Pág 1 de 44 12311 ... ÚltimoÚltimo
Mostrar resultados 1 a 10 de 431

Tópico: Soluções e considerações para uma relação 1x [1x1;1x8;1x9;1x10;1x11]

  1. #1
    Trata por tu os "desmontas" Avatar de Joel O.
    Registo
    10-02-2007
    Local
    Aveiro
    Posts
    138

    Soluções e considerações para uma relação 1x [1x1;1x8;1x9;1x10;1x11]

    Olá

    Existe pelo fórum alguma informação sobre esta configuração, mas toda muito dispera. O recente XX1 lançado pela sram pouco trouxe de novo ao mercado, mas sensibilizou alguma malta para esta solução.
    Já existem alguns utilizadores que rolam neste registo, e mais uns poucos curiosos. Como é relativamente popular no estrangeiro, mas nem tanto por aqui, criei este tópico para condensar algumas dicas e considerações sobre esta configuração.

    Temas de relevância maior sugeridos para discussão: relações utilizadas, guias de corrente ou outras soluções, estilos de pedaladas e cadência, ofertas no mercado, novas tendências.

    Este tópico tem alguma boa informação.

    Escrevi na análise da minha bicicleta um texto sobre a minha configuração.


    Já rolo há quase um ano nesta configuração, e será assim que me vou manter num futuro próximo. Nesse sentido, estou a pensar em algumas alterações que poderei fazer no sentido de aprimorar o conjunto.
    Primeiro, gostava de montar um prato específico, sem pistas. Algo entre o 33 (se existir) e o 34. O 32 é mais que suficiente, mas se conseguisse aumentar a amplitude na cassete a 36, talvez esperimentasse um prato maior.
    E nesse sentido, que opções já existem no mercado para personalizar a nossa cassete? A mim interessava-me uma extensão para alterar a minha cassete 11-34 com um novo sprocket atrás com 36. Já surgiram uns conjuntos artesanais com bom aspecto, e a frm também tem um, mas os preços ainda são muito altos.
    Ao nível dos guias de corrente, parece-me que as soluções mais populares são entre a mrp e e-thirteen. Nos fóruns internacionais existem algumas soluções artesanais. Queria construir uma, mas ainda não me decidi por nenhum modelo.

    Está lançada a discussão.

  2. #2
    Já tem os pedais de encaixe ensinados Avatar de froids
    Registo
    18-08-2008
    Local
    Paço d'Arcos
    Posts
    725
    Olá!

    Eu sou um dos "adeptos/curiosos" sobre esse tipo de relações.
    Depois de ter começado a andar de bike com relação 32x18, comecei a perceber que uma transmissão em 1x10 é mais que suficiente para fazer quase tudo.
    Esse será o sistema que irei adoptar quando tiver que trocar a transmissão da minha bike de mudanças. Ainda não pensei em relações especificas, mas penso que uma k7 de 10v ou 11v com uma pedaleira de 32 cumpra bem as minhas necessidades.

    Só no final de Janeiro é que vou testar esse sistema.
    Depois venho aqui dar feedback!

    Abraços
    Última edição de froids : 27-12-2012 às 10:46
    ### Em actualização ### O Limpaneves - As minhas aventuras por esse mundo fora... ### Em actualização ###

  3. #3
    Já se equilibra sozinho na bike
    Registo
    16-05-2012
    Local
    Cascais/sintra
    Posts
    45
    Desculpem a duvida mas para alem do peso e de menos uma peça de desgaste (o desviador dianteiro) que mais vantagens tem?

  4. #4
    Se pedalares como falas... Avatar de tpfernandes
    Registo
    23-07-2008
    Local
    Vila Nova de Famalicão
    Posts
    1064
    Não são duas vantagens suficientes se funcionar e se te adaptares?
    S. Pedro Rates - Santiago (Português) - 2008 | Caldelas - Santiago (Sanabrés, Via de Prata) - 2009 | S. Pedro Rates - Santiago - 2011 (Português) | S .Pedro de Rates - Santiago - 2012 (Costa)

  5. #5
    Já se equilibra sozinho na bike
    Registo
    16-05-2012
    Local
    Cascais/sintra
    Posts
    45
    claro que são gostaria era de saber mais... :P

  6. #6
    Para mim a maior vantagem é a simplicidade, só um manipulo, uma alavanca para meter mais pesado, outra para meter mais leve, e está sempre pronto para pedalar com força. Na minha opinião, para treinos, passeios domingueiros e XCO não há melhor que isto!

    Já há uns meses que ando com um prato FSA DH 34T e cassete 11-36 na minha Rockrider e estou bastante contente com esta configuração.

    A melhor escolha é sem dúvida o 1x10, as cassetes 11-36 já são das mais baratas que se podem encontrar. 1x11 com o Sram XX1 é impensável ao preço que custa a cassete. Adaptadores para meter 36T em cassetes de 9v não faz sentido, é mais viável alterar a transmissão para 10v e comprar logo uma cassete 11-36.
    Uma cassete 11-36 com um prato 34T numa 26", ou 32T numa 29er, para mim é o ideal. Sobe-se tudo e não se deixa de andar depressa por isso.

    Quanto ao guia de corrente, eu não uso nada disso e com o prato específico para singlespeed é muito raro a corrente sair do prato.
    Se forem usados um prato singlespeed, um desviador traseiro Shimano Shadow Plus ou Sram Type 2, e a corrente quase o mais curta possível, não vão haver problemas e o guia torna-se desnecessário.
    Outra solução é usar o desviador da frente como guia de corrente, apertando totalmente os parafusos limitadores, como também já usei:

    ficacador.tumblr.com

  7. #7
    Já tem os pedais de encaixe ensinados Avatar de diogobike
    Registo
    09-10-2011
    Local
    leiria
    Posts
    758
    Só vejo uma desvantagem nas subidas mais íngremes e mais técnicas, a corrente pode se partir com a força da pedalada do ciclista.

  8. #8
    Se pedalares como falas... Avatar de fabio viana
    Registo
    30-07-2011
    Local
    Pé-de-Moura,Gondomar
    Posts
    1728
    nao te preocupes, porque eu ja andei com uma pedaleira com 34 dentes, com uma cassete 14-28, e a corrente nao partiu, por isso com uma cassete de 9v ou 10v acho que tambem nao parte

  9. #9
    diogobike, isso não é verdade.
    Quanto mais pequeno for o prato à frente, mais força transmitimos à corrente. Quanto maior for o carreto da cassete, menos força a corrente precisa de transmitir para a roda se mover com o mesmo binário. Por isso quanto muito essa é uma vantagem.

    A maior e única desvantagem é ficar com os limites das relações de transmissão mais curtos, razão essa que é suficiente para grande parte das pessoas.
    ficacador.tumblr.com

  10. #10
    Já saca os pneus à mão Avatar de bururu
    Registo
    25-01-2006
    Local
    Torres Novas
    Posts
    160
    Eu sou mais um adepto de um só prato a frente.
    Neste momento tenho 1x9 com prato 32 e cassete 11-32, já ando assim a 6 meses. Ando com esta configuração porque era o que tinha na altura na bike, e não ia estar a comprar material sem antes experimentar.


    Como me adaptei a este sistema, vou agora trocar para 1x10 com um prato 34 e cassete 11-36. Assim com o 34x11 consigo ter velocidades um pouco mais elevadas ou então ter uma cadencia mais pequena, e com o 34x36 fico com uma relação um pouco mais leve para aquelas subidas mais técnicas!

Regras

  • Você não pode colocar novos tópicos
  • Você não pode responder
  • Você não pode adicionar anexos
  • Você não pode editar as suas mensagens
  •