O 1º grande tombo

Mr.sa

Active Member
#82
pois camponubla, eu não fiz essa passagem mas conheço-a muito bem. Eu fiz a maratona e não a meia, e basicamente o ponto alto que falas, a que depois ias ter, a maratona vinha do outro lado, e depois subíamos em alcatrão até passar por cima da A3, correto?

Conheço-a muito bem, e meter aquela passagem sem alargar aquilo é parvo... até porque tu vais numa de confiante apesar de ver o arame farpado, aquilo começa largo e vai estreitando até que tens uma mini-curva e estreita ainda mais, mas a pior parte é mesmo quando acaba que é quase impossível para quem não está habituado a passar lá, passar sem espetar com o guiador de um dos lados... não deviam ter metido essa passagem sem tratarem de alargar essa parte, até porque aquilo não é simples arame, é mesmo arame farpado.

Houve coisas que falharam, e apesar de andarem a ser sabotados, houve coisas que deviam ter sido mudadas, especialmente tendo em conta o tempo que estava e o estado do piso, a maratona teria de ser diferente e sem tanto singletrack... a brincar a brincar em 58-59km's mais de 45km's devem ter sido feitos em singletracks... exagero completo... quem traçou o percurso ou é um aficionado por singletracks ou não sei... especialmente como as coisas estavam não deveria ter sido.

O 1º sítio onde caíste, mais à frente tinha uma descida em calceta que depois tinhas de virar à esquerda, só me lembro de vir lançado e calcado um pouco o travão de trás, e fiquei completamente de lado, de tal forma que tive de travar com os 2 devagar e virar à direita para depois seguir à esquerda xD
 
#83
Boas

primeiro grande tombo foi dia 01/04/2016 (não, não é mentira, LOL). Descida de Palmela para Volta da Pedra, bati num carrito numa rotunda, fiz umas piruetas e uns flik-flak no ar e fui aterrar com o ombro esquerdo uns metros á frente do carro. Resultado, luxação do acrómio-clavicular grau 5. Fui operado dia 14/04 e vou agora começar com fisioterapia. Enfim, mais uma aventura das biklas! No fim da fisio espero voltar ao activo sem grandes limitações.

Abc e boas voltas
 

fabio viana

Well-Known Member
#84
Boas :D

A minha grande queda foi ontem.. De manhã fui fazer um bom treino de btt e depois quando cheguei a casa lavei muito bem a "maquina" e fui descansar.. depois ao fim da tarde decidi pegar outra vez na maquina para ir até um caminho de terra que tem mesmo em frente a minha casa e não é que a subir a roda escorregou e o guiador espetou na perna... tive uma sorte do caral** em não ter batido no músculo ou em alguma artéria..
Conclusão tive de ser levado para o hospital e levei meia dúzia de pontos e vou estar 12 dias sem tocar na maquina...

O mais engraçado foi ver a cara das enfermeiras quando disse que tinha sido de bicicleta e ficaram muito serias a olhar para o "buraco" que eu tinha na perna :cool:

Pronto foi a primeira cicatriz, espero não ter mais nenhuma :D
 
#85
Boas

primeiro grande tombo foi dia 01/04/2016 (não, não é mentira, LOL). Descida de Palmela para Volta da Pedra, bati num carrito numa rotunda, fiz umas piruetas e uns flik-flak no ar e fui aterrar com o ombro esquerdo uns metros á frente do carro. Resultado, luxação do acrómio-clavicular grau 5. Fui operado dia 14/04 e vou agora começar com fisioterapia. Enfim, mais uma aventura das biklas! No fim da fisio espero voltar ao activo sem grandes limitações.

Abc e boas voltas
Uma vez que bateste num carro, como resolveram isso depois? A culpa foi tua ou do carro?
 

fabio viana

Well-Known Member
#87
@lpsferreira sim eu tinha as tampas, mas como o guiador bateu primeiro no chão elas rasparam e entraram para dentro do guiador... isto serviu de aviso para tornar a colocar as tampas de alumínio da kcnc..
 
#88
Boas

jpfuturo, falei com o dono do carro 2 dias depois e o mesmo disse que não queria nada porque carro só tinha um pequeno arranhão. Ao que parece o embate foi no centro da roda traseira.

Abc e boas voltas
 

fabio viana

Well-Known Member
#89
@philokokus, tiveste sorte em apanhar um condutor "porreiro" porque se fosse um com má personalidade ainda tinhas de pagar o arranjo do carro :)
 
#91
"tiveste sorte em apanhar um condutor "porreiro" porque se fosse um com má personalidade ainda tinhas de pagar o arranjo do carro :)"

não pagava porque tenho seguro da bike que cobre danos a terceiros.

Abc e boas pedaladas
 
#93
Após vários anos sem andar de bicicleta, em Dezembro comprei uma bike para dar umas voltinhas, basicamente estrada e pequenos estradões.

Acontece que organizaram um passeio BTT solidário e resolvi participar. Resultado? Aos 2,5 KM, descida num trilho com mau piso, acho que tentei ir devagar de mais, sinto a roda de trás a levantar e prontos, lá saí eu disparado por cima da bicicleta. Levantei-me para continuar, reparei que o selim estava desencaixado. Com ajuda do pessoal lá conseguimos por aquilo no sítio e deu para continuar a volta +/- 25 km.
Só depois do banho é que me começaram a doer as pernas dos arranhões e hematomas, mas nada de especial. Fiquei com vontade de fazer mais passeios destes, mas sem quedas :)
 
#94
Não foi o 1º, nem o 2º, nem o 3º...deve ter sido o 568947º tombo. Qual é o problema? Um gajo levanta-se e toca a andar para dar outro logo de seguida...

[video=youtube;WbdW5Pa5vDg]https://www.youtube.com/watch?v=WbdW5Pa5vDg[/video]
 
#95
O meu primeiro tombo ocorreu quando ainda estava a dar as primeiras pedaladas e tinha, salvo erro, 5 anos.
Foi uma queda sem grandes consequências, que me provocou apenas alguns “riscos na pintura”.
Já quanto à última, tenho-a bem presente na memória, uma vez que ocorreu no dia 9 de Dezembro passado, com a minha bike de estrada, e provocou-me uma fractura na clavícula esquerda, fractura de duas costelas, vários pontos na orelha esquerda e traumatismo craniano com perda de conhecimento, que apenas foi recuperado quando me encontrava dentro da ambulância do INEM a caminho dos HUC.
Felizmente recuperei rápido e reiniciei as minhas voltas no início de Fevereiro.
 
Last edited:
#96
Miguel Pinto.
Ciclista a sério tem de ter a clavícula partida, pelo menos uma vez, não falha...
Já agora, como foste fazer esse aparato todo?

Já eu, conto com pelo menos mais uma queda (estou num Racio de 3/2) esta também de forma estupida (até a caminhar caio), como sempre. Nada de grave, nem considero "grande tombo".

O mais chato foi tirar o Tojo ou cato ou la que porcaria era aquela do meu braço (enrolou-se e arranquei-o da árvore em andamento).
 
#98
Yep foi chato como o caraças, fez tipo efeito chicote. conforme passei nele, ele enrolou e parti a pernada, que veio agarrada a mim. A comichão que ficou, é que me estava a deixar todo danado.