Old School

Ludos

Benevolent dictator for life
#1
Boas, gostava de saber se isto por aqui é tudo malta recente no btt, ou já acompanham o btt há uns anitos, quando a bike magazine era trimestral, os quadros das semi-rigidas em cro-mol com tubinhos altamente fininhos e o btt ainda era muito pouco divulgado, as Pro-Flex faziam o sonho de muita gente... enfim, velhos tempos, já la vão 8 ou 9 anos, pelos menos para mim.
Anda por aí mais pessoal da "velha escola"? :lol:

Cumprimentos.
 
#2
hmm esse tópico parece familiar eheheh

suponho que seja da old school (sim ainda ando numa bicicleta em cro-mo de tubos fininhos), "ainda sou do tempo" das pro-flex´s em que suspensao á frente era um avanço com ponto de rotação e um elastromero :roll:, em que os capacetes pareciam penicos e em que uns pedais de encaixe eram quase maiores que aqueles que vcs usam em street, e ainda assim eram um luxo... etc etc etc
somando a idade das bicicletas que tive da pouco mais que 10 anitos nisto da lama do po e da pedra lol.
 
#3
Aos 13 tive a minha primeira bike dita de montanha, uma alpestar não sei quê...logicamente não percebia nada de bikes nem de equipamentos (hoje em dia tou a aprender :)
10 anos passados, adquiri a minha rockhopper (após +- 1 ano a consultar lojas e revistas).

Por isso e uma vez que tenho a bike desde Fevereiro deste ano...sou paparuca :lol: :lol: :lol:
 

Ludos

Benevolent dictator for life
#4
2albro, a tua resposta tá uma beca descontextualizada com o tópico, mas não faz mal.

Brunio falaste dos "penicos", xiça tenho ali um bell de há 8 anos atrás, que "vou alí e ja volto" :roll: :lol:
Grandes penicos mesmo, as suspensões tinham poquissimo curso e pouca era a expressão do btt, mas era fixe, já nessa altura havia uns quantos malucos que vinham de Lisboa para o alentejo para curtir trilhos.
Hehehe :)

Deixa ver se o Kaneças aparece por aí que a julgar pela foto que ele pôs noutro topico também é old school :p
 
#5
Old.. old.....

akilo é que eram tempos... girvins de 100mm no dh...
gt STS feitas plasticos... pneus no maximo dos maximos 2.3

Rodas 24 nem pensar nisso...

a sid éra um must.. 1.5 kg com 60 de curso... azulinha éra um espectaculo.... os elatrometros em tudo quanto era sitio...

a pace feita em carbono... com duas pontes...

o anodizado azul e roxo nos "cornos" volantes e ate nos cantilevers.... ha e os cantilevers....

a sintessi bazuca.... ai que bixo brutalll....

jasus... nem me façam lembrar...
 

Ludos

Benevolent dictator for life
#6
Cantilevers, ah poizé, qual v-brake, quais discos, qual quê, e já nem falo na minha primeirissima BTT, com uns manipulos shimano da idade da pedra, que tinhamos de regular com muito jeitinho senão saltava logo mais que uma mudança, mas que ao mesmo tempo era preciso comer um bife para manusear aquilo. E os travões de "ferradura" com calços de 2cm de espessura... que sentimento nostálgico, quadro em ferro! Era lindo, um mimo mesmo.

Quando for a Setúbal tiro fotos a essa "dream machine" e a ver se amanhã tiro fotos á minha velha máquina de XC :p

Aproveito para agradecer ao meu tio, esse ganda maluco que me incutiu o "bichinho" do btt desde muito pequeno, lembro-me de ir a lojas de BTT em Lagos com ele e ter visto um quadro Bazooka, que maquinão...

é melhor acabar por aqui senão nunca mais paro :roll:
 
#8
apois eu sei o que é old times!! eu cheguei a fazer DH de ProfleX 856, modelo de 1996!!

isso é k era!! ouvi para ai dizer k a girvin fazia 100 mm!! dasse kem me dera!! fazia 50mm para trás!! não como uma suspensão normal
 
#9
os cantilevers eram(e ainda são )uns grandes travões desde que estejam bem afinados..........prova disso era o Miguel Martinez ser o unico que ainda usava cantilevers nas provas da taça do mundo a 2 anos!!!!!!
agora anda com disco................. :)
abraços

peso-pluma
 
#10
UI...

So pratico BTT a serio desde JAneiro/Fevereiro deste ano, mas ja pratico Estrada desde os 9 anos...ou seja...pratiquei estrada uns 7 ou 8 anos mas fartei-me, na altura em 1999 era eu ainda puto, lembrei-me de comprar uma BTT, comprei um modelo desse ano, uma TREK 930 SingleTRack que teve esses anos todos basicamente parada, so este ano é que descobri o que é o btt e o verdadeiro prazer do mesmo....

Entao decidi arrumar aquela bike de rodas fininhas em que so andam os "cromos" e mudei-me para o btt...

Ate agora fiquei viciado e estou viciado...vamos ver daqui para a frente... :lol:
 
#11
com este topico fizeram me ir ao sotao olhar para a minha ultima esmaltina que tem o quadro partido
mas ao olhar para ela vieram me a memoria todos os bons momentos que passei com ela
as "manhas" que aquilo tinha para meter as mudanças a quantidade de vezes que eu tive de apertar a direcçao :D etc etc

sim tambem sonhei em ter uma proflex
 

Ludos

Benevolent dictator for life
#12
Hehe, andava aqui numa de arrumações, encontrei um álbum fotográfico, que nostalgia, 1997 em Lagos e aquela bike rulava tanto na altura, fiquei nostálgico agora.

Fica a foto



Só acrescentar que os óculos não são meus :hahaha: São do meu tio, que é um ganda maluco :lol:
 
#13
É verdade !
Pensando bem temos testemunhado um série de evoluções.
Esmaltina para começar! Faz parte do meu folclore, é claro!
Alguêm se lembra dos espigões com amortecedor?
E da Marzocchi DH4?
Passei por algumas "cenas" bem engraçadas.
Quanto á evolução!
Os meus ossos agradecem todas as melhorias.
Hoje faço as mesmas descidas que fazia com a Esmaltina mas com a diferênça que não tenho que voltar atrás para ir buscar as órbitas!!
 
#14
Marroquino said:
Alguêm se lembra dos espigões com amortecedor?
O que é que têm os espigões com amortecedor?? :-s
Eu ainda tenho um. E a minha hérnia discal agradece. :wink:

Quanto ao tema "old school" fico contente por ver que afinal há muita
gente por ai que começou lá no inicio.
Por vezes chego a pensar (ao navegar por essa internet fora)
que o pessoal que navega por ai acha que as bicicletas sempre tiveram 27 velocidades.

Eu comecei há 10 anos atrás, com uma Kona de CroMoly
sem susp. dianteira, os belos cantilevers e com presilhas nos pedais ](*,)
Quais pedais de encaixe, qual quê.

A minha primeira susp. veio uns 3 ou 4 anos depois e se bem me lembro
era uma Marzocchi DH3.
O diametro das pernas era para ai uns 28mm e o curso uns 70mm.
Era o ultimo grito para Down Hill [-o<

Passados todos estes anos, quando olho para ela (só o quadro é que é de origem, claro)
recordo com grande alegria os momentos mais marcantes que vivi com ela.

Foi aquele dente da pedaleira que parti a tentar subir um degrau em Monsanto,
aquela queda aparatosa nas pedreiras abandonadas de S. Paulo (Arrábida)
que só não teve graves consequências graças aquele bocado de esferovite
que eu levava atado a cabeça, as discussões com os pais que não me queriam ver chegar naquela figura (lama até aos ossos, mas com um sorriso de orelha a orelha)
e não me queriam deixar guardar a bicicleta no meu quarto naquele estado, diziam para eu a deixar na escada, e eu sem poder dizer-lhes o dinheiro que ali estava enterrado que na altura
seria motivo para , mesmo já com vinte e tais anos, arriscar-me a levar uns tabefes.
Foi o primeiro passeio organizado em Sintra, o furos que eu tanto tentava remendar como o meu pai (remendos certinhos e bem colados) e que so ao fim de muito anos consegui
fazer "parecido".

Enfim, tudo isto hoje me faz sentir mais velho, ou melhor mais experiente (velhos são os trapos) :mrgreen:

Conclusão:
Hoje tenho uma bicicleta muitas vezes superior, em todos os aspectos.
Talvêz 100 vezes superior. Mas não me divirto 100 vezes mais do que naquela altura.

Divirto-me muito, mesmo muito.
E do que eu gosto é de pedalar, quanto mais melhor.


Divirtam-se vocês também.

:wink:
 
#15
O que é que têm os espigões com amortecedor??
Eu ainda tenho um. E a minha hérnia discal agradece.
Tudo bem! O meu era, ou por outra, é, (ainda o tenho lá em casa) um Tranzx.
No fim de cada volta tinha que voltar a apertar a parafusaria toda! :? Mas aquela engenhoca até que era confortável! :lol: Para comparar basta lembrar-me das descidas da esmaltina ainda com o "garfito". Quando montei a DH4 questionei a minha escolha tal não foram as saudades!
 
#16
Eu sou do tempo, em que uma bicicleta com 18 velocidades....

conversa entre amigos:

- Amigo - que marca é a tua bike.

- EU - é da shimano.

-Amigo - Ganda BIKE.

- EU - :D

Velhos tempos!!

Lembro-me que me iniciei nesta modalidade, quando um dia fui ao café mais a familia, e encontrei uma revista de bikes!! BikeMagazine nº 3

ehehhe :wink:
 
#17
viva,
fui buscar este ao baú por acaso. andava a dar uma vista de olhos e dei com ele.
já tenho reparado que de algum tempo a esta parte o vicío do oldschool está em voga. ele é bikes restauradas, recuperadas, peças de origem, foruns especializados, artigos em revistas.
e a malta o que acham disto?
ainda conservam as vossas bikes? quanto tempo já têm as meninas?
vamos lá a ver quem são os "cotas" do forum :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen:
 
#18
Ainda hoje tive a apreciar a reliquia que tenho cá em casa: uma Rock Shox Mag21 com 5cm de curso. Na altura era o topo de gama da RS.
Ainda conservo o meu primeiro desviador traseiro "a sério", um Alivio de 96 e a respectiva pedaleira Alivio do mesmo ano. Gandas máquinas!
Vendo bem eu sou do tempo em que se começaram a vender Specialized em Portugal. Foi pela mão da extinta Azimute 66 de Leiria. Quando a loja abriu fui dar uma vista de olhos às bikes e fiquei logo apaixonado pela marca.

Foi nessa mesma loja que comprei o meu primeiro e unico capacete. Um Specialized Mountain Man. Nunca comprei outro. Este ainda serve para o efeito.
Na altura eram os Bell que estavam na moda.

Alguém se lembra da Sachs? Eu ainda tenho um desviador de trás Sachs Quarz, uns cubos Quarz e um desviador da frente Centera em termoplástico. Um mimo.

Quando saiu a Bike Magazine eu só falhei o primeiro numero porque a tiragem foi pequena. Mas o segundo ainda o tenho.

Ai, tempo como passas depressa... Parece que comecei ainda ontem a andar de bicicleta...
 

Ludos

Benevolent dictator for life
#19
jginja, foi um mau desenterro, já nem me lembrava da foto que tinha aqui posto :evil:

Tem piada que tenhas desenterrado o tópico, porque ainda hoje vi um quadro DiamondBack V-Link Pro, com 10 anitos, era um super canhão na altura!!
Ainda há dias estive a ver umas filmagens dos primeiros Raid à Caveira em Grândola, a malta com aquelas licras de cores berrantes, e os guiadores e avanços de azuis, roxos e amarelos fluorescentes!

Crencos, do que te foste lembrar, dos Sachs, ainda babei e invejei esses desviadores :)

Tempus fugit
 
#20
Ludos said:
Aproveito para agradecer ao meu tio, esse ganda maluco que me incutiu o "bichinho" do btt desde muito pequeno,
sem tirar nem pôr...

mas falando no tema, visto que sou novinho (16anos), digovos que as mais velhas bicicletas de que eu me lembre (sem dizer as "ye-ye" que têm idade pa ser vossos avós)...
sao as famozissimas "PARKPRE"... pois é visto que nasci em 90 e as gerações das parjpre são mais ou menos nesses anos até 96 (penso eu), nao tenho mais nenhuma recordação assimtão grande...


outra coisa sabem-me explicar os que sao os cantilevers???

fiquem bem...