Rescaldo Up and Down Mangualde 18-09-2011

#1
Bem parece que me cabe a mim iniciar este rescaldo...

Lá fomos nós malta do Dão Nelas até Mangualde para mais uma etapa do Up and Down...

Para mim foi o regresso à actividade depois de 6 meses e 14 dias do acidente de bike...

Objectivo - acabar sem quedas e sem caimbras...

km 3 inicio dos trilhos em terra e depois de passarmos por trás da Praia de Mangualde - Live Beach e por baixo da A25, estava uma participante com com a corrente partida... como desde que pratico BTT (2007) um dos valores que me moveram foi a camaradagem e o espirito de entre-ajuda, parei para ajudar...

Acham que muito mais gente parou?? nem por isso mas claro estava em luta muitos lugares na classificação final...

Como estávamos no km3 rapidamente ficamos sós, fomos até á estrada mais próxima e depois de várias tentativas para nos fazerem chegar um Elo de Engate ele chegou por volta do km 8, à a realçar que esta concorrente fez praticamente 6 km a correr com a bike, quando eu só podia dar apoio moral... chegou finalmente um Elo (à que agradecer ao sr. da moto que fechava o percurso). comecei a montar o elo e era muito grande e não dava para a corrente :(.... a dita concorrente teve que desistir... é pena principalmente para quem veio de MIRA, levantando-se tão cedo para fazer 3km de bike e 8km a correr com ela...

Quanto a mim e depois de explicar qual o melhor caminho para regressar à meta....
iniciei a minha "travessia do deserto", fiz o percurso praticamente só... 5 km depois encontrei 2 betetistas a reparar um furo (onde não foi preciso a minha ajuda), e ainda deu para ultrapassar 4 betetistas um pouco mal tratados pelas caimbras...

De negativo só tenho a apontar o facto de em todas as travessias das estradas que passei não existia ninguém da organização... mas também se compreende... eu seria dos últimos... depois de mim só mais 6 betetistas se não desistiram...

Quanto aos banhos não opino porque tomei banho em casa da sogra e lá almocei também... mas já ouvi falar que o almoço não correu pelo melhor...

Abraço e boas pedaladas.
 
#2
Não participei no evento mas faço semanalmente muitos dos trilhos por onde passou a competição. Confesso que não tive grande informação acerca do evento e que até gostava de ter participado caso houvesse uma meia maratona. Alguém me sabe dizer se havia essa possibilidade?? É que ainda não tenho pulmão (nem bicicleta) para uma maratona completa!
Espero que tenha corrido tudo pelo melhor!!

Cumprimentos!!
 
#4
Boa tarde

Este deve ser para aí o meu 1º post, por isso cá vai...

Penso que a prova estava bastante bem organizada. A Maratona e Meia-Maratona começaram á hora prevista, sem atrasos, sem complicações.
Quanto ás marcações, estavam impecáveis, sem qualquer falha. Até acho que em algumas zonas até havia fitas a mais.
A prova correu-me bastante bem. Tinha combinado com o meu colega de equipa Michel Magalhães, fazermos a prova em ritmo de passeio, aproveitando as belas paisagens do nosso concelho. Infelizmente para ele, teve uma queda, na zona das abelhas ( que por sorte não me morderam) e que lhe provocaram umas pequenas mazelas. Isso atrasou-nos um pouco, o que fez com que chegassemos ao fim numa classificação menos habitual, mas honrosa na mesma.
Os trilhos escolhidos para a Meia-Maratona, que foi a que eu fiz, eram muito agradáveis, um percurso bastante rolante, mas que também tinhas algumas subidas que davam para suar um bocadinho. Apesar de ter feito a prova nas calmas, ainda deu para fazer média de 20,5 km/h.
Quanto ao almoço, cada vez está mais fraquinho. Nem sopa, nem vinho, nem cerveja, e pelo que ouvi dizer, se não fosse inicativa do cozinheiro, de colocar uns sumos, tinhamos que comer o rancho com água. Penso que o Inatel e as associações que organizam estas provas, têm que melhorar esta situação, porque 8 euros, para quem se inscreve antecipadamente e 15 euros no dia, já dá para mais qualquer coisa.

Parabéns ao meus colegas do Azuribike Mangualde Team que estiveram á altura do clube.

Ao Michel as rápidas melhoras, pois no próximo fds, vái ter que dar o máximo no Indo eu BTT. É para ganhar !!!

Cumprimentos,

Amândio Pina
 
#5
Gostei da prova.
Boas marcações, nada de enganos e perfeitamente ajustada ao meu estilo.
Descidas que eu conseguia fazer sem desmontar, subidas cicláveis para poder puxar, secções rolantes, tudo ao meu gosto.
Pena o Moreira ter furado ao conseguir acertar num prego ferrujento num estradão com 3 metros de largura. É preciso pontaria!!!!
Fica para a próxima Moreira!
 
#6
Não fiquei para banhos nem almoço, visto ser da zona, mas quanto ao resto...Percurso, muito bom, com umas subidinhas á maneira para selecionar a malta, descidas muito muito porreiras, embora poucas e curtas...percurso muito rápido (média de 24km/h)....

PRINCIPALMENTE, muito bem marcado, sendo a segunda prova do inatel a estar bem marcada! Seia e Mangualde Parabens!
 
#8
Mais uma boa prova, parabéns pela marcação e pelo traçado estava impek.
Pena foi eu ter furado nos ultimos 12 Km´s e o raio do furo q teimava em não vedar resultado 2 Km´s a correr a apertar o furo para ver se o liquido fazia o papel dele, felizmente fez mas já fui a rolar a meia pressão o que me ia quase valendo uma entrada pela montra da ourivesaria junto da rotunda da meta AI AI.
Só falta mais uma S.P.Sul essa promete.
 
#9
Boa prova com excelentes marcações.
O terreno variado, com os quilometros iniciais cheios de descidas convidava a cuidados adicionais na parte de gravilha (quem os não teve, levou umas mazelas para casa), e depois as subidas compridas para equilibrar as posições...
O almoço não foi bom nem foi mau.. esteve na média, pareceu-me.
Os bombeiros estavam em locais estratégicos que me pareceram bem escolhidos.
O pessoal do Dão Nelas ainda foi fazer claque lá pro meio e tudo! :D 1 abraço , pessoal!!
Mais uma vez havia muitos fotografos, mas fotos???

Não se já repararam na informação presente no site do Inatel, a última etapa reserva umas surpresas muito agradáveis :D
 
#11
Tambem gostei bastante do percurso, com marcações 5*****, correu-me tudo muito bem até ao km38, que foi quando destruí o rolete, o que me levou a reduzir o ritmo para tentar chegar ou fim sem partir o desviador ou o dropout. Quanto ao almoço, já comi bem pior, por isso está na média para o Up and Down, só queria mesmo era cerveja mas pronto...
Agora só nos resta treinar para a última etapa nas Termas de S. Pedro do Sul, por isso nada melhor do que fazer o Rio Paiva BTT Raid no dia 25 em Folgosa, neste garanto cerveja às grades!!
 
#12
Boa tarde pessoal

Pois bem... acho q esta prova merece ter comentário da minha parte, visto ser conterrâneo desta terra. Vou tentar ser sintético.
1º Começo pelo geral, ou seja, pela prova, melhor, pelo percurso (meia-maratona) dizendo q foi espectacular. Muito bom! Tinha de tudo. Estão de parabéns! Tinha partes rolantes, subidas q chegasse, descidas perigosas, outras não perigosas, st. O reforço num local bem situado. Parabens (+1x)
Não vou falar dos banhos, nem do almoço pq não usufrui destes, daí... ficar somente pelo percurso.

2º Qt à minha prestação, como disse o meu colega Amândio Pina (e bem), fomos para esta prova para a paródia, s/ aquele stress competitivo q existe (por mt q a gente finja não ter). E para acrescentar a esta paródia, fomos presenteados c/ umas abelhas alvoraçadas da qual, c/ as suas doces picadas levaram a 1 queda, mas s/ nada de maior. Agradeço o espírito de camaradagem do meu colega Amândio, da qual puxou-me (s/ corda, perceba-se), incentivou-m,e para concluir esta prova. O meu obrigado pelo companheirismo e solidariedade q ele teve.

3º Dar os parabens, claro está, à equipa azuribike mangualde team pela sua prestação. Mas também a todos por terem chegado s/ gravidade, e s/ grd danos nas "mulinhas".

1 abraço e boas pedaladas
 
#13
Boas:
Mais uma prova ao nivel do que o up and down nos tem habituado, bom percurso, boas condiçoes para banho e almoço, bastante gente nos cruzamentos mais perigosos com a estrada, boas marcações. Muito bom. Só tenho de referir dois pormenores menos positivos quanto a mim. Primeiro, Não sei se intencional ou não mas nao foi fornecido o track da meia-maratona, sendo fornecido o da maratona, o que é lamentável quando analisamos que isso pode beneficiar uma equipa da terra que está a lutar pela vitória no campeonato em deterimento das outras. Segundo aquela sinalização a dois kms do fim a avisar da existencia duma vala numa descida relativamente facil, estava muito bem feita e dava um enorme jeito, se estivesse a 20 metros da vala, nao em cima desta... mas tambem só me estou a queixar porque esmurrei os cotovelos no muro :) :).
Boas pedaladas e até s. pedro do sul
 
#14
Prova excelente em marcaçoes,percurso e banhos!!!
Ponto negativo foi mesmo a água,aos 17km naquela descida ninguem apanhava nada e depois so voltavamos a ter água aos 55km!!!
O almoço tambem poderia ser muito melhor!!!
Fots,muita gente a tirar,mas mais uma vez até agora nada:(
 
#16
boa noite antes de mais, eu fiz a maratona e achei o percurso bastante bonito e tinha de tudo um pouco, quanto as ZA(zona de abastecimento) na minha maneira de ver estavam optimas, pois nao se iria por uma ZA numa subida principalmente sendo estas um pouco inclinadas, para qem está habituado a fazer XCM esta prova esta muito boa, quanto a vala penso que estava bem marcado, e descidas perigosas? onde? passei em tantas descidas e nao vi nenhuma perigosa comparativamente ao que se passa na Nacional. comps
 
#17
Num percurso onde se rolou tanto penso que não era necessário a ZA ser numa descida ainda por cima que uns 5 metros adiante tinha uma vala razoável, quem apanha-se a água....ou abrandava MUITO para passar devagar ou não sei...isto só para dizer que havia sitios melhores!

Mas não é por isso que se torna num mau evento, eu achei um dos melhores do up and down, superado apenas (a meu ver) pelo de SEIA!!!
 
#18
Boas, fiz a maratona e realmente o meu objectivo não era muito forte na classificação pois fui fazer a prova como se fosse um treino.
Apesar do pensamento que levava de fazer um bom treino, nos primeiros 20 km ia até num ritmo aceitavel estanto entre os 10 primeiros no entanto aos 25 km tive um pequeno furo que foi colmatado com o liquido que o pneu tinha com essa situação perdi alguns lugares.
Após essa situação voltei a entrar no ritmo e apanhei uma roda de um colega do anadiabikers que teve um pequeno desarranjo intestinal e estava parado no meio da mata eheheheh. andei alguns km com ele quando me aconteceu uma coisa insólita numa prova, eu já a algum tempo que vinha a reparar nas fitas da organização, 1º eram bastantes não havia margem para erros depois 2º uma coisa muito estranha as fitas tinham um cumprimento brutal, do ramo das arvores conseguiam atingir o chão até que ali a chegar a Lobelhe zona que conheço muito bem, existia uma fita bem comprida pertode uma grande pedra que nós começavamos a descer que fez questão de se agarrar no meu guiador e enrrolar-se na minha roda da frente, resultado uma grande queda em grande velocidade, fiquei bastante mal tratado e a bike também, ficando com o guiador virado ao contrário de tal forma que não o conseguia voltar a por no sitio visto as manetes não deixarem, pior disto é que fui ultrapassado por vários mas vários Bttistas e nem 1 me perguntou se quer se precisava de alguma ajuda, não sei se é por a camisola que trago envergada, ou se pelo motivo de andar muitas vezes no grupo mais da frente mas fiquei bastante desapontado com muita gente, pois por norma quando vejo alguém parado pergunto sempre se precisa de ajuda.
Passado isto lá consegui por o guiador no sitio e lá tentei continuar de novo com algumas dores da queda que tive mas consegui terminar a prova.
Escrevi isto tudo para o pessoal que anda parar um pouco e pensar, no domingo foi comigo, mas haverá o dia em que será com outro qualquer, mesmo que ás vezes não parem para ajudar alguém, perguntem sempre se precisam, pois há vezes que alguém precisa mesmo de ajuda.....
Sobre o percurso estava 5 * bem marcado pena foi o gasto enorme no tamanho das fitas que me fez cair....:S
De resto só é pena as fotos não aparecerem, pois deve haver muitas.....
Até São Pedro do Sul.
 
#19
siulm10

tens toda a razão a maioria não para para ajudar, embora eu não te conheça, quase que aposto que tu numa competição destas nunca paraste para ajudar ninguém. desta vez correu-te mal infelizmente, mas os que rodam normalmente nos 50, 60 primeiro e até mais nunca param e muitas vezes perguntam se precisam de ajuda mas sempre em andamento, mesmo que seja necessário parar só falam para descargo de consciência,"se é que a têm".

estou admirado nesta volta parece que houve muitos que só foram passear, mas deve ter sido só da boca para fora pois rolaram tanto como nas outras provas, até já vi comentários de quem rolasse com média de 20,5 e disse que foi passear, não deve ser bem assim, mas cada um é que sabe o que escreve, o que faz e o que anda. Passear a 20,5 deve ser a gozar com quem realmente vai em passeio, ENFIM.

em relação á volta estava tudo muito bem, só deviam ter apostado em zonas de "Singletracks", pelas voltas que já fiz na zona de mangualde sei bem que existem bastantes.
Quanto á organização já não á mais nada a dizer, continua tudo na mesma, a altimetria é raro aparecer ou quando aparece é tarde demais.
 
#20
pjpl

pois é apesar de ter de te dar razão em algumas coisas que escreves, tenho de te dizer que felizmente da minha parte ias perder a aposta ;) não tenho de dar provas a alguém pois existem colegas que já ajudei que sabem bem o que fiz.... e não foi por isso que perdi assim tantos lugares " apesar de andar sempre em ritmo alto sei diferenciar a necessidade ou não para parar" no entanto respeito na mesma os colegas que não param, aquilo que me faz confusão é nem uma palavra esses colegas dirigirem a quem parece estar mal no meio de uma prova, só isso.

sim também concordo contigo, fazer 20 de média não foi passeio mesmo lololol.