Pág 2 de 4 PrimeiroPrimeiro 1234 ÚltimoÚltimo
Mostrar resultados 11 a 20 de 39

Tópico: De 26 HT para 29 FS, favorece os joelhos?

  1. #11
    Se pedalares como falas... Avatar de Joseelias
    Registo
    18-03-2013
    Local
    Seixal
    Posts
    1205
    Experimenta calcular a altura do selim no site abaixo. Comigo a medida dada funciona na perfeição.

    http://www.ebicycles.com/bicycle-too.../mountain-bike

    Também concordo com o ajuste dos cleats. Há ainda a questão do modelo de pedais que usas. Alguns permitem maior ângulo de movimento do pé que outros, e isso tem muita influência no conforto e no prevenir de lesões.

    A técnica de pedalada também tem ifluência. Se pedalares em força, e mesmo com aquele movimento a "bombar" cada vez que se aplica força é natural que os joelhos sofram mais. Um cadência mais elevada e mais leve, e com um movimento mais suave e "redondo" em que as pernas desenham círculos com a mesma velocidade em toda a volta, não só é mais eficaz em termos de rendimento mas mais complacente com os joelhos.
    "Don't buy upgrades; ride up grades" - Eddy Merckx
    A BTT'ar desde 1993... mais coisa menos coisa...
    A minha "bomba" made in 1996

  2. #12
    Domina as técnicas de queda
    Registo
    04-12-2011
    Local
    Viseu/Coimbra
    Posts
    60
    No site para calcular a altura do selim vi uma imagem interessante de um parâmetro da postura que eu não considerava.


    Devido ao tamanho do quadro e ao recuo que tinha no selim o meu joelho nesta posição ficava muito recuado em relação ao pedal. Já cheguei o selim para a frente para corrigir e também reduzi um pouco a altura. Vamos ver amanhã na volta matinal se noto as diferenças.
    Só tenho receio que ao ter puxado o selim mais para a frente, me venha a afectar as costas.

  3. #13
    Tem uma tatoo a dizer "Amor de Talega"
    Registo
    24-04-2016
    Local
    PORTO
    Posts
    520
    se precisas de mais ajustes podes ver este site onde tens uma parafernalia de ajustes pra melhor fit

    comigo funciona bastante bem

    http://www.competitivecyclist.com/St...e.jsp#measures

  4. #14
    Se pedalares como falas... Avatar de Joseelias
    Registo
    18-03-2013
    Local
    Seixal
    Posts
    1205
    Essa referência do joelho sobre o eixo do pedal abreviado normalmente como KOPS (Knee Over Pedal Spindle), pelo que tenho lido, não é uma lei. Foi algo que se tornou uma referência com base no ajuste ideal da bicicleta definido por um ciclista de estrada famoso dos anos 70/80 de quem não me recordo agora o nome.

    O que essa medida tem de útil é criar uma referência base de ajuste sobre a qual se pode depois afinar a bicicleta evitando grandes exageros.

    A ideia inicial era aumentar o rendimento, mas acho que isso já foi rebatido há muito. Penso mesmo que nas bicicletas de estrada se joga com variações desse ajuste consoante se está a fazer etapas de estrada ou contra-relógio. Posso estar a cometer uma gaffe, mas tenho ideia de que se o joelho estiver um pouco mais para trás do eixo isso vai ajudar na resistência ao proporcionar uma cadência mais elevada com menos força em cada pedalada. E se o joelho estiver mais à frente, com o ciclista sentado mais próximo do eixo isso vai aumentar a potência mas reduz a resistência. Daí que nos contra-relógios as bicicletas sejam autorizadas a ter o espigão/selim colocado mais sobre o eixo pedaleiro.

    Se fores tomar esse ajuste com referência tem atenção que não se mede da frente da rótula, mas sim daquele alto no topo da tíbia, logo abaixo e ligeiramente atrás da rótula.
    "Don't buy upgrades; ride up grades" - Eddy Merckx
    A BTT'ar desde 1993... mais coisa menos coisa...
    A minha "bomba" made in 1996

  5. #15
    Domina as técnicas de queda
    Registo
    04-12-2011
    Local
    Viseu/Coimbra
    Posts
    60
    Primeiro suspeito, altura do selim, ilibado. Experimentei algumas variações de altura e posição e não senti grandes diferenças.
    Contudo consegui identificar melhor a dor, está localizada principalmente na parte exterior do joelho direito (lado direito do joelho direito).
    Mais ou menos na área assinalada:


    Sendo que no joelho esquerdo não tenho dores. Portanto neste momento o principal suspeito é a posição do cleat ou travessa do pé direito.

  6. #16
    Se pedalares como falas... Avatar de Joseelias
    Registo
    18-03-2013
    Local
    Seixal
    Posts
    1205
    Há pouco tempo atrás li este artigo sobre o ajuste do selim e mais para baixo tem um despiste de sintomas dolorosos no joelho.

    http://www.cyclingweekly.co.uk/fitne..._medium=Social

    O que é dito sobre as dores na zona exterior do joelho é o seguinte:

    Problem: pain at the outside of the knee.
    Solution: adjust saddle height up or down to achieve 150-degree knee extension with the pedal at its lowest point. Also adjust cleat position inwards.

    Ou seja, diz para ajustar o selim de forma a ficar-se com 150º na extensão da perna quando a alavanca da pedaleira estiver para baixo, e ajustar o cleat/travessa mais para dentro.

    Também li num site de ajustes que se se apontar os joelhos para fora quando sobem na pedalada o cleat deve de ser movido para dentro para o pé se afastar do centro. Se os joelhos ao subirem ficarem mais próximos do quadro o cleat deve de ser movido para fora para aproximar os pés do centro.

    Acho que é uma questão de ires experimentando. Para falar verdade às vezes também sinto uma dor do lado de fora do joelho e penso que os meus joelhos ficam mais para o centro do quadro. Se calhar ainda hei-de experimentar mover os cleats para fora para ver o resultado.
    "Don't buy upgrades; ride up grades" - Eddy Merckx
    A BTT'ar desde 1993... mais coisa menos coisa...
    A minha "bomba" made in 1996

  7. #17
    Domina as técnicas de queda
    Registo
    04-12-2011
    Local
    Viseu/Coimbra
    Posts
    60
    Sendo a dor só no joelho direito posso descartar a altura do selim? Ou é possível a altura errada do selim afectar um joelho e o outro não?

  8. #18
    Se pedalares como falas... Avatar de Medroso#78
    Registo
    17-03-2010
    Posts
    2130
    Boas,

    esse tipo de desconforto, terá naturalmente a ver com algum mau ajuste.... e sim, a altura do selim, pode provocar dor num joelho, e no outro não (tinha precisamente o mesmo stress, localizado no mesmo sítio), mais quando pedalava na fininha (estrada). Após vários stress, mais em voltas maiores, com acumulado acentuado. Farto disto, resolvi fazer um bike fit (bem dita a hora). Baixei, e recuei o selim, para já, stress OFF. Ainda não testei em voltas longas/DURAS (fui aconselhado a pedalar, para já, soft, até habituar o corpo à nova posição). Fiquei com uma pedalada mais "redonda"..... pedalava muito "na vertical". Depois, para ajudar à festa, tenho a parte muscular da perna direita ligeiramente mais frágil. Pode também ser o teu caso.
    1 @br@ço, cumprimentos BTTistas

  9. #19
    Se pedalares como falas... Avatar de Medroso#78
    Registo
    17-03-2010
    Posts
    2130
    Edit: a dor por vezes era tão forte (após a volta) que até para vestir as calças (quando flectia a perna) me doía.... flectia com dor, ao alongar, voltava a doer.. gelo, ao fim de 2 dias, já estava novo (não sei se será o teu caso?). A subir degraus, era a mesma coisa..... sem passar umas 48h, cuidado, era horrível!!!
    1 @br@ço, cumprimentos BTTistas

  10. #20
    Se pedalares como falas... Avatar de Joseelias
    Registo
    18-03-2013
    Local
    Seixal
    Posts
    1205
    Eu não sou ortopedista nem fisioterapeuta, mas do que sei ninguém tem um lado do corpo exactamente igual ao outro. Seja no comprimento dos membros, ou na musculatura. E aí, a altura do selim, se estiver numa posição que aumente o stress no corpo irá começar a dar sinal na parte que for mais fraca. Por isso, penso que a altura do selim pode afectar apenas um dos membros.

    Tenta reparar se por acaso na tua pedalada não colocas o pé de forma diferente quando fazes força ou outra diferença qualquer. Pode ser um tique que tenhas e nem te apercebas. Há algum tempo atrás reparei que andava a fazer isso, pondo o calcanhar direito um pouco mais para fora que o esquerdo. Acabei por corrigir isso ao ajustar o cleat para me forçar a pedalar com o pé na posição correcta. Era um tique que desenvolvi sem dar conta e que a longo prazo poderia não trazer bons resultados. Se calhar até comecei a pedalar assim por causa de um mau ajuste do cleat...
    "Don't buy upgrades; ride up grades" - Eddy Merckx
    A BTT'ar desde 1993... mais coisa menos coisa...
    A minha "bomba" made in 1996

Regras

  • Você não pode colocar novos tópicos
  • Você não pode responder
  • Você não pode adicionar anexos
  • Você não pode editar as suas mensagens
  •