XII Passeio BTT Trilhos de Pontével - 2016

#1
XII Passeio BTT Trilhos de Pontével ou100% LAMA


Esta é uma prova que gostaria de poder classificar positivamente, dada a simpatia e hospitalidade com que fomos recebidos em Pontével.

Uma partida bem organizada (ainda que com atraso), a oferta de pequeno almoço (com uma míriade de bolos) que nem todos se terão apercebido ser gratuíto, um saco de brindes bem preenchido, um percurso bem marcado por zonas bonitas, banhos quentes e um almoço excelente(!!) à descrição.

No entanto.... .....nas mesmas condições não voltarei a Pontével.

Os trilhos estavam totalmente impraticáveis com a quantidade de lama. Fosse a subir ou a descer, lama, lama, lama.
Paredes que seriam dificeis de subir com um piso normal, que era IMPOSSÍVEL subir montado com toda aquela lama. (confirmei a mesma dificuldade com um dos atletas que ficou no pódio)
Eu saí da cama às 6 da manhã na expectativa de ir pedalar, e põr-me à prova na arte do pedal, não na do empurra-a-bicicleta!
Infelizmente, só na parte final da prova consegui pedalar mais a sério, porque na maior parte do terreno era o empurra, ou o pedala devagarinho não vá acabar deitado na lama.



Não há condições para se fazer provas durante o inverno, por zonas húmidas como a lezíria, se não há atenção com o tipo de percursos que são escolhidos!
Existem zonas de btt em que alguma lama não é grave, e é perfeitamente ciclável. Sintra, por exemplo, a lama não é barrosa e é raro originar quedas e derrapagens. Agora naquela zona do ribatejo? Com aquela terra?

Porque escolhem então aquela data para aquele tipo de terreno?
"Porque se fizessem no verão sabem que não vão ter 500 inscrições, porque há muita concorrência" - citando um bttista pontevelense com quem desabafei no meio do pelotão. :fpalm:


Portanto, organiza-se uma prova sabendo que provavelmente não se vai proporcionar condições mínimas de percurso, e pede-se dinheiro para percorrer aquele tipo de trilhos que nós, no nosso grupo de domingo, evitamos percorrer quando está a chover porque já sabemos que são intrasitáveis e perigosos.

Nada disto é novo em Pontével, pelo que me dizem, mas este ano não tiveram o cuidado de substituir as piores zonas do percurso.

Foi muito pouco pedal para a muita simpatia dos Quarentões.
Só volto a Pontével se houver seca no próximo inverno.