[Rescaldo] 4ª Etapa UP and DOWN - S. João do Monte

#21
Depois de me ter perdido umas 3 vezes, “discutido” com pessoas que pensava eu serem da organização … mas eram simplesmente populares a tentarem ajudar nas orientações do percurso … perdi-me sem qualquer possibilidade de voltar para traz …. Segui uma fitas que também eram laranjas … mas diziam KTM … quando me apercebi … tinha feito uma descida cheia de pedras com uma extensão de cerca de 4km … Nahhh, já não dava para voltar para traz … farto de dar voltas entres as povoações de Vila Mendo e Agadão, encontrei um popular que me disse … uiiiii para S.João do Monte terá que subir ir até uma rotunda e seguir as indicações de Alcafaz … lá fui eu … sempre a subir até a tal rotunda e depois de Alcafaz … onde fui dar???? … à N230 no inicio da subida para o Caramulo … sabendo onde estava pensei eu … eiiii ainda tenho tanto para subir!!!!. Bom … lá fui eu sempre a Trepar até a bonita Povoação de S. João do Monte …. Cheguei com 61km onde cerca de 30 feitos em alcatrão tentando, pelo menos, chegar a “meta”….
tu querias mas é ir almoçar a Malhapão:rotfl::rotfl:
 
#22
Boa Tarde Pessoal.

Agora, e depois de assentar a poeira, mais a frio, cá vai a minha opinião...

Independentemente de tudo o que aconteceu, eu gosto das “pedras”, calçadas, subidas e descidas de São João do Monte.. Não gosto dos trilhos cheios de lenha, folhas de eucaliptos e mato para onde insistem em nos levar… então aquele corta fogo, ou lá o que era, no meio dos eucaliptos… :p

Fui um, de entre as várias dezenas (incluindo os quatro primeiros a cruzar a linha de meta), que falhou o segundo “posto de controlo” nos últimos quilómetros, por motivos de falhas na marcação... Dos cinquenta primeiros, mais de trinta falharam esse controle, e por isso fomos desclassificados... Tudo decorreu de uma forma muito estranha... mas pronto, à frente...

A prova foi o que foi, à semelhança dos anos anteriores, mas desta vez para pior... Se os que já conheciam, não esperavam uma grande organização, todos os que lá estiveram perceberam que já não chega a boa vontade das gentes de São João do Monte, para organizarem uma etapa do "Up and Down". O campeonato "cresceu", mas esta prova não acompanhou essa evolução... pelo contrário.

Fui responsável pela organização das etapas que, ano após ano, se realizaram em Vouzela. Eu, e muitos voluntários, já demos muitos dias para ajudar ao crescimento deste campeonato, e é com alguma tristeza que vejo os acontecimentos recentes.
A FUNDAÇÃO INATEL, como entidade promotora e organizadora do evento tem a obrigação de aceitar as criticas, e reflectir sobre elas, para poder melhorar, e no ano seguinte não cometer os mesmos erros. Apesar de não estar directamente ligada à organização logística de cada etapa, pois delega-a a cada associação e/ou município, deveria ter, à semelhança dos primeiros anos” um ou mais elementos que acompanhassem e verificassem as condições da prova. Daqui um abraço ao FERNANDO ENES.

Gostaria ainda de dizer ao colega Valter Cagaréu, que não deve julgar o campeonato, muito menos a prova de Seia, pela organização de São João do Monte. O campeonato tem tido ao longo dos últimos anos provas de elevadíssima qualidade e por isso não é justo. Primeiro porque a etapa de Seia, no ano passado, teve uma organização irrepreensível. Segundo, porque cada organização é uma organização, se assim não fosse, a “Maratona de Aveiro” a que se refere e que teve uma boa organização no ano passado, teve uma primeira edição desastrosa… em alguns pontos, pior que São João do Monte, ontem...

Por último de salientar que, se a quantidade de atletas tem aumentado ao longo dos anos, a “qualidade” tem vindo a piorar a olhos vistos… e atenção que eu falo do vejo, enquanto participante da meia maratona, que “luta” para entrar nos… 100 primeiros!!!!!.....  é degradante…

Acho que já escrevi demais… :p

As melhoras para todos os que se magoaram, abraço e boas pedaladas.

Paulo Novo
 
#24
Já agora deixo aqui uma opinião sobre a questão dos colegas desclassificados. Julgo que confirmando-se a falha nas marcações (que penso haver já confirmação) não deveriam esses atletas ser desclassificados mas sim terem uma penalização no seu tempo. Essa penalização em tempo poderia ser calculada pela "vantagem" que tiveram seguindo por aquele percurso.
É apenas uma ideia.
Não faço parte desse leque de colegas que foram "enganados" pelas deficientes marcações e havendo penalização em tempo poderei ficar menos bem classificado, mas para além de ser uma questão de justiça não vai seguramente afectar a minha pontuação :D
 
#25
Boa tarde.
Kemp, penso que era a uns 3/4 km da meta numa aldeia (não tenho bem a certeza dos km´s pois perdi a noção do trajecto com tanta pedra!! LOOL)... eu fiz os dois controlos, no entanto estranhei passarem 3 colegas do Team Ser e Parecer em Sentido contrário a perguntar onde era o controlo (ainda foram picar)... mas vinham de um lado completamente diferente... devem ter vindo com o mesmo trajecto que tu, mas alguém os avisou e voltaram atrás. Por acaso, estranhei eles virem de cima, mas bem. Qdo cheguei à meta vi pessoal que conheço e que não passou por mim em todo o percurso... vi logo que tinha havido enganos ou atalhos. Não sei onde, mas que houve, houve. Mas como isto é só para fazer km´s e obter divertimento!!! Tass bem! Mas sinceramente tb não me diverti neste percurso. Mas faz parte! :D
Abraços!
 
Last edited:
#26
Boas!!!

Caro colega Atomiko, tive uns excelentes 50km's para desfrutar das maravilhosas paisagens ;). Uma subida de +/- 5 km's em alcatrão que me permitiu deslumbrar com maravilhosos vales que por ali existem.

Fiz o assalto ao caramulo do lado de Tondela e de Vila Nova de Monsarros (Anadia). A fuga dos soldados que começou em Vouzela e percorreu durante 106km's o Caramulo.

Existem iniciativas que nos permitem passear e conhecer e outras que nem por isso, temos que fazer as nossas escolhas e aderir de acordo com o que pretendemos fazer.

+ 1 vez não quero agredir ninguém e respeito as várias e diferentes opiniões!
Um grande abraço a todos e espero encontrar-vos em breve!!
 
#27
O último controlo estava a ser feito por 3 meninas! Quando lá cheguei e marcaram o controle 3 eu achei estranho ter falhado um visto que segui sempre as fitas...

Se alguém que tenha passado nos 3 controles tiver a track que diga para eu perceber onde falhei. ;)
 
Last edited:
#30
Pois, ok. Então esse 3.º controlo era o 2.º (e último) da meia. Saltas-te o 2.º.. -.- Logo a seguir desse (das 3 meninas) e vosso 3.º vinha pessoal da meia-maratona em sentido contrário.. -.-
 
#31
Tive a comparar a minha track com a que a organização disponibilizou e houve 2 sítios onde saí de rota. Uma foi naquele corta fogo a descer, pelo que percebi havia um corte à esquerda nesse corta fogo que depois vinha sair mais à frente. O outro foi uns 5kms mais à frente. Será que era neste que estava o controle?
 
#32
Boas!!

Esta etapa foi boa para quem acompanha e dá assistência aos atletas, pois estes andavam em circulo, logo o pessoal tinha vários pontos para ver.

Apenas de referir, e como não participei devido a lesão, estive em alguns pontos de passagem dos atletas e pode verificar que era "gente miúda" que controlava as passagens e os pontos de controlo. Eu próprio tive durante algum tempo a fazer este papel!
 
#33
Pois é pelos vistos isto está cada vez pior.
No ano passado eram mais provas e se não me engano as coisas correram muito melhor. Este ano encurtaram o campeonato e pioraram a sua qualidade.
Mas acho que estes comentários aqui não servem de nada pois quem está na organização não lê ou não lhe interessa o que lê.
Eu tinha uma boa sugestão, porque não escolher as melhores etapas de todos os anos e mantelas, anular as piores e procurarem outros locais na região de Viseu que tenha condições para terem uma etapa. Existem tantos grupos de btt que de certeza não se importavam de levar o up and down as localidades deles. Tentem organizar etapas juntamente com os passeios que alguns grupos organizam todos os anos.
Isto é a minha opinião para ver se isto melhora.
 
#34
Colega morais.lopes, obviamente que respeitando-nos mutuamente se pode ter uma diálogo agradável :) Até compreendo a tua opinião porque arrisco-me a dizer que o percurso da maratona foi bem mais interessante e com menos pedra que o da meia-maratona. Deves concordar comigo quando digo que a parte "pior" da maratona tenha sido a última quando se juntou com a meia maratona.
Estas provas são também um passeio para quem nelas pretende participar como tal. De resto essa questão já foi deveras debatida aqui no forum e fora dele, acho que hà, ou deveria haver, espaço para todos.
Quanto ao posto de controlo "falhado", o 2º para a meia, 3º para maratona este encontrava-se depois da aldeia de Bracal. Analisando o track da meia e da maratona fácilmente se percebe como os colegas se enganaram e nem se aperceberam, é que no meio da aldeia bastava virar à direita e logo se apanhava o percurso. Depois do controlo voltámos a passar na aldeia de Bracal nesse mesmo ponto. Era um ponto critico e devia ter sido colocada uma placa bem visivel + um elemento da organização para que não se sucedesse o que acabou por suceder. A mim poderia ter acontecido o mesmo não fosse um senhor já idoso a indicar-me por onde seguir.
Abraço e até breve.
 
Last edited:
#35
Fantástico a quantidade de reclamaçoes que para aqui vai, alguns parece que têm doutoramento em fazer criticas,conseguem criticar sem ir ás provas, se eu não tivesse ido diria que a etapa de ontem foi uma valente m****! Erradooooo!!!! Bons trilhos, um pouco perigosos sim, mas isso faz parte afinal é b.t.t. ( alguns não sabem o significado da sigla), só foi pena aqueles paus todos, que por sorte não me partiram o desviador, e se partisse? Faz parte! Marcações? é sempre uma piada, vai haver SEMPRE gente a perder-se, sempre... mas os primeiros numca se perdem não percebo, de salientar apenas aquele cruzamento "manhoso", aí sim estava mal marcado o que provocou as desclassificações, a propósito eu tive três " picas" antes do reforço, no reforço, e depois do dito cruzamento ( reclamem se quiserem).

O almoço era péssimo??? - em casa deves comer melhor, tava 4**** (5*** foi o de castro daire :))
Banhos?- bons! se fossem a Castro daire tomar de água gelada, perceberiam a diferença.

Também é verdade que este ano está mais competitivo, mas que diferença faz? Quem quer ver paisagem força! agora se há pessoal que leva a coisa um pouco mais a peito, não vejo mal, e certamente que para o ano será pior. Não tenho duvidas. Tudo depende dos objectivos de cada um, mas concordo que insultos é desnecessário, é entrar no campo da estupidez!

Para acabar, só informar que já se está a pensar numa etapa do ano que vem a realizar-se na ecopista, mas mesmo assim, aposto, que haveria gente a fazer queixas, mas nessa etapa todos poderam " disfrutar do percurso", não sei é se poderá ser considerado btt, bem a gente mete uns trilhos á mistura, oh mas depois o pessoal aleija-se! :D

È mesmo á tuga, sempre a reclamar, alguns nem apareçem no dia mas têm coragem de vir aqui na mesma... Aproveitem auilo que vos dão! em alguns sitios pagam mais e sao pior servidos... ( a gente do INATEL deve ter uma paciência!!!)
 
#39
A prova de S. João do Monte deu para relembrar ainda de outro pormenor, que neste caso até foi "aproveitado"... Refiro-me às marcações das provas do Up and Down que teimam em permanecer no mato...

Sei que é muitas vezes complicado fazer tudo no espaço de duas ou três semanas. No caso das mulas, posso dizer, que demorámos meses e ainda há umas semanas descobri duas fitas que ainda se aguentavam. No entanto, há provas do up and down de há dois anos cujas marcações ainda se encontram no mato. A prova de Viseu do ano passado é dos exemplos mais visíveis na medida em que são visíveis da A24.

É mais um ponto a corrigir!
 
#40
Boas Pessoal

Concordo em parte com o Luis Portela
"Bons trilhos, um pouco perigosos sim, mas isso faz parte afinal é b.t.t. ( alguns não sabem o significado da sigla), só foi pena aqueles paus todos, que por sorte não me partiram o desviador, e se partisse? " esses paus se calhar eram mais perigosos do as descidas com pedras pois as pedras não são cilindricas como os paus que enfias a roda de lado e quando se dá por ela tás no chão sem perceber o que aconteceu, as provas não podem ser só feitas a pensar nos atletas que chegam em primeiro que adoram estradões intermináveis a subir (não podem é ter pedra) porque como em qualquer tipo de prova BTT ou não ex(fórmula1 atletismo,etc......) têm sempre pistas/provas diferentes para dar a chance a todos e DELICIAR TODOS os PARTICIPANTES "Faz parte! Marcações? é sempre uma piada, vai haver SEMPRE gente a perder-se, sempre... mas os primeiros numca se perdem não percebo, de salientar apenas aquele cruzamento "manhoso", aí sim estava mal marcado o que provocou as desclassificações, eu pessoalmente não me perdi nem uma unica vez" realmente as fitas apesar de serem de anos anteriores podiam ter sido substituidas por novas não fazia mal nenhum e mais uma fitinha aqui e ali
"O almoço era péssimo??? - em casa deves comer melhor, tava 4**** (5*** foi o de castro daire )" para quem não gostasse de massa com feijão realmente deve ter sido péssimo, comer em pé!?!??!?!?? só se quisessem esticar as pernas pois lugar não faltava até acho que foi das vezes que vi o recinto do "CHOP-CHOP" mais vazio até comentei com os meus colegas de equipa que parecia que metade do pessoal devia ter ido para casa.
"Banhos?- bons! se fossem a Castro daire tomar de água gelada, perceberiam a diferença." Pronto poderiam ter sido ligeiramente mais quentes mas se bem me recordo Castro Daire a água estava a "escaldar" memórias curtas acho eu.

"Também é verdade que este ano está mais competitivo, mas que diferença faz? Quem quer ver paisagem força! agora se há pessoal que leva a coisa um pouco mais a peito, não vejo mal, e certamente que para o ano será pior. Não tenho duvidas. Tudo depende dos objectivos de cada um, mas concordo que insultos é desnecessário, é entrar no campo da estupidez!" Não é como certos participantes que vêm atrás das pessoas e dizem "deixa passar que tu vais a pé (até aqui tudo bem) mas começarem a insultar as pessoas porque estas não estão habituadas a este tipo de provas isso é que não, ainda por cima esses Sr.s estavam a uns 50mts de mim ao inicio mas nunca os vi a passarem por mim será que também decidiram ir a pé !?!??!?!??!
Este tipo de situações e outras é que vão fazer morrer o UP & DOWN pois algumas pessoas andam a "comer-se" nos trilhos e inclusive dentro das próprias equipas, as pessoas esquecem -se naquelas 2/3horas de todo o civismo, e se calhar estes tipo de acontecimentos vai fazer desaparecer este tipo de eventos.
Agora claro a organização também deve ponderar certas coisas como verificar se os serviços minimos estão garantidos por parte de quem organizou, tipo nº de balneários(ex. Cantanhede tinha umas instalações fantásticas e o nº de chuveiros era quase igual ao de S. J. Monte tirandoa os Cº da água) agora comparem uma aldeia com Cantanhede, sinalização devida de troços mais perigosos, track´s mais antecipados e não 2 /3 dias antes.
Para quem organiza os percursos terem pessoal nos postos de controlo a saberem o que fazer que aqui não foi bom exemplo(pena).

VENHAM MAIS PROVAS para TODOS E TUDO!!!!!!!!!!!!!