
Depois de um teste a sério durante o passeio do GADAG, em que mais lama e água era impossível, já posso fazer uma análise à bike.

Começo por dizer, que a bike superou todas as minhas expectativas, a subir é uma maravilha, apesar da cassete de estrada 11/25, rápida ligeira e nervosa a acelerar pelas subidas acima.
Adaptei-me bem às relações possíveis com esta configuração de 1 só prato de 32 dentes à frente e cassete de estrada atrás, está bem apta para papar km's.
O facto de ser totalmente rígida não me afectou em nenhum aspecto, pois já estava bem habituado na single speed, o que ainda vou mudar é a forqueta, que irá passar a ser uma em carbono muito em breve.

Quanto ao resto, como poderão ver, já sofreu algumas alterações, troquei os V-Brakes Shimano por uns Avid Single Digit 5 e troquei o desviador traseiro por um de caixa média, pois não havia necessidade de um de caixa longa.

Outra coisa a mudar, são os pneus, estes são para os gastar, pois tinha-os aqui por casa.

A bike, como está actualmente...



O desviador de caixa média, um Sram X5 e a cassete de estrada de 11/25



A transmissão



O cockpit



Os novos Avid Single Digit 5



Esta vai passar a ser a minha companheira nas maratonas e naqueles passeios mais longos.


Grande abraço

Roberto "Biculas" Raposo
 
Last edited:
#17
Os V-Brakes e as rodas encontras em qualquer loja de bikes, ou nos sites por essa net fora.

As minhas rodas foram compradas à RODI, www.rodi.pt. Os V-brakes comprei os pela net, no EBay.

Abraço

Roberto "Biculas" Raposo
 
#19
ou seja companheiro do pidal,

gastas 4.000.0000 de euros para evitar ter 3 pratos á frente pois a maior parte dos problemas mecânicos das bicicletas da malta são exactamente com o desviador da frente, e muitas vezes a malta não chega ao final de uma volta por problemas no desviador da frente ou nos pratos da pedaleira... :)


calha um dia seres arrastado para um passeio com umas subidas valentes e mais longas e nos dias seguinte vai colocar uma cassete com mais dentes, ou uma avozinha

calha a ires morar uns tempos para evora e metes uma talega


tás a conseguir provar duas coisas:

1º A evolução normal
2º A resistencia do ser humano á evoluçao normal
 
#20
Nao sei o que é mas ha algo nesta bike que me provoca inveja :) Está muito simples mas ao mesmo tempo muito porreira.
biculas parabens pela montagem. Dá-lhe quilometros e vais dizendo como te adaptas a essa configuração.
Quando arranja um quadro em aluminio barata tambem inicio um assim com os componentes que tenho para aqui parados :)