Como recuperar de uma clavicula partida?

b4u

New Member
#41
Viva,

Também me foi concedida a "lesão do ciclista". Domingo passado em 100 metros de monte para chegar de novo à estrada caí e parti a clavícula.

Até aqui tudo bem, mas o que mais me irrita é a formação destes médicos de clubes distritais de futebol, "ponha a liga e gelo que tá bom e na próxima 4ª vemos se é preciso operar".

Só passaram 5 dias e já desespero com a falta de desporto, de tocar música e de ser autonomo.

Abraço
 
#43
Boas!

Também eu já fui "contemplado" após uma aterragem em que inverti a posição com ela... aterrou ela por cima. :(
Foi no passado dia 2 de Julho, e neste momento já estou novamente operacional, tendo retomado as voltinhas cerca de 2 meses (não consegui resistir mais tempo) após o "abrolhos"...

Como a malta gosta é de fotos (sádicos :))



Uploaded with ImageShack.us



Uploaded with ImageShack.us


Bem, mas o que me leva a colocar este post é outra questão.
Por motivos de "relação laboral", não entrei de baixa, e como "depois de casa assaltada, trancas à porta", agora equaciono subscrever um seguro.

Preciso fazer umas contas para ver qual a melhor opção (pelo menos teórica), para tal falta-me uma informação, se me puderem ajudar:

Quanto tempo estiveram de baixa médica?

Thanks
Peace
 
#44
Ola!
Eu ia num domingo de manha, todo feliz, dar o meu passeio, e, ja no fim, dei um tralho à maneira que dei uma cambalhota no ar e aterrei mesmo com o ombro... :D Parti a clavicula e estalei um bocado o umero. Neste momento estou a escrever ainda com dores, pois foi ha pouco tempo e estou a fazer fisioterapia. O pior ja passou, mas eu queria saber, de alguem que ja tenha passado pelo mesmo, quanto tempo vou ter de esperar ate pode voltar a andar.
As melhoras para todos os que partiram a clavicula :p
 
#45
Mais um membro para o CCP :) Mandei um delirante tralhão no domingo.
O meu caso foi assim: visto pelo ortopedista na 2a, operado na 3a, na 4a em casa a recuperar e hoje é sábado e, apesar de estar placado e aparafusado por dentro, tenho o braço livre sem necessidade de qualquer imobilização, já comi com os dois braços, já saí à rua e quase passa pela cabeça ir andar na garagem (hahaha kidding).

Força aí a todos na recuperação.
 
#46
Boas, parti a clavícula num valente tralho em Sever do Vougano dia 31-10, fui ao hospital e aplicaram-me o famoso 8, como na saúde uma só opinião é pouca fui a outro hospital que fizeram mais exames pois isto dos tralhos pode dar em muito mais do que uma clavícula partida. No 1º RX foi-me diagnosticado uma fractura total no 3º médio com desvio e um fragmento, lá o sr.dr colocou o 8 mandou-me para casa e esperar pela consulta de controlo, o que fiz foi ir a outro hospital e lá além de outros exames tiraram-me um 2º RX e já tinha contacto nas duas extremidades do osso, o 8 acabou por funcionar. No dia seguinte voltei a falar com um terceiro ortopedista que voltou a afirmar que a estava tudo a correr bem e aconselhou-me o imobilizador em 8 comprado em lojas ortopédicas, coincidência ou não uso o 8 a fazer uma boa pressão para trás nos ombros e passados 3 dias sinto-me quase capaz de conduzir é verdade que é um pouco doloroso mas as operações devem-se de evitar nas fracturas de clavícula. As melhoras a todos e encontramo-nos brevemente nos trilhos.
 
#47
...

eu até hoje tenho pena do médico casmurro que me atendeu em S. José!!
era daqueles que evitam o operatório!!, se tivesse sido operado tinha ficado fino!!
agora tenho as costas tortas à conta do sr doutor!! doutor mas é o c#$""#$!!!
claro que palerma fui eu que fui na cantiga!! a inexperiência falou mais alto!!
os meus amigos (vários!!lol), também não tinham sido operados...

...
 
#48
Boa tarde.
Amigos eu estou como o golias, está quase a fazer um ano, foi dia 24 de novemnbro, estou a escrever isto e estou-me arrepiar.
Então o preiplo, foi o seguinte: 24/10, 11.10h 4 bttistas em fila que fazia um vento que mal se conseguia andar, o da frente desvia-se sem dizer, água vai, eu que era o 2º, esperto levava a roda da frente ao lado da detrás dele, lá vou, como se não chegasse a queda, os outros 2 passaram-me por cima do braço, vi logo que tinha sido coisa grave, pois fiquei tonto e com arrepios. Levantei-me a custo levei a mão direita à clavicula e vi logo que não estava no sitio, como tenho formação na área lá arranjei um estragema de a colocar no sitio com um pau por baixo do braço, ficou mesmo direitinha. Montei-me na bike e tentei não mexer muito o braço. Cheguei a casa e tomei duche sem muitas dores. É aqui que começa a minha saga, foi a faro, onde me tiraram uns rx e disseram que estava mesmo direitinha e no sitio, foi visto por 3 ortopedistas, visto fazer umas qts perguntas pertinentes.
Colocaram-me o braço ao peito, deram-me um atestado de 30 dias e um papel que tinha uma consulta marcada para 15 de dezembro.
Vim para casa com as dores a apertar, estive dois que só conseguia comer por uma palhinha. Decidi ir para lisboa ao hospital da luz, novos rx, ecografia e espantos outros ortopedistas e muito mais meu a clavicula diretitinha mas falta um bocado de osso que tinha saltado, ouseja a clavicula não estava encostada, tinha de ser operação o mais rápido possivel Com duas opiniões< dispares naturalmente, que tinha de ouvir uma 3ª, como ainda circulei nos meios dos toiros, lembrei-me que tinha alguém pegado cmg que lhe tinha acontecido algo semelhante e tinha sido operado, telefonei-lhe, e foi a um expert em ombros, que já não me deixou sair de leiria sem ser operado. Resultado clavicula partida em dois sitios, arrancamento da cabeça do úmero e reconstrução a articulação do ombro, 3 horas na mesa de operações, para quem em faro era sõ repouso que a cavicula estava direreita. Levei para fusos arames etc e ainda tive de ser aberto mais 2 vezes para ir retirando o que estava a mais.

PS- duas opiniões não chegam. 3/4 meses para as coisas ficarem em condições.

As melhoras a todos.
 
#50
Boa noite, mais um membro para o CCP,

também já fiz BTT, agora nem tanto, registei-me aqui para partilhar convosco este meu episódio.

Tanto km que já fiz na CBR1100XX e em outras do serviço, agora em meia dúzia de dias com moto 4, apeei involuntáriamente deste cavalo e fracturei a clavícula direita.

Ocorreu no dia 12.11.2011, sábado, e ficou neste estado:



No Hospital de Portimão fui informado que não tinha indicação cirúrgica. Umas ligaduras em 8 para puxar os ombros para trás e vá para casa.

Na segunda-feira desloquei-me ao médico de família, nas urgências já não passam baixas médicas, e o médico de família mandou-me fazer RX para ver os danos.

Quando lá regressei, ele de imediato me aconselhou a procurar um especialista, então, em 19.11.2011, sábado, desloquei a Lisboa (Reboleira) à Clínica de Santo António a uma consulta de especialidade (Ortopedia).

Foi marcada cirurgia à minha clavícula direita para quarta-Feira, dia 23-11-2001 pelas 22h00. Terei alta na Sexta-Feira (previsão).

Não vou colocar agora fotos dela porque ainda estou magoado (com ela).

cumprs
jorgix
 
Last edited:
#51
Boas.
Vai fazer um ano que fui atropelado por uma colega de profissão!!!
Parti a clavícula e a omoplata do lado esquerdo, levaram me para o Hospital de Penafiel e fizeram vários raios x e viram a fractura. Ligaram me em oito(gerdy) e mandaram me ir lá 15 dias depois.
Mas, o meu treinador falou com o Cândido Barbosa e ele, por sua vez, disse me para ir ao Hospital da Boavista (semi privado) e falar com o Dr. Santos Silva (Ortopedista da Volta a Portugal, Coimbra). Mais informações (net): Stop ás lesões no desporto ou Olympica Internacional, Clínicas do Desporto.
Foi operado por ele, em Dezembro. Em meados de Janeiro comecei com rolos e inicio de Fevereiro comecei a pedalar e nadar.
Por isso, aconselho a visita, porque quem é bom, é bom!!!
Cumprimentos,

Armando Taipa
 
#52
bem eu não queria mas teve que ser...sou um novo sócio do CCP! uma queda feia e fractura da clavícula....no hospital de braga disseram-me que estava no limite da operação...após um dia em internamento decidiram que nao seria operado e que deveria comprar o cruzado.....nao muito confiante nas palavras do medico tratei de ir a um ortopedista particular no mesmo dia em que saí do hospital...apesar de dizer que a fractura era muito feia disse que no lugar dele nao operava....mas apontou-me para uma recuperação perto dos 4 meses!!!!!! ou seja muito lenta e incomoda....e mais...provavelmente poderei ter que ser operado mais tarde pra tirar alguns fragmentos resultantes da fractura....e pra rezar que isto solidifique bem! ao fim de 3 semanas ja me sinto bem melhor....mas este cruzado é incomodo!! tenho tudo negro debaixo dos braços!:fpalm: enfim depois de ler todos os comentarios resta-me rezar pra que isto fike bem!
 
#53
...

se puderes e tiveres como!, operação sem dúvida!!
estes médicos! são do pior!!
onde já se viu recuperar de uma clavícula 4 meses!!!
operado, ao fim de 1 mês está fino!!

...
 
#55
Cuidado aos mais sensíveis










ontem (30.11.2011) fui mudar os pensos e a brincadeira encontra-se neste estado.





não parece assim muito bonito, mas a enfermeira diz que tem muito bom aspecto.

cumprs
jorgix
 
#57
Bem desta vez calhou-mr sorte grande a mim. Clavicula partida e umas dores horrirveis, detesto dizer isto e meter-me no trabalho dos outros, mas sinto que não fui tratado como deveria ser, ou não tivesse eu sentado, durante 45 min numa cadeira de rodas, com um joelho a pingar sangue para o chão à espera que algum Sr, Dr. viesse do seu belo cafézinho. Enfim, lá me fizeram a imobilização cruzada da clavicula e, segundo os médicos esperam-me 4 semanas de repouso absoluto.
Contudo, dou graças ao capacete por poder estar aqui, resultado da queda, para além da clavicula foi um capacete partido, que seguramente me salvou a vida.
Cumps
 
#58
Aqui fica o meu relato sobre uma lesao na clavicula em grau 3 a jogar futebol e neste grau podia ser operado ou nao havia quem defendesse a OP e quem defendesse a nao OP. Segundo muitas horas a ler e a andar de medico para medico nos primiros dias cheguei á conclusao de nao ser operado e ao fim de 4 semanas ja estava a trabalhar e livre para movimentos sem grande esforço . A operaçao iria me levar a um maior tempo de repouso porque depois de ser operado teria de ser novamente operado para retirarm uma placa posta na primeira OP.
Hoje noto uma pequena desformaçao no ombro mas coisa minima e total liberdade de movimentos e de esforço . Tambem tenho que dizer que demorou até me sentir totalmente recuperado e quando digo totalmente é poder fazer todos os movimentos e esforço.
Espero poder ajudar aqueles que um dia tenham duvidas e que caso tenham uma lesao nivel 1 ou 2 nao operem e uma lesao 3 no meu caso 4 semanas de recuperacao suficiente para poder trabalhar e ter 80 % de movimentos e esforço . Acredito que o resto dos 20 % demorou bastante e nao sei se operado ficaria mais rapido a 100% mas o meu objectivo era a rapidez para ir trabalhar.
Um abarço
 
#60
No meu caso não fiz fisioterapia, e sinceramente acho que 90% dos casos é desnecessário. Faz cuidado nas primas 3 semanas, atenção aos movimentos bruscos e nada de fazer qualquer tipo de esforço, repouso máximo. E começa a arranjar uns filmes pra ver :D