o porquê de não se poder lavar...

#41
Tambem não sou um exemplo e lavo minha algumas vezes no elefante. Os cuidados são os mesmos que os outros têm quando o fazem. Evitar zonas problemáticas ou comangulos seguros.
A bike é uma ST e tem 4 anos. Rolamentos gripados? Nem os da escora! Os da pedaleira são desmontados todos os anos e lubrificados (nem sempre era preciso). E as caixas das rodas o mesmo. Os cubos LX cá andam na boa. Muitos não lavam as bikes á pressão e depois não sabem que a lubrificação deve ser feita na mesma. Enfim...cada um sabe o amor que lhe deve dar!
De qualquer modo andam por aí uns especialistas que vendem bikes e aconselham wd 40 em toda a zona de uma bike menos nos discos. Grandes especialistas! Grandes conselhos dão! Ainda não sabem dos benefícios todos? Corrosivo para borrachas e penetra nos autocolantes, descolando-os entre outros "benefícios". Nem na corrente se deve usar. Isso só é útil para desbloquear roscas, porcas e mecanismos imobilizados pela ferrugem. Até dá para limpar a corrente tal a capacidade de limpar sujidade! Se não acreditam façam a experiencia.
Não lavam a bike á pressão (com o cuidado e moderação tal como muitos fazem) e depois acreditam nestes especialistas?
Boa sorte!
 
Last edited: