Bikes Roubadas

Não querendo brincar com a desgraça alheia, creio que vou colocar um sistema de localização.
Tal como um serviço que um operador de telemóvel criou para que os pais saibam por onde anda o petiz.
 
Mais uma bike roubada
É a bike d um amigo meu que foi roubada em Faro na zona de Alto Rodes
É uma GIANT ATX já c/ uns anitos. O meu amigo sabe o n.º do quadro.
Se alguém a vir por ai podem entrar em contacto comigo e nós depois tratamos do resto. :cadeirada:



Esperamos ter a sorte de voltar a vê-la.

Continuação de boas pedaladas
 
A pedido de um amigo...

Segue em anexo a foto da bike de um amigo, que foi roubada no dia 04, de uma garagem num predio em Paranhos.
MODELO: GT STS em Termoplstico
Suspenso: Fox
Amortecedor: Rock Shox
Pedaleiro: LX
Selim: Selle Italia
Guiador: Ritchey wcs carbon





Processo n 1902-09 PSP

Proprietario
Filipe Pereira
917007137
 
ALGUEM FICOU SEM UMA BERG TODA CINZENTA COM AMORTECEDORES Á FRENTE E ATRAS??

VEIO Á POUCO UM VENDER-ME UMA POR 70€ PELO QUE REPAREI TINHA TRAVAO DE DISCO A OLEO DA SHIMANO ESTAVA EM BOM ESTADO, EM VILA NOVA DE GAIA
 
Conheço um Btetista que me disse que lhe tinham roubado a bike e era uma bike de suspenção total. Será que e essa?? o modelo sabes?? e era mesmo a descrição que estavas a dizer.
iElysio said:
ALGUEM FICOU SEM UMA BERG TODA CINZENTA COM AMORTECEDORES Á FRENTE E ATRAS??

VEIO Á POUCO UM VENDER-ME UMA POR 70€ PELO QUE REPAREI TINHA TRAVAO DE DISCO A OLEO DA SHIMANO ESTAVA EM BOM ESTADO, EM VILA NOVA DE GAIA
 
Boas pessoal. Vou dar uma ideia para isto não ser tão confuso. Podiam criar uma espécie de tabela com as bikes roubadas, incluindo marca, modelo, algumas características no que aos componentes diz respeito, número de série do quadro!!! e um campo onde se pudessem inserir informações como por exemplo os links para negócios na internet que apreçam suspeitos e relacionados com a bike em questão, ou outras informações de negócios que surjam pessoalmente. Penso que assim seria mais fácil este processo.

Cumprimentos
 
Vi uma GIANT azul muito escuro com letras cinzentas, num bairro onde moram algumas pessoas suspeitas, o gajo também era.
Se alguém souber de alguém que tenha ficado sem alguma com estas caracteristicas, vi-a nos Olivais Sul, Lisboa.

Até poderá ser dele, duvido, mas se não dermos algumas possiveis pistas também não se chega a lado nenhum.
 
Acho que estão a levar estes assuntos para um campo que roça a xenofobia. É perigoso esse caminho e não leva a lado nenhum. Não faço ideia de que bairro falas, mas se por acaso eu passasse por lá e te visse numa bike xpto ou ao volante de um carro GuêTê, não gostavas que tirasse juizos de valores. Anda muito menino em bairros topos de gama, pelos quais eu não dou um centavo. Até deixam roubar as bikes em cima do tejadilho dos automóveis...... :hmmm:
Há muito que neste tópico, deveria haver um quadro, como disse o Felipe onde se centralizasse todas a bikes desaparecidas, que fosse de fácil leitura. Isso sim era um trabalho correto.
Cumprimentos e boas pedaladas
 
Muito bem observado depinho :wink:

Estar a apontar o dedo (só porque se viu uma bike de 2000 euros num bairro de lata) está completamente errado :shock:

Há muita gente honesta e trabalhadora a viver em bairros sociais (ou pior), que conseguem poupar muito dinheiro à custa de muitos sacrifícios. 8)
 
Nunca se deve apontar um dedo a ninguem e eu dou te o meu proprio exemplo, vivo na Baixa da Banheira, mas passo grande parte do meu tempo livre num bairro que e muito falado que e o Vale da Amorreira vivi la 3 anos tenho la garndes amigos mesmo, se me vires la entao dizes que eu ando com uma Bike roubada ja que eu tenho uma S-works carbon e porque eu tenho apenas 23 anos e nao e muito normal ter uma bike destas mas sim e minha mesmo tive e tenho que suar muito para ter o que tenho hoje.
Por isso acho que nao e justo apontar as pessoas pela aparencia.
 
ruben/ktm said:
Nunca se deve apontar um dedo a ninguem e eu dou te o meu proprio exemplo, vivo na Baixa da Banheira, mas passo grande parte do meu tempo livre num bairro que e muito falado que e o Vale da Amorreira vivi la 3 anos tenho la garndes amigos mesmo, se me vires la entao dizes que eu ando com uma Bike roubada ja que eu tenho uma S-works carbon e porque eu tenho apenas 23 anos e nao e muito normal ter uma bike destas mas sim e minha mesmo tive e tenho que suar muito para ter o que tenho hoje.
Por isso acho que nao e justo apontar as pessoas pela aparencia.
Muito bem dito!!
 
Eu não compro nada sem o respectivo talão de compra. Desde que fiquei sem a minha bike que ter ou comprar cenas roubadas está completamente fora de questão.
Já pensei em fazer um site onde possamos registar componentes:
Componente
serial
Estado( normal, roubado)

Quando quisermos comprar qq coisa em segunda mão basta pesquisar pelo serial e ver se foi dado como roubado.
Parece-vos bem?

É claro que vai haver sempre gente que rouba para consumo próprio e/ou que retira os serials mas isso são outros quinhentos.
 
bela ideia a do site!!!!

aqui no forum, é de facto imprescindivel a criação de uma tabela com as bike roubadas! com as que permanecem roubadas e as que ja apareceram! pois assim é uma salganhada que ninguem se entende :wink:
 
Nuno Giant said:
bela ideia a do site!!!!

aqui no forum, é de facto imprescindivel a criação de uma tabela com as bike roubadas! com as que permanecem roubadas e as que ja apareceram! pois assim é uma salganhada que ninguem se entende :wink:
Sem dúvida, faz falta uma tabela para se poder organizar toda essa informação.

Só os responsáveis do Fórum é que o poderão autorizar, e depois "destacar" alguém para a concretizar.
 
Acho que em relação ao meu ultimo post (umas seis respostas atrás), vocês tem todos razão. :yeah:

Para a próxima terei mais cuidado em reparar se a bike que o agarrado trás nas unhas tem uma placa a dizer "Gamada" e se o local em questão é um condomínio fechado e de luxo, bem como se o gajo vai de fato e gravata em cima dela. :exacto:
Normalmente é nestes locais que costumam parar as bikes gamadas para desmontar, ou vender para comprar umas ganzas e uns cavalos.

Assim deixo aqui o meu apelo a todos aqueles que virem situações algo fora do normal que as deixem estar como estão. Desta forma o tópico ficará apenas com as fotos das que desapareceram e qualquer dica que haja guardem-na para vós incluindo em qualquer venda em sites, a não ser que lá diga explicitamente que é gamada ou traga na rua um dorsal pendurado a dizer o mesmo.


Decerto que aqueles que responderam à minha chamada de atenção falam assim porque ainda não ficaram sem ela, porque quando lhes calhar a vez, não vão achar tão infelizes as possíveis informações que por aqui possam aparecer a tentar ajudar. :xau:


Ah! não sou xenófobo (que palavra tão pipi e snob), só por dizer uma coisa que foi entendida à letra. Mas de certeza que muitos dos problemas tem origem nestes locais, não sejamos hipócritas em pensar o contrário. Para mais deve-lhe ter saltado a vista da palavra "algumas pessoas" e ter confundido com "Todas as pessoas", palavra esta que não notei ter escrito.

Só mais um à parte... conheço alguma gente honesta desses bairros que tem carros topos de gama e se calhar até bikes iguais, mas que não fazem nada o dia todo, ano após ano, mas tem dinheiro para estas coisas e outras mais que gente trabalhadora e muito mesmo nem de perto o conseguem ter...devem ser das apostas do totoloto... por isso é que não trabalham.

Este gajo que viu esta cena não é menino bonito e cheio de guito e sabe como vivem estas duas faces opostas do bairro, trabalhadores/oportunistas, não quer é chatices com algumas destas pessoas "sérias". Como vê não sou descriminador (Xénofobo).

Abraço e boa sorte com as vossas bikes.