Cuidado - jovem violada em ciclovia(andava sozinha)

#21
É de facto uma boa notícia, mas infelizmente qualquer medida de coação que lhe seja aplicada será sempre insuficiente para o sofrimento que causou à jovem vítima.

Perdoem-me a expressão, mas a pena dele devia ser fecharem-no o resto da vida numa cela com alguém que lhe fizesse o mesmo.
 
#23
Aqui uma chamadinha de atenção da minha parte ás senhoras que têm o hábito de pedalar sozinhas, evitem de o fazer sozinhas, mas sempre com companhia e zonas não muito isoladas.
Esta semana que passou mais um caso de tentativa de violação sobre uma senhora que fazia o trajeto de peregrinação para Santiágo de Compostela, pois ia sózinha dai a bandidagem a não perder a oportunidade nestas situações.
Boas voltinhas mas sempre em boa companhia.
 
#25
Isto só há uma forma de combater isto, é punir severamente com penas bem pesadas, para que os loucos que praticam tão vil acto, possam pensar duas vezes antes de o praticar, é das agressões mais violentas que pode existir, que podem levar à degradação e até ao suicidio da vitima.
Entrtanto cuidado, muito cuidado, no mundo em que vivemos hoje, temos que ser os primeiros a salvaguardar a nossa integridade.

Abraço

Jota Bê
 
Last edited:
#27
Para um tipo desses havia uma solução definitiva que eliminava futuros crimes e servia de exemplo para outros "candidatos"......Espero não ter de fazer um desenho!!!!
Faço votos para que estas más notícias não afastem as companheiras BTTistas dos trilhos.
Bjns.
KoTaM:cool:
 
D

Dinis Silva

Guest
#28
Eu sou da zona de barcelos mas e muito próximo de povoa e famalicão e uma tia dessa sujeita disse que diz que a historia não e bem assim e que nao foi esse suspeito.
No tribunal o suspeito disse que foi ele que fez sexo com ela mas porque ela ques agora quem lhe bateu isso ele ja nao pode dizer.
 
#29
Isto são casos muito complicados, de qualquer forma existe possibilidade de através de alguns exames analisar se ouve violação ou consentimento. E também não acredito que o parvalhão tenha usado métodos contracetivos, se usou como teve tempo para os meter? Se não usou sempre se pode analisar o sémen.

Deste modo é fácil ver se é este o suspeito e se foi consentido ou não.
 

Joseelias

Well-Known Member
#30
MiKaZ

Não me parece que isso seja assim tão fácil. Como provas se foi consentido ou não? Por haver lesões internas? Isso pode perfeitamente acontecer em relações consentidas como ele pode alegar. Aliás o Strauss-Kahn admitiu que gostava das coisas à bruta e mesmo as mulheres que foram com ele para a cama confirmaram isso.

Se existir ADN dele na vitima mais uma vez pode alegar que houve consentimento. E se a coisa foi planeada por mesmo haver a preparação prévia com a colocação do preservativo. Não era a primeira vez que isso acontecia. Em último caso ele até pode alegar consentimento pelo facto de estar com o preservativo!

Dependendo de determinados factores pode haver condenação sem provas materiais e apenas baseado em questões circunstanciais, como a prova de que a vitima não conhecia o suposto agressor e portanto o acto consensual ser menos provável especialmente envolvendo violência, o facto de já haver condenações anteriores do individuo, haver testemunhas que ele andava a rondar o local, outros relatos por testemunhas de tentativas de violação ou de assédios, etc. Isto digo eu, que não sou advogado.

O que é certo é que as coisas não são assim tão fáceis de provar e de os juízes condenarem sem alguma certeza.
 

Joseelias

Well-Known Member
#32
Isto não passa pelo uso de armas, passa sim pela instauração da prisão perpétua para certos tipos de crime mais graves, ou pela repetição continua de outros menos graves. Ao que se acresce que ao chegarem à prisão teriam apenas acesso a um colchão no chão, comida e tratamento médico. Se quisessem mais teriam que cumprir horário de trabalho nos campos agrícolas para produzirem o que comem, ou outras tarefas que pagassem os gastos que dão ao estado. Há uns bons anos atrás fizeram as contas e cada mânfio preso custava por dia ao estado 40€!!!

A ver se isto não começava logo a entrar nos eixos...
 
#33
Espero que capturem o animal e o entreguem às autoridades judiciais.

Depois, espero e desejo que seja condenado numa pena de prisão efetiva exemplar e que a mesma seja cumprida na companhia de reclusos que, como eu, abominem pedófilos e violadores.

Miguel Pinto
 
#34
É algo muito complicado, nem quero imaginar a situação em que a pessoa é violada e depois não se consegue provar que foi violação e o porco sai em liberdade sem qualquer castigo nem punição?!?!?!?!
O violador ao usar preservativo pode ser para não deixar vestígios e assim negar mais facilmente.
E os médicos através dos exames podem provar que se tratou de sexo forçado.
 
#39
Lockheed said:
Joseelias se não me engano já vai em 53€/dia cada preso!

Fui confirmar e são 53.7€/dia! Eu não ganho isso por dia a trabalhar!
É por isso que eu sou a favor dos presos trabalharem Voluntários ou Forçados (acho que já existe a opção voluntário).
Há muita coisa que pode ser feita pelos presos. Assim de repente estou-me a lembrar da limpeza das matas, manutenção de espaços publicos, etc...
 

Joseelias

Well-Known Member
#40
Mas a violação só se prova caso ocorra a penetração forçada?? se não existir penetração??
Sim, acho que em termos rigorosos só se classifica de violação se houver penetração. Se não se chegar a este ponto acho que é classificado, como o NunoMCCII diz, de tentativa de violação se se provar a intenção de praticar o acto. E a intenção é importante porque senão é apenas abuso sexual. Depois podem-se somar outras acusações agravantes se houver violência, ameaças, chantagens.

E até há bem pouco tempo atrás nem a violação anal era considerada como violação mesmo havendo penetração. Estava classificada apenas como abuso sexual. Acho que muitos violadores até escolhiam esta forma pois saiam do tribunal só com uma palmadinha nas mão...