Focus Raven 29R 4.0 2015

#61
Olá Ricardo Cupra.

Também já tenho umas :)...que roda tão bonita..houve um colega meu adquiriu umas DT swiss 1501..mas preferi ser fiel às Mavic que nunca deixaram ficar mal (as minhas antigas eram as SLR em 26)...tembém estou contente com a minha compra.

Um abraço.
 
#62
O ano de 2015 não foi isento de precalços no entanto ficam algumas boas fotos de vários passeios, NGPS e maratonas.

Destaco algumas fotos de 2015 :












Ultimos updates de 2015:

- Ritchey WCS Carbon 720mm low rize
- Ritchey WCS -26º 80mm

Proximas aquisições 2016:
- Grupo 1x11 XT - a trocar com o desgaste do atual
- Talvez Travões M9000
- Novo jogo de pneus, este já queimou os créditos todos

Boas pedaladas e bom ano:D:cool:
 
#66
O que estava a ponderar era Pedaleiro XT 32. De que cassete e que voces falam? Gx1 ?

Essa situação de perder velocidade de ponta é um bocado relativo, cá no norte raras são as maratonas mais "rolantes"... mas estou aberto a opções assim também fico a entender o que se anda a usar ai...

Os travões em principio serão XTR XC Race com discos XTR tambem. A nivel de grupo de transmissão prefiro a versatilidade e baixo custo do XT
 

fabio viana

Well-Known Member
#67
A cassete pode ser muito bem uma GX1, apenas precisas de um cepo XD

Agora numa coisa concordo contigo... aqui no norte são raras as provas em que é preciso mais de 32 ou 34 com um carreto de 11t.
 
#68
Mais a despesa do cepo para o grupo SRAM. Se optasse por essa opção ia de novo meter o grupo Sram X01.

Acho que me mantenho na ideia inicial de prato 32t, o grupo XT está barato demais para não aproveitar.

Para andar mais depressa pego na fininha:D
 

Mr.sa

Active Member
#69
aliás... eu até hoje nunca precisei de mais do que o 32-11... a verdade é... aqui ou sobes ou desces e o que andas em plano, com uma cadência mais alta tu consegues cobrir muito facilmente.

Dito isto, a cassete de 11 da shimano xt com 42dentes(é a que tenho, a 40 não sei se tem o problema) tem um problema, logo se para ti a diferença entre preços não for problema, eu comprava tudo shimano, exceto a cassete e iria para a gx.

Uma pessoa diz que não se pedala para trás, mas a verdade é que se faz, e numa daquelas subidas de 20 e tal % com técnica podes desmontar e não dá jeito nenhum teres de andar a colocar a ***** do shifter numa mudança mais pesada, ter de pegar na roda de trás e pedalar para depois poder seguir caminho.... e o que acontece basicamente é que existe uma falha em que quando a corrente está no prato 42 por mais que tentes ajustar, a corrente ao pedalar para trás, cai sempre. E o simples movimento de meter o pedal a jeito para começar a pedalada é o suficiente para cair... e o problema é que muitas vezes cai mais que um carreto... CHATO!!!! Aliás.... ou mudam esse problema, ou a minha proxima cassete, mesmo a ter de comprar o cepo xd, será o da sram.
 

fabio viana

Well-Known Member
#71
Boas :)

O Mr.sa estas-se a referir ao carreto maior da cassete.

Ou seja, quando pedalas para trás se tiveres a corrente no carreto de 42t ou 40t(depende da cassete que escolhes) a corrente em vez de ficar sempre no carreto maior, cai para a 2ª ou 3ª velocidade.
 
#74
isso da corrente cair pros pratos abaixo quando se pedala pra tras acontece nao por ser cassete xt mas pela linha de corrente com um prato so. Nas cassetes sram acontece tambem.
 
#75
Finalmente convertida a 1x11.

Update

Prato oneup components 32t
Pedaleiro XT M8000
Cassete shimano XT M8000 11-42
Manipulo XT i-spec M8000
Desviador traseiro XT M8000

9.680g

A ver vamos as cenas dos próximos capitulos