Limpeza e lubrificação em tempos de crise

Nozes

Active Member
#1
Pois é,a crise está aí para todos nós.
Para azar o nosso,o nosso amado desporto é caro.As bicicletas,mas principalemente tudo o que as acompanha. Equipamentos,acessórios,ferramentas,manutenção,se formos para marcas conceituadas em geral a qualidade é boa mas o preço é alto.

É sobre os produtos de limpeza e lubrificação que este tópico trata.
Não me considero um "forreta",tenho várias bikes e em todas elas utilizo os produtos que aqui mostro porque acredito que são BONS e muito mais baratos que os que as marcas mais ligadas ao nosso desporto têem no mercado.

Tenho mais de 20 anos de experiência em btt e já dei muito dinheiro a ganhar a marcas como Pedro's,Finish Line ou Motorex. A maior parte destes produtos é de qualidade,mas fiquei sempre com a impressão que deveriam ter uma performance superior para o preço que custam.
Depois de experimentar algumas soluções "low cost",nunca mais voltei atrás.O que vos apresento aqui já utilizo há cerca de 2 anos e estou muito contente com os resultados e a poupança que estas opções me permitiram.




Da esquerda para a direita: Spray lubrificante de correntes Continente 400ml,spray silicone limpa-tabliers Polegar (Jumbo) 600ml,spray desengordurante Uni Vert (E.Leclerc) 500ml

O lubrificante de correntes do Continente é destes produtos o que utilizo há mais tempo,já utilizei semelhantes de outras marcas (Arbo e outras) mas parece-me ser mesmo o melhor.O segredo para usar este lubrificante é aplicá-lo de véspera para permitir que o elemento penetrante do óleo evapore,e apenas o lubrificante permaneça na corrente. Se aplicarmos e saírmos imediatamente para os trilhos,todo o pó e lixo se vão agarrar à corrente.
É um lubrificante muito resistente,mesmo em maratonas de 100km como Idanha a Nova não cheguei ao fim com a corrente seca.
Uma pequena camada é suficiente,mais que isso é desperdício.
Custa 3,99€


O spray de silicone é daquelas coisas que me faz pensar que "afinal não sou assim tão esperto",pois é um produto que desde que tenho carro sempre tive aqui por casa e nunca me lembrei de experimentar na bike.
Protege as borrachas,lubrifica suspensões e amortecedor e puxa o lustro a toda a bike.Quando está apenas empoeirada,limpo com este spray e uma t-shirt velha e já está.
Utilizo este,mas em qualquer supermercado existem outros semelhantes,a preços decentes.
Tenho este aqui há tanto tempo que nem me lembro bem o preço,talvez uns 3€


O spray de cozinha do E.Leclerc foi uma agradável surpresa.Depois de como muitos de vós gastar alguns litros do spray Motorex de limpeza,quando passava no supermercado descobri isto e nunca mais voltei atrás. Lama seca? Óleo da corrente? Sangue de algum adversário na maratona da semana passada (brincadeira neste último ;) )? Sem problemas! Acreditem ou não,a sujidade sai melhor que com o Motorex,aplico um pouco antes de molhar a bike,depois lavo com um pincel grande e água num balde,por fim despejo o balde por toda a bike e está feito.
Alguns poderão argumentar que este spray é mais agressivo,mas uma vez que se destina a uso na cozinha,ponho as minhas dúvidas.
Custa 1,29€

Se experimentarem e não gostarem,o investimento também não foi assim tão grande,e dois destes produtos podem ser utilizados para outros fins...limpar o carro e lavar a louça :D
 
Last edited:

Nozes

Active Member
#4
Olá alexb

Como deves imaginar,um fabricante de spray de tablier ou detergente de cozinha não se vai lembrar de testar os seus produtos em fibra de carbono,não é? ;)
 
#5
Boas dicas.
Ponho é algumas dúvidas no lubrificante. Isso não será uma espécie de " lubrificante bala"? Digo isto pq na lata do bala tb vem inscrita a indicação que é apropriado para lubrificar correntes... Uma boa alternativa é o óleo da decathlon. Uso o "wet lube" deles para os tempos de chuva e não tenho queixas. Para o tempo seco, é mesmo o finishline em spray que acaba por sair mais barato que a bisnaga.

Quanto ao resto:

Como desengordurante uso detergente de cozinha diluído e aplicado com um pulverizador ou então, fazendo uso do power link, saco a corrente e limpo-a com um pano embebido em petróleo.

Uso também o limpa tabeliers nos retentores e para dar uma passagem em toda a bike. Fica "nova" e preserva tudo o que sejam borrachas. E é basicamente isto...
 

Nozes

Active Member
#7
Boas

O óleo de correntes não é "tipo Bala",mas sim um lubrificante próprio para correntes,embora certamente tenha sido mais pensado para correntes de motociclos.
Os óleos penetrantes tipo o Redex Bala ou outros só prestam mesmo para tentar remover parafusos enferrujados ou fazer mover fechaduras,não os utilizo nem nunca utilizei na bicicleta.

Faltou aqui o spray de teflon que costumo utilizar,que comprei no AKI,custa por volta dos 7€ e tem 400ml. Utilizo nos pedais,desviadores e cabos de mudanças.
 

RTC

Super Moderador
#9
Esses sprays desengordurantes podem ser boa opção mas convém sempre ter em conta a alcanilidade do mesmo de modo a não marcar o aluminio.
Por exemplo, um amigo meu com meia duzias de lavagens com um spray parecido a esse, os aros e cubos das rodas que eram pretos, ficaram roxos. :s
Mas que a cassete e corrente ficavam a brilhar, lá isso ficavam...
 

tinric

Super Moderador
#10
Epah hoje vou comprar o óleo ao modelo para testar .. e René essa tua dica do spray de limpeza transformar cubos pretos em roxo... tens que partilhar ai com o pessoal qual é o spray que isso abusando um bocadinho ainda ficam vermelhinhos lindos :) eheheh brincadeira.

Já andava com ideia de experimentar o óleo do Continente, para o Inverno... agora com a dica e conhecimento do Nozes a quem agradeço também o contributo de partilha...

Já faço tudo em casa... mas sim, se ainda podemos poupar mais, se em vez de comprar um produto por X em que uma parte do preço é por dizer A ou B na marca... por um similar que faz a mesma coisa... nem penso duas vezes.
Digo isto pois durante anos usei um óleo da berner ou lá o que era que saia em spray e ficava tipo massa (ficava mais espesso e "entranhava" mesmo nos elos)

Quanto aos outros produtos "maricas" de limpeza e afins... uso detergente da louça do Dia (minipreço) no balde com água à boa e antiga maneira de lavar carros.. e com um pincel/escova (o que lhe quisermos chamar) há mais de 2 anos impéc... (mas confesso que o não sou de me preocupar se a bike fica a brilhar ... fica limpa... que logo depois é para sujar outra vez :) )

Abraço e boas pedalas.
 
Last edited:
#11
O lubrificante de correntes do continente utilizo e nem por isso gosto, a corrente fica com uma gordura pegajosa...
vou fazer como dizes e lubrificar na véspera.
Obrigado pela partilha
 
#13
Quanto ao problema de o spray de limpeza ser muito agressivo,uso-o em todas as minhas bicicletas,e inclusivé já comprei para usar nas bikes da malta da minha equipa,sem o mínimo problema. É muito bom a dissolver lama seca,a sujidade da corrente e cassete não sai tão facilmente mas devo dizer que eu não sou daqueles que perde 1h a lavar a bike até ao ínfimo pormenor,até porque há muitos anos que cheguei à conclusão que pior que lama,areia ou pó,o que estraga mesmo as bikes é a água e as lavagens "intensivas".
Já nem menciono as lavagens com pressão,porque isso já sabemos no que dá...
 

tinric

Super Moderador
#14
Já cá canta um... o tio Belmiro deve ter andado a ver aqui o forum e já aumentou o oleo :) 4.39€ 400ml ainda assim bem bom :)

Já testei na corrente, agora vamos ver como se porta ... se bem que só vou andar 2ª e 3ª....

Abraço e obrigado e boas poupanças :)
 
Last edited:

dfilp

Active Member
#15
Olá alexb

Como deves imaginar,um fabricante de spray de tablier ou detergente de cozinha não se vai lembrar de testar os seus produtos em fibra de carbono,não é?
Talvez o fabricante de spray de tabier do Jumbo não se lembre, mas provavelmente, como em muitos produtos de marca branca, "seguem" a mesma "receita" de grandes marcas. E essas grandes marcas certamente o testaram.. Indo de encontro ao titulo do tópico é normal que em Portugal não se encontrem muitos carros com interiores em carbono, mas eles existem, e têm de ser limpos.. :lol: :lol:


Quanto ao tópico em si, só tenho a agradecer pelas dicas! Andava já há algum tempo para comprar oleo de silicone para lubrificar as suspensões e não sabia bem onde procurar.. Afinal esse produto serve! O desengordurante também nunca experimentei, mas deve fazer um bom trabalho!
QUanto ao óleo, é que tenho as minhas reservas apenas devido ao facto de ser de spray. Por mais cuidado que se tenha, vai sempre salpicar os discos, e com o passar do tempo começa a notar-se falta de potencia de travagem.. Uso um de "gota-a-agota" que se vende na decatlhon, custa uns 3€
 
#16
Ainda bem que mencionas esse factor,eu também nunca gostei de usar spray's na corrente,e quando usava óleo Pedro's ou Finish Line (sem ser spray) lubrificava a corrente elo a elo,para conseguir que o óleo penetrasse onde realmente é preciso. Dá uma trabalheira,mas conseguia que a corrente não agarrasse muita porcaria e poupava o óleo.

O spray do "ti Belmiro" não espalha o óleo,porque tem um prolongamento da vàlvula que permite dirigi-lo para a corrente facilmente. Eu aplico apenas uma passagem em toda a corrente,do lado de dentro (aplico o spray junto ao desviador de trás),e limpo algum excesso com um trapo. Mais uma vez,o pormenor de deixar de um dia para o outro faz toda a diferença,se aplicarmos e formos andar,a corrente transforma-se num iman para todo o lixo.
 

tinric

Super Moderador
#17
Na aplicação concordo com o Nozes... excepto numa coisa... também prefiro o oleo de gota
O que ainda uso comprei a meias com um amigo um da TF2 com teflon... 1 litro acho que custou 8€,... muito bom para o verão.

Agora quanto à aplicação e perigo para os discos... eu em spray meto sempre com a corrente no prato 22 e meto de "dentro" da bike no sentido dos pratos... junto à pedaleira e não atrás... esta ponta do spray deste oleo permite dosear e não deixar grandes excesso... pelo menos assim me pareceu... e assim mesmo que "fuja" algum ... nunca chegará aos discos... quanto muito aos outros pratos, pedais e afins onde não faz mal nenhum mais um bocado de oleo

Agora falta o teste no terreno.
 

Nozes

Active Member
#18
Ora então passaram uns 6 meses desde que iniciei este tópico,vamos a saber,quem é que já experimentou estas alternativas,e o que tem a dizer?

Pessoalmente já mudei de spray de silicone,não porque não gostasse do que veio do Jumbo,mas porque resolvi experimentar o de marca branca do Continente.É semelhante,nada de novo a apontar. Para os preocupados com o carbono,tenho aplicado em doses generosas no espigão de selim e guiador e não noto nada de especial,além de muito brilho :)
Quanto ao spray desengordurante do ELeclerc,não o tenho visto à venda ultimamente,mas existe uma versão "lava tudo" de 1,5lt que me parece idêntico,e estou disposto a experimentar (1,80€). Será provavel que o tenha de diluir em água,como indica na embalagem,logo se vê.

Digam lá de vossa justiça! :D
 
#19
Fiquei só com uma dúvida, usam o spray do tablier do carro para lubrificar e limpar as suspensões (mesmo naquela zona em que a perna entra na bainha, penso que se chamam retentores)? Não há problema?