Pág 1 de 7 123 ... ÚltimoÚltimo
Mostrar resultados 1 a 10 de 62

Tópico: Ensaio em Detalhe - Specialized Epic Expert Carbon

  1. #1
    Super Moderador Avatar de zykon
    Registo
    08-08-2006
    Local
    Por ai...
    Posts
    4058

    Ensaio em Detalhe - Specialized Epic Expert Carbon

    Ensaio Em Detalhe:
    Specialized Epic Expert Carbon


    Texto: Carlos Sebastião
    Fotos: Paulo Pires


    A Specialized Epic têm sido desde o seu aparecimento uma das bicicletas mais desejadas pelos riders para Cross Country. O nome desperta a curiosidade de todos, pois é uma bicicleta que promete o melhor de dois mundos. Por um lado, a eficácia de pedalada característica de uma Hardtail e por outro o conforto e tracção de uma suspensão total. Para conseguir preencher estas duas características, a Epic usa uma geometria afinada ao longo de vários anos aliada ao famoso amortecedor traseiro Brain, desenvolvido em parceria com a Fox.


    Índice








    Quadro e construção
    Para o quadro desta bicicleta, que se situa a meio da gama Epic, a Specialized utiliza dois materiais, o carbono FACT IS 9m e alumínio M5 para o triângulo traseiro.
    Todo o quadro tem um aspecto imponente, desde a testa de direcção cónica, tubos de diâmetros elevados, o tubo de selim têm uma curva para permitir o desviador dianteiro direct mount, o eixo pedaleiro pressfit exige também uma dimensão superior a essa zona.
    O balanceiro tal como noutras bicicletas desta marca, tem um design simples e minimalista. São usados rolamentos selados em todos os pivots de forma a proteger


    Todos os cabos passam na parte inferior do tubo diagonal, conferindo assim um aspecto bastante limpo a todo o quadro.
    Também os sistemas de fixação dos mesmos são discretos, no tubo diagonal são usados uns pequenos suportes com parafuso e nas escoras, encaixes moldados directamente no alumínio.
    Para a pintura e restante decoração, a Specialized utilizou apenas duas cores, o vermelho e o branco. A pintura e o letering é bastante simples e sóbrio.
    Estas cores são seguidas pelos restantes componentes, em que as cores predominantes voltam a ser estas duas.


    Todo o triângulo traseiro é dominado pelas articulações do sistema de suspensão FSR e pelo reservatório do BRAIN.
    Podes encontrar uma explicação detalhada sobre o sistema FSR no nosso ensaio à Specialized Camber




    O cérebro por trás da eficiência
    O Brain tem sido desde sempre o factor de diferenciação da Epic e possivelmente o aspecto chave do seu sucesso.
    Este amortecedor é constituído por duas componentes distintas. Um amortecedor a ar/óleo em tudo semelhante aos demais e uma válvula de inércia. Esta é a responsável pela eficácia do sistema.
    Em termos simples uma válvula de inércia não é mais que uma válvula que se opõe ao estado estático em que está normalmente, abrindo apenas quando uma força especifica é exercida no sentido de abertura da válvula.

    Transpondo este conceito para o amortecedor da bicicleta, ao colocar a válvula de inércia próxima do eixo da roda traseira esta fica na posição ideal para receber todos os impactos provenientes da roda. Assim, quando as forças das irregularidades do terreno são exercidas na roda traseira ultrapassando a força regulada na válvula ela abre, permitindo o fluxo de ar e óleo e o consequente funcionamento do amortecedor.Ultrapassada a irregularidade do terreno, a válvula retorna à sua posição inicial impedindo o movimento do amortecedor.


    A força que é necessária para "abrir a vávula" é regulada através do Brain Fade, definindo a sensibilidade/eficácia do amortecedor.

    Com a evolução da geometria da Epic, o amortecedor e a válvula deixaram de ser uma peça integrada, para passar um sistema de duas componentes ligados por um tubo. Todavia a válvula mantém a sua posição perto do eixo traseiro, fundamental no conceito do sistema.


    Componentes

    O modelo testado, Expert Carbon, apesar de na gama Epic se situar a meio da mesma, vem equipado com componentes de alta qualidade.
    A Specialized propõe assim uma mistura com alguns componentes exclusivos, com outros da própria marca e com os restantes a situarem-se numa gama média alta.

    A comandar a frente desta máquina encontramos uma Rock Shox Sid de 100mm também ela equipada com Brain, sendo um modelo elaborado em exclusivo para a Specialized. Conta com o ajuste de sensibilidade do brain e rebound.


    Na traseira, encontramos o MiniBrain, um amortecedor desenvolvido numa parceria entre a Specialized e a Fox. Este amortecedor é constituído por duas partes, um reservatório no triângulo traseiro e o amortecedor propriamente dito, debaixo do tubo superior. Este possibilita o ajuste da sensibilidade da plataforma.



    Passando para as rodas, estas são montadas com aros e cubos Specialized, os Roval Controle AL e com os famosos raios DT Swiss Competition 1.8/1.6mm, que aliam um peso contido a uma elevada resistência. A decoração das rodas segue o esquema de duas cores, neste caso, branco e preto. O resultado final é bastante agradável.


    A calçar estas rodas, encontramos novamente material da Specialized, neste caso um atrás S-Works Fast Trak LK e à frente um S-Works "The Captain", ambos na medida 2.0 e 2Bliss Ready. Este conjunto de pneus provou ter uma aderência bastante boa sem comprometer o rolar. O "The Captain" mostrou também ser um óptimo pneu direccional.

    Para parar esta máquina, temos uns travões Avid Elixir R CR SL exclusivos para a Specialized. Têm potência suficiente para a maioria das situações, mas não surpreendem. Em algumas descidas mais longas acusaram fadiga mais rapidamente que seria expectável. As pastilhas podem também não ter tido tempo suficiente para acamar.


    Passando para a transmissão, encontramos um conjunto muito agradável de componentes, é um sistema 2x10 constituído quase exclusivamente por componentes Sram, com excepção para a cassete Shimano. Como é apanágio do material SRAM, as relações são mudadas de forma extremamente rápida e precisa.
    A relação 2x10 foi suficiente para todas as situações durante o ensaio.


    Olhando para os periféricos, todos eles ostentam a marca da Specialized. O espigão, aperto do espigão, avanço e guiador são de alumínio mas de ligas diferentes. Os punhos são também Specialized e com bloqueio, uma opção que apesar de transmitir a segurança dos punhos não rodarem acabam por penalizar o peso. O conforto dos mesmos é bastante satisfatório, nota negativa para a cor, o facto de serem brancos faz com que se sujem muito facilmente e o facto de a sua superfície não ser lisa torna-os mais difíceis de lavar.


    Passando para um dos mais importantes pontos de contacto com o ciclista, o selim, este fica também entregue a Specialized, com o modelo BG Phenom Comp. O selim é bastante confortável, numa das sessões de teste passámos cerca de 5h seguidas a pedalar sem problemas de desconforto.




    Nos trilhos


    A Epic é uma bicicleta que se propõe ter a eficácia de pedalada de uma HT e ao mesmo tempo o conforto de uma FS.
    Assim que nos lançamos aos trilhos, rapidamente concluímos que de facto esta máquina consegue transmitir praticamente toda a força de pedalada para a roda, sem perdas derivadas da presença de um amortecedor traseiro.


    O habitat natural da Epic é claramente em trilhos técnicos,sejam eles a descer ou a subir.


    Quando enfrentamos uma parede técnica esta bicicleta mostra tudo o que vale. O Brain mantém a roda traseira constantemente colada ao chão, nunca perdendo a tracção, a isto ajudam também os pneus escolhidos pela Specialized, que mesmo nos exigentes single tracks da Sicó se portaram sempre à altura sem perdas de tracção comprometedoras.


    A geometria afinada ao longo dos anos pela Specialized mostra-se bastante eficaz para enfrentar todas estas subidas de forma serena. O ângulo de direcção permite uma manobrabilidade excelente em todas as situações e uma posição de condução que permite passar confortavelmente várias horas em cima desta bicicleta.
    Apesar de ser uma bicicleta virada para andamentos rápidos, usa um guiador com alguma elevação e recuo, o que contribui para o bem estar em cima desta bicicleta.


    Como tudo o que sobe têm que descer, a Epic não é excepção e fá-lo muito bem. Sujeita a single tracks bastante exigentes em termos de piso, esta bicicleta mantêm sempre um controlo fabuloso. A Sid a comandar a frente, apresenta uma capacidade de amortecimento que permite ultrapassar todos os obstáculos de forma segura e eficaz. Esta Sid, feita em exclusivo para a Specialized, têm também o sistema brain. O sistema pareceu ser mais eficaz na traseira do que na Sid, pois nesta assim que fechássemos um bocadinho a válvula do Brain a perda de sensibilidade era notória. No amortecedor traseiro, o Brain funciona realmente bem, e só quando este já está afinado para o máximo de eficácia na pedalada em detrimento da sensibilidade é que notamos a capacidade de amortecimento reduzir. Por esta razão, o brain da Sid durante o nosso ensaio andou quase sempre regulado para a máxima sensibilidade, de forma a termos a máxima capacidade de amortecimento.


    O amortecedor traseiro volta a brilhar, mantendo a roda traseira no chão e adicionando um nível de conforto bastante elevado.
    A ajudar a esta eficácia nas descidas está o guiador elevado e com uma largura generosa para ajudar no controlo, contudo podia ter alguns centímetros a menos, que ajudariam na rapidez de manobrabilidade. Sentimos que por vezes teria sido bem vinda, de qualquer forma, é um compromisso equilibrado para a maioria das situações


    Em suma

    A Epic é efectivamente tudo aquilo a que se propõe, conseguindo aliar o melhor de dois mundos quase na perfeição.
    Com a qualidade de construção e atenção ao pormenor que a Specialized já nos habituou, esta máquina está preparada para tudo, desde grandes tiradas até ao curto passeio, vai certamente satisfazer e divertir quem a adquirir, quer pela sua eficácia, quer pelo conforto de uma FS. Apesar de não ser propriamente barata, a sua gama começa em cerca de 2800€, com o modelo Comp que tem um quadro totalmente em alumínio e componentes de gama inferior. Mas quem não puder adquirir uma gama superior ficará bem servido, pois a essência está toda lá, na geometria e no Brain.






    Ficha Técnica do Quadro
    • Material do quadro: Carbono FACT IS 9m e Alumínio M5
    • Curso traseiro: 100mm
    • Curso máximo permissível de suspensão frontal:
    • Tamanhos disponíveis: S, M, L, XL
    • Caixa de direcção: Cónica (Rolamento superior 1.1/8” e inferior 1.5”)
    • Diâmetro espigão de selim: 30,9mm
    • Aperto de espigão de selim: 36,9mm
    • Tipo de desviador da frente: Montagem directa S3 para DMD, bottom pull
    • Linha de corrente:
    • Dropout traseiro:
    • Tamanho de rotor máximo:
    • Rota de passagem de cabos: Externa, cabos de desviadores e tubo hidráulico sob o tubo diagonal.



    Componentes da Bicicleta Testada
    • Quadro: Specialized Epic Carbono Fact 9m e escoras traseiras em alumínio M5
    • Suspensão: RockShox SID 100mm exclusiva c/ Brain
    • Amortecedor: Fox/Specialized MiniBrain
    • Manípulo: SRAM X.9, 10 velocidades
    • Desviador F: SRAM X.7 ,10-velocidades, bottom pull
    • Desviador T: SRAM X.0, 10 velocidades, caixa média
    • Pedaleira: SRAM Carbon S-2200 10 Velocidades 2 pratos 26 - 39, exclusiva
    • Eixo Pedaleiro: SRAM PF-30
    • Cassete: Shimano HG81, 10 velocidades, 11-36
    • Corrente: KMC X10
    • Travões: Avid Elixir R CR SL exclusivo
    • Rodas: Aros Roval Controle AL com cubos Roval Controle AL e Raios DT Swiss Competition 1.8/1.6mm
    • Pneus F/T: S-Works "The Captain", 120 TPI 2.0 / S-Works Fast Trak LK, 120 TPI 2.0
    • Selim: Specialized BG Phenom Comp
    • Espigão de Selim: Specialized Alumínio 2014 30,9mm x 400mm
    • Avanço: Specialized XC 31.8mm
    • Guiador: Specialized XC 660mm de largura, 8 graus de recuo, 6 graus de elevação, 31.8mm
    • Caixa Direcção: Specialized Cónica 1-1/8 1.5
    • Punhos: Specialized com lock
    • Pedais: Fornecida sem pedais






    Geometria

    Para o tamanho M testado:
    • HTA - Ângulo de direcção: 70º
    • STA - Ângulo de tubo de selim: 74º
    • ETT - Tubo superior efectivo : 589mm
    • ST - Tubo selim: 424mm
    • HT - Tubo direcção: 135mm
    • CS - Escora inferior: 425mm
    • SO - Standover: 765mm
    • BB - Altura da caixa do pedaleiro: 331mm
    • WB - Distância entre-eixos: 1096mm


    Agradecimentos

    O staff do FórumBTT agradece à Specialized Portugal e à loja LenaMotos a cedência da bicicleta de teste para a realização deste ensaio.

  2. #2
    Se pedalares como falas... Avatar de C.Orelhas
    Registo
    28-12-2009
    Local
    +/- Por ai :D
    Posts
    1690
    Sem duvida alguma que está aqui grande máquina.

    Parabéns pela analise.

  3. #3
    Qual é o peso?

  4. #4
    Pedala tanto que tem os Cranks polidos! Avatar de rm6
    Registo
    08-11-2008
    Local
    Guimarães
    Posts
    260
    Sempre gostei desta máquina, ando a pensar seriamente em largar a HT e este maquinão está no primeiro lugar da lista de 3 possiveis

  5. #5
    Trata por tu os "desmontas" Avatar de bttsempre
    Registo
    30-11-2008
    Posts
    109
    E o peso da bina é secreto?!

  6. #6
    A força é tanta que parte correntes Avatar de pauloreis
    Registo
    06-12-2010
    Local
    SMF
    Posts
    223
    Parabéns Zykon, pela analise..Quanto à bike pouca há a dizer!! é uma specialized!! maquinão

  7. #7
    Super Moderador Avatar de zykon
    Registo
    08-08-2006
    Local
    Por ai...
    Posts
    4058
    A Specialized não divulga os pesos e eu também não a pesei.
    De qualquer forma, vou tentar obter essa informação de alguma fonte fidedigna.

  8. #8
    Usa Triciclo
    Registo
    27-10-2010
    Posts
    6
    Ensaio óptimo, aliás como de costume. Mas porquê com esta e não com a 29er? Parece-me que seria mais lógico dada a actual tendência... ou será que na vossa opinião a roda 26 suplanta a 29 nos seus atributos?!

  9. #9
    Trata por tu os "desmontas" Avatar de mescal
    Registo
    09-02-2006
    Local
    Faro
    Posts
    137
    Seguramente abaixo dos 11Kg tal como vem de origem.

  10. #10
    Super Moderador Avatar de zykon
    Registo
    08-08-2006
    Local
    Por ai...
    Posts
    4058
    A indicação da Lenamotos é de 11kg, mas não tinham nenhuma lá para pesar e saber o exacto.

Regras

  • Você não pode colocar novos tópicos
  • Você não pode responder
  • Você não pode adicionar anexos
  • Você não pode editar as suas mensagens
  •