Kona Four Deluxe 9,77kg

Mecânico,o veio e todo o resto que compôe o conjunto que trata da compressão ficou intacto,apenas as peças pertencentes ao DLO (Dynamic Lock Out,o equivalente da Magura ao Poploc da Rock Shox) foram removidas. Não me vou aventurar a retirar mais nada.
Obrigado pela "sugestão" quanto aos pedais,mas sou fâ de sistemas SPD,todas as minhas 5 bikes têem pedais compatíveis,o que facilita a vida...

Por falar em pedais,quem fala em pedais fala em sapatos!Tenho ali umas beldades para estrear,as minhas novas Mavic Chasm,tenho de colocar aqui umas fotos enquanto não as pinto de lama :)

essence_s Por algum motivo as marcas se fartam de avisar que certos pneus são para uso específico...tanto pela durabilidade como a aderência,os Flyweight são bons em certos terrenos,mas muito maus na maior parte deles. É assim que funciona a especificidade ;)

JK As rodas vão ficando para já,mas nunca se sabe quando aparece algum maluco a querer dar-me bom dinheiro por estas :D e depois logo se vê o negócio.
Aquela resistência em Castelo de Vide dia 4 de Dezembro soa muito bem,vamos ver se consigo ir lá enlamear-me! :)
 
Boas!

A pedido de várias (uma ou duas,vá...) famílias,aqui vai uma foto das peças que retirei na Durin: A tampa azul,a mola,e a peça plástica que segura o conjunto.



22 gramas.

Tenho "queimado as pestanas" nos últimos dias a tentar chegar a uma solução miraculosa para os meus pedais Exustar PM25ti. Já têem uma folga pouco aceitável,e depois de por acaso ter visto no Foromtb o "artilhanço" de um nuestro hermano,que colocou um rolamento no sítio do casquilho,fiquei super entusiasmado e disposto a fazer o mesmo.
O pior é que o jovem desgastou 1mm ao eixo,e colocou um rolamento de agulhas a rodar directamente no titânio. Se a ideia de desgastar uma peça já tão leve e sujeita a tanto esforço me deixa de pé atrás,mais ainda o facto do rolamento trabalhar com as agulhas em contacto com o prório eixo. Não soa de todo durável.
Parti então para uma busca de rolamentos mais pequenos,com 10mm de interior e 14mm de exterior,com pista interior. Não parecem existir. Se for para um 10x15,terei de desgastar o eixo E o corpo do pedal até ficar com a parede muito fina,sujeitando-me a que o magnésio não aguente.
Os Xpedo de 3 rolamentos utilizam 2 rolamentos deste tipo (10x15x4),de uso comum em carros de R/C por exemplo.Mas os Xpedo têem o corpo de maior diâmetro,e claro que foram desenhados de raíz para usar os rolamentos.

Alguém lhe parece que haja uma solução milagrosa,ou tenho de "lançar fogo" à carteira e gastar 150€ nos Xpedo XMF08TT?




9,89kg de prazer <3
 
Last edited:

RTC

Super Moderador
Não te enganaste no peso? :D

Em relação aos pedais, só investiria nos Xpedo se tivesse mesmo a certeza que não iriam acontecer o mesmo com os Exustar.
Mas já reparaste que os novos PM25TI vêm diferentes? Não sei é se mudaram alguma coisa em termos de construção, designadamente nos rolamentos.
 
Epá demorei 1 minuto a editar o peso e fui logo caçado! :D

Já estive com uns PM215ti na mão,o corpo é diferente dos PM25 porque é alumínio forjado em vez de magnésio,mas continuam a ter 1 rolamento e 1 casquilho. Não consigo perceber porquê é que não se encontram mais pedais apenas com rolamentos!
Quer dizer,até consigo perceber..."gasta-se,compra-se um novo" :S
 
Quanto ao desgaste do eixo em contacto directo com o rolamento de agulhas penso não haver problemas, isto se for em aço ou tit, já se for em aluminio a historia é diferente.
 
No que respeita ao rolamento de agulhas em contacto com TI ou Crmo, não terás problemas de maior, é natural que se verifique algum desgaste, normal neste tipo de coisas. Já no caso de um eixo em aluminio não seria de todo recomendavel a utilização de um rolamento que use o eixo como pista.
No caso dos meus Bebob, é o que se passa um dos rolamentos trabalha directamente no eixo, antes se SS agora Ti, e funciona as 1000 maravilhas.
Se pretenderes uma opinião mais informada no caso da situação de teres que retirar algum material ao eixo tenta contactar o Selcuk da AFC que quando pensei em colocar eixos de aluminio ele prontamente me explicou os detalhes todos.

cmpts
 

tinric

Super Moderador
Opáh, quando arranjares solução diz que se compensar (embora os meus pobrezinhos "normais" custem bem menos que esses, se justificar um rolamento) antes de mandar para o lixo... há que testar :)

e como até tenho uns pequenos "miniz" que usam rolamentos bem pequenos (pequenos até demais...) mas fiquei com a pulga atras da orelha...

e nos meus, se se desgastar um bocado do eixo e der bronca (desde que não seja em andamento... ) tanto me faz... que um deles só deve fazer mais este inverno...

têm mesmo assim já 7mil e ainda devem fazer mais uns 2 ou 3 :)
 
Ora boas!

Quanto aos pedais ainda nada de novo,após falar com um especialista em rolamentos não vejo uma solução verdadeiramente convincente,e então vou esperar mais um tempo,mas a solução mais provável é experimentar a rectificar o eixo para 10mm e o corpo do pedal para 15mm e colocar 2 rolamentos 10x15x4 (6700 2RS) à semelhança dos Xpedo. Os rolamentos encontram-se facilmente em lojas de modelismo (carrinhos telecomandados e tal),e pelos preços que tenho visto,não serão caros.

Mas quanto a rodas,aí sim há novidades. Como disse anteriormente,estou convencido que os aros Notubes Podium MMX aguentam muito,e estou disposto a experimentar a trocar os meus fiéis Olympic,que vão para 3 anos e meio sem qualquer tipo de problema,e assim poupar mais uns "gramas rotativos",que todos sabemos são aqueles que mais se sentem :)

Mas...sem gastar uma nota preta no processo! Os cubos serão os A2Z de sempre,e os raios também vão ser os mesmos Sapim Cx Ray.
Como? Simples! A diferença do comprimento dos raios para enraiar uns Olympic ou os Podium é de 2mm a mais para os Podium...ora nesta montagem tenho cabeças de raio de 14mm DT Swiss,basta enraiar os mesmos raios com cabeças de 16mm e VOILÁ! :mrgreen:
(estou todo contente por ter chegado a esta conclusão "barata",vamos lá ver se tudo corre como eu espero.. :roll: )

Entretanto,mais do que tirar peso,preciso é de meter kms,já que um dos objectivos principais da próxima época passa por não fazer má figura no Tribike,que é logo no dia 22 de Janeiro...tenho muito friozinho a apanhar estes 2 meses! :desconfiado:

Em 16 de Janeiro passado foi assim...

 
Olá, se o investimento é pouco nos pedais compensa tentar arranja-los, ainda para mais disseram-me que os pedais da bbb também têm mais que um rolamento e não são grande coisa... o que é mesmo importante é o pedal ser bem selado e eu depois de trocar os rolamentos e casquilhos aos meus wellgo fiquei contente por descobrir isso mesmo;)
Os aros já deves saber que é no wiggle que estão a um preço à maneira. Também vou começar uns treinos mas é para o duatlo do Jamor, mas não está fora de questão aparecer no Tribike se bem que o downhill pode ser um problema... o que testei ontem foi um furios fred atrás e fiquei maravilhado! Para andar ai em maratonas não deve haver melhor e surpreendentemente até agarra bastante bem!
Edit: a rcz está com 8720g! e com o larsen estava com 8770...hehehehe

abraço
 
Boas Jk!

Pois os pedais ainda vou "expremer" mais hipóteses,a ver vamos. E se colocar uns novos vou andar bem em cima da manutenção,isso podes acreditar!

Os aros vêem mesmo da Wiggle,com aqueles descontos todos era difícil dizer não...ficaram a metade do que custam por cá,o que é muito dinheiro.Espero mesmo que a enraiação corra como espero,e não tenha de comprar raios novos,os CX-Ray custam bem caro.
Se não tivesse comprado o Maxxis Flyweight,tinha ido para o Furious Fred,para aquelas "condições controladas" deve ser um bom pneu,basta pensar que é feito com a mesma borracha do Rocket Ron. Mas para esta altura do ano... :roll: O meu FW330 vai saír em breve,porque a chuva veio mesmo para ficar.

A ver se consigo pôr a Four a competir com o peso da tua RCZ...talvez não! :mrgreen:
 
Amigo Nozes, tu que és um gajo que percebe disto..não mantenhas os raios na nova montagem!

Por 2 razões: não te aconselho, de todo, a usar nipples de 16mm com os aros mmx . Estes aros já são, por natureza, menos rígidos que os Olympic, não lhes montes uns raios curtos! Como deves saber os raios de tamanho correcto devem chegar até ao fim da rosca do nipple, o que não vai acontecer com esses raios curtos e nipples de 16mm. A enraiação é capaz de ser possível como dizes mas não vais ficar com uma boa roda nem tão pouco rígida e estando nós a falar de material onde o peso é levado ao limite acho que não é o caminho a seguir. A coisa até era capaz de funcionar minimamente se estivessemos a falar de outro tipo de aro, mais robusto, mas nunca no caso dos podium mmx.
A segunda razão e mais simples é a de que os raios sendo desenraiados de um aro e enraiados de novo, nunca mais vão voltar a servir a roda a 100%. No fundo, é como as molas das canetas. Se tu esticares a mola (em tudo semelhante ao papel dos raios) ela nunca mais vai voltar a ser igual. Até podes apertá-la de novo, mas não é a mesma coisa...

Comentei só mesmo na tentativa de te dissuadir dessa ideia pois sei que não é boa e sendo tu uma pessoa que percebe disto, não ias tirar proveito das rodas como deve ser.

abraço!

David
 
Olá David,obrigado pela tua opinião.

Eu sei que estou a arriscar ficar com umas rodas que podem não ficar tão boas como deveriam,mas o plano para já é experimentar deste modo. Se me sentir prejudicado em rigidez,influenciando a precisão de condução,terei de voltar atrás e fazer as coisas de outra maneira.
A enraiação vai ser feita de modo a que os raios sejam utilizados no mesmo sítio e assim evitar que os vincos/dobras que entretanto ganharam se mantenham nos mesmos sítios,nunca pensaria em misturá-los. Aliás é a maneira mais fácil de mudar de aro e manter a enraiação,basta prender o aro ao lado do que está montado e ir passando os raios um a um para os buracos correspondentes...e não,não vou ser eu a fazer isto.Embora eu até seja capaz de fazer isso cá em casa,a enraiação vai ser entregue a alguém com muitos anos de experiência e sensibilidade para estas coisas.

Quanto ao maior comprimento dos nipples me prejudicar na rigidez,aí tenho uma opinião diferente da tua: O raio é o único elemento elástico na roda,ou seja,quanto mais curto for,mais rigidez. É por isto que algumas marcas têem cubos com as flanges mais altas,ou se reparares por exemplo nas rodas da Crank Brothers,os raios são basicamente metade nipple de alumínio,metade raio de aço,e é daí que a rigidez que lhe é reconhecida provêm.
Nesta montagem os raios não têem rosca visível,e segundo a tabela do site da NoTubes a diferença é exactamente 2mm no comprimento dos raios,por isso não deverá haver problema.

Mais uma vez obrigado pelo aviso,vamos ver como as coisas correm ;)
 
Segundo o meu mecânico quanto maiores for as cabeças melhor fica, mas mesmo sendo 2mm de diferença, as cabeças devem ficar junto ao aro, pois no olympic as cabeças entram dentro do aro.
 
E aí estão elas!

Após adiar algumas vezes,lá arranjei uma tarde para me "atirar" ao biscate da troca dos aros. A coisa foi ainda mais trabalhosa do que pensava,pois além da normal chave de raios tive de usar uma chave especial para evitar que os raios rodem. Segura-se o raio com uma,roda-se a cabeça de raio com a outra... vezes 64 doh
Após cuidadosamente trocar os raios da aro um a um e verificar que com as cabeças novas de 16mm ficavam bem,passei as rodas ao meu colega Nuno da Ofimoto e ele deu os apertos certos.Já troquei um ou dois aros antes em casa há uns anos,e ficaram bem,mas estes são "sensíveis" e preferi deixar a finalização nas mãos de alguém que mexe nisto há 16 anos.





Perdoem a qualidade das imagens da minha máquina,que morreu pouco depois...já tinha a imagem manhosa,e depois de caír no chão não ficou nada melhor :s

Temos portanto:

Roda de trás 707 gramas (+ 92 gramas do disco,6 dos parafusos e cerca de 250 da cassete)
Roda da frente 579 gramas (+92 gramas do disco e 6 dos parafusos)
...o que dá uns 1286 gramas,já com fitas e válvulas,e alguma sujidade também :oops:

A poupança de peso não foi tanta como inicialmente pensei,porque os Olympic pesaram 333 e 337 gramas respectivamente,ao passo que os Podium pesaram 293 e 297. 80 gramas de poupança no total,quando apontava mais para os 120gr,uma vez que os pesos que encontrei dos Olympic rodavam sempre os 350gr ou mais. Mas muito bom na mesma.

Por sinal estes aros facilitam muito mais a montagem de pneus normais em tubeless,por não serem tão fundos como os Alpine/Olympic,mas o reverso da medalha é montar pneus Tubeless Ready,o Rocket Ron Pacestar fez-me suar um bocado para entrar no aro,ainda por cima com as mãos frias :eish:

Agora é altura de andar! A montagem "recordista" com objectivo de chegar aos 9,79kg fica para outra oportunidade,agora com 2 Rocket Ron's a Four está pronta para a secção de XC do Tribike no próximo dia 22 de Janeiro. Ah,faltam os pedais,em breve deverão chegar os Exustar PM 215ti!


Desejo a todos umas boas entradas,e um 2012 cheio de pedalada! Que se lixe a crise,nós queremos é andar de bike! :cheers:
 
Last edited:
De La Nozes, já agora podes-me dizer quanto pesas? É que estou a pensar em fazer uma montagem de rodas para a Giant e como somos os 2 brutinhos a andar precisava de um termo de comparação. Estou indeciso entre os Alpine e os MMX... Peso 80Kg... :confused: