Scott ASPECT 20 vs Rockrider 8.2

#1
Viva pessoal,

Necessito de um pequeno conselho: um amigo meu tenciona adquirir nos próximos dias uma bike para dar uns giros e no fundo, desenferrujar :mrgreen:. Pediu-me ajuda nesse sentido, no entanto, há algum tempo que ando um pouco afastado destas lides e daí estar um pouco desactualizado.

Ele tem preferência por uma marca mais conceituada, porém a RR está melhor equipada. Ora vide:

http://www.decathlon.pt/PT/rockrider-8-2-36120081/



Relativamente às características Scott:

Quadro: Aspect Hydroformed D.B. Alumínio 6061

Suspensão: Suntour XCR Lockout 100mm

Amortecedor:

Caixa de Direcção: Ritchey Logic OE Integrada

Desviador Tr.: Shimano SLX 27 velocidades

Desviador Fr.: Shimano Deore

Manipulos: Shimano Deore Rapidfire Plus

Travões: Shimano BR-M486

Manetes: Shimano BL-M486

Pedaleira: Shimano FC-M442 44x32x22 T

Corrente: Shimano CN-HG53

Cassete: Shimano CS-HG50-9 11-32 T

Eixo Pedaleiro: Shimano BB-UN-26

Guiador: Scott Aspect OS 620mm

Avanço: Scott Comp

Pedais: Wellgo LU-998-S

Espigão de Selim: Scott Comp

Selim: SCT-10 SL Aspect 09

Cubo Fr.: Formula FM-21FQR

Cubo Tr.: Shimano FH-RM60-8

Raios: Aço Inoxidável

Aros: Alex ACE-24 D-Wall

Pneus: Scott OZON 26 x 2.0



Eu pessoalmente julgo que iria para a RR, dado que tem melhores componentes e o peso é inferior. Que me dizem? Julgam que é uma opção acertada?

Podem opinar livremente e até sugerir outros modelos. ;)

Grato desde já.

Cumps
 
#2
É que nem pensava duas vezes e ia para a RR. Essa Scott não tem comparação em nada com a RR 8.2. Ele que não se deixe influenciar por ter uma bicicleta de marca porque com essa Scott as únicas pessoas que vai convencer que tem uma grande bike são as que não percebem nada de bicicletas. Qualquer entendido em bikes sabe que a RR dá "um bigode" a essa Scott.
 
#3
Boas,
A 8.2 dá 10 a 0 à Scott.
Não se podem sequer comparar. Essa Scott talvez se possa comparar à 8.1 e e...!
Comparar o nível de equipamento da 8.2 com esse modelo da Scott, é quase como comparar um maserati a um fiat!
Só em suspensão, transmissão e rodas, a 8.2 mete qualquer marca do mundo, que pratique os mesmos preços, no bolso!!

cumpsssss
FMateus.
 
#4
Pois, era o que calculava. Confirmem só o seguinte pf: por este patamar de preços, esta 8.2 bate qualquer outra no mercado, correcto?

Obrigado desde já ;)
 
#5
É fácil de responder a esta dúvida.

Se queres uma boa bicicleta, bem equipada a um preço imbatível...tens isso tudo na RR 8.2...
Se o que te interessa é as letras escritas no quadro ou esteticamente a Scott é mais apelativa...então a opção é a Scott Aspect...
 

JMCM

New Member
#6
Nesta gama de preços a RR 8.2 está muito boa, e em absoluto é uma boa bicicleta.

Quanto a marca... eu gosto da Rockrider.
 
#7
Boas

Eu sem duvida escolheria a 8.2 pois como toda a gente diz esta muito bem equipada....

Se fores da zona norte opta por ir á nova loja decathlon Matosinhos para alem de poderes ver a nova loja podes experimentar a bike sem qualquer problema ...

Qualquer duvida com a loja nova manda me PM :p
 
#8
Só uma questão.
Quanto custa a Scott?
Eu também sou da opinião que é preferivel ter bons componentes na bike a ter letras no quadro de uma marca conceituada. Agora, isto das bicicletas é como os carros, ou seja, na hora de trocar, um BMW vale sempre mais que um Renault...

Abraço e boas pedaladas
 
#9
Tu ainda nem compras-te bicicleta e já estás a pensar trocar...ehehehe...

Falando a sério, muito sinceramente não acredito que consigas fazer valer mais a Aspect na troca. Além disso se venderes os componentes em separado, tu ves logo a diferença.
Se ainda fosse uma scale, aí ainda acredito que na troca podia pesar um pouco essa denominação, agora uma Aspect não me parece.
 
#10
Epá, eu também não vou lá por marcas, na minha opinião o que conta são as pernas do ciclista. Como já disse é preferivel ter bons componentes num quadro rasoável, ainda que não seja de uma marca XPTO, do que o inverso. Agora hasde concordar que o apetite voraz do mercado por marcas conceituadas é enorme e tenta tu vender isoladamente um quadro RR ou um Scott e vê quanto é que te oferecem por um e por outro.

Abraço
 
#11
Agradeço desde já toda a vossa ajuda. Após a própria leitura aqui do tópico, creio que o rapaz começa a ficar mais inclinado para a RR ;)

No entanto o leque de escolhas actualmente é o seguinte:

- Scott Aspect 20 2009 (€600)
- Scott Scale 70 2009 (€750)
- RockRider 8.2 (€800)
- Rockrider 9.1 (€900)

Ainda assim, pessoalmente continuaria a optar pela 8.2, pois é uma HT mediana, enquanto que a 9.1 é uma FS de entrada de gama.

Que me dizem?

Obrigado ;)
 
#12
Navego por cá há 1 ano e ainda estou para entender o significado de certas expressões tipo "um bom quadro, ou então uma boa base para evoluir" Gostava de conhecer o "Platão" que semeou tamanha erva daninha por cá :D
Para mim um bom quadro é igual a pintura a gosto e peso dentro da norma, etiquetas e gravatas só para ir á missa :D.
Tommy tu como amigo do teu amigo e membro do forum tinhas obrigação de elucidar o rapaz sobre estas coisas pá :D ( aposto que a bike é para ti lol )
Apaga lá do teu leque de escolhas as Scott's e a 9.1 que são mt caras ( leia-se chaços) :D e compra o missil 8.2 :D
Depois diz lá quanto medes pa malta te dizer o tamanho adequado :D

Abraços
 
#14
Lol, não é para mim não. Já estou mais que servido. Tenho uma Nitrous 10 e uma P2. O problema é que este mundo das bikes está um pouco em segundo plano desde há 2 anos a esta data. E daí eu estar bastante desactualizado.

Eu já o elucidei sobre todos esses factos, mas o gajo é teimoso! Se bem que já começa a ceder :assobio:

Quanto a tamanhos, será o M dado que ele mede uns 1.75 .


Thanks ;)
 
#15
RR 8.2 e nem é preciso pensar muito! E deixem de lados essas comparações dos BMW, porque na altura de trocar e nesta gama de preço, se vos derem mais 50 euros por ser Scott já é bem bom!
 
#16
Bem, água benta e presunção, cada um toma a que quer.

comprei uma 9.2. a 9.1 não era opção, por causa do uso intensivo, era sim opção a 8.2, no mercado parece que não existe para o preço rival para a 8.2, eu optei pela 9.2 porque felizmente consegui pagar 950€ por ela, nova! e só posso dizer maravilhas. Aliás nem sei quando é que vou conseguir andar no limite da bicicleta que tenho. Scott também gostava mas só pelas cores porque igual ao que eu tenho não comprava por menos de 1500€. Mas HT vê prime e qüer, megabike e rombikes, porque vou comprar bike para a minha esposa e RR para 450€ não tem bicicleta intermedia, salta de 350€ para 650€, e encontrei nestas duas marcas preços realmente muito bons que conseguem concorrer com RR em alguns modelos. Contacta porque arranjaram preços muito bons, a prime dá garantia vitalicia do quadro.
 
#17
RR em termos de equipamento não dá hipótese nenhuma mesmo. Agora resta saber o andamento da mesmo, é um bocado pessoal, depende do quadro, geometria e flexibilidade.

É onde as marcas como Scott e outras investem muito e RR não acredito que o faça, é mais colagem de componentes e tá a andar.

Eu comprei um chaço no decathlon para trekking (btwin) e tive que dar a bike a familiar. Depois comprei uma Specialized trekking e não tem nada a ver o andamento apesar de o equipamento ser muito básico mesmo. Nunca mais la compro nada apesar de concordar que são vistosas especialmente com uma suspensão dessas Reba.
 
Last edited:
#18
RR 8.2 e nem é preciso pensar muito! E deixem de lados essas comparações dos BMW, porque na altura de trocar e nesta gama de preço, se vos derem mais 50 euros por ser Scott já é bem bom!
Que fique bem claro que não estou a defender a Scott, é obvio que a RR é a melhor opção. Agora no acto da compra estamos a falar de uma diferença de 200€, segundo o autor do tópico, e se consegues mais 50€ pela Scott na altura da hipotética retoma, então não é muito dificil perceber o meu ponto de vista.;)
 
#19
boas malta, esta aversão à rockrider é um exgero de muitos, pois aquilo que eu vejo é que quando a malta ingressa no BTT e começa a desfrutar da modalidade a sério, aquilo que acontece é que o investimento a seguir, geralmente é muito maior e os valores envolvdos também, pelo que esta história da retoma ou de um quadro bom é tudo uma treta. Raramente a malta faz upgrades a quadros a não ser que sejam de topo. Aquilo que mais se assiste é que quando o rider troca a montada na maioria das vezes o que faz é trocar algum componente mais eficaz da bike antiga por um da nova, e depois a bike antiga fica para a companheira ou mesmo para voltinhas menos tecnicas.
Aquele abraço
 
#20
Bem eu vi uma Scale 70 e gostei muito apesar de já ter visto a RR também e achar estar melhor equipada, ainda bem que vi isto assim quando (e se) comprar não faço asneiras :)