29er Bicicletas com roda 29 vantagens / desvantagens

#21
http://www.youtube.com/watch_video?v=i0fJzRQVZPU

O video já é sobejamente conhecido mas serve para verificar as diferenças num piloto de competição.
Dai eu referir "negocionar o trilho" e não passar em recta um rock garden ..... Eu falo em precisão e manubrabilidade, ou seja, trilhos sinuosos, com grandes desniveis e muita curva à mistura.

O mais interessante é o que o video prova, diferença de 11~12s num atleta de alta competição ... isso diz muito na diferença que um comum utilizador vai ganhar ;)
 
#22
Viva,

Agradeço a todos as opiniões muito válidas.

Rene obrigado pela tua disponibilidade na cedência da tua 29, mas aqui em Torres a spec disponibilizou uma bike para testar. Como a questão da HT / FS também existe, vou experimentar ambas as 29, limitado à marca claro, mas penso que não terá significado para o que pretendo.

Daniel a tua experiência em relação à 29er demonstra bem que a tamanho/geometria da bike, adequados a cada um, varia muito consoante o estilo de condução e o que se pretende no ambito do BTT e este é exactamente aonde sinto mais dúvidas. Como disse as minhas voltas são mais ao estilo da maratona com alguns trilhos técnicos à mistura mas não se posiciona em limites de dificuldade/velocidade embora priviligiando a performance/peso e o conforto.

Rui obrigado pelo teu feed-back, pois como tens um perfil parecido com o meu e com os mesmos objectivos no BTT, demonstras que a 29er é uma opção válida neste segmento de praticantes de BTT e assim penso pois não vou desistir da 29 antes de experimentar e avaliar todas as vantagens/desvantagens no que a mim se aplica.

Feliz coincidência, um estabelecimento do ramo, em Torres V. vai abrir uma seção de bodygeometry e nem vou pensar duas vezes em tirar algumas dúvidas relacionadas com o tamanho/ajuste da bike, antes de avançar para a factura.

Abraço a todos e bons passeios.
Francisco
 
#23
Boas!

Tenho uma dúvida relativamente aos quadros 29ers...

Vamos tomar o meu caso como exemplo... Tendo eu 1,80m e sendo consumidor de quadros 18', qual o tamanho que devo equacionar para uma 29er?

Há quem diga que devemos escolher o tamanho abaixo... Será que é mesmo assim?

Os quadros 29er têm o tubo vertical um pouco mais inclinado e, sendo um tamanho mais pequeno, não ficarei com demasiada inclinação e com demasiado tubo para fora?

Há alguma tabela específica que nos oriente nesta questão?

Nuno
 
#24
Boas.

Nuno, deves tentar manter o tamanho que usas nas 26, 17, 18 ou 19, dependendo das geometrias e das marcas.

Deves apenas ter mais atenção ao tamanho do tubo "horizontal", pois algumas marcas nas suas 29ers "esticam" esse tubo e por vezes em comparação com as 26 ficam um pouco mais compridas, mas nada que um avanço mais curto não resolva.

Muitas vezes quando se refere, eu próprio, a escolher um tamanho abaixo é apenas em caso de dúvida (estarmos entre duas medidas).

Espero que tenha ajudado.

AbraçO.

Rui
 
#26
Aqui estão as vantagens das grandes 29er, quando vi este video mudei completamente a minha opinião sobre estas maquinas só consigo apontar vantagens :D

[video=youtube;UdDJPsINpGE]http://www.youtube.com/watch?v=UdDJPsINpGE[/video]
 
#28
Resumindo , XC roda 26, maratonas roda 29.
Hoje experimentei umas rodas crest com cubos dtswiss na nova medida 27,5 .
A grande vantagem é que não preciso de trocar de bike para colocar uma roda maior, ao invés da 29 que teria que trocar de quadro.
Ligeiramente maior 26 e ligeiramente menor 29......a confusão está lançada
 
#33
Concordo com tudo o que tem sido repetido sobre as vantagens, em geral, das 29 - tenho uma, rola mt. melhor, tem mais conforto que uma 26 comparável - ht/carbono - e não acho sequer que tenha desvantagens em trilhos técnicos, mas tb. não ando nisto há tanto tempo, nem tenho várias para ir trocando e conseguir medir a verdadeira diferença. A única coisa que me tenho apercebido é que os patrocinados, como o Sauser, dizem aquilo que for comercialmente mais conveniente à marcas vender naquele momento, pelo que nem ligo. Se ele amanhã aparecer a dizer que as 27,5 é que são a última coca cola do deserto não se espantem. Se soubesse o que sei hoje, mantinha a 29, mas acho que ia para uma Olympia ou uma Alpcross, que esteticamente são um estouro, têm quadros igualmente bons aos das marcas mais conhecidas e tinha poupado uns trocos... By the way e, contradizendo-me, vejam a última solobici: a flash ultimate 29 é de chorar... Abrs,
 
#34
Boas a todos, muito se fala e todas as opiniões devem ser consideradas, pois cada um opina acerca dos factos e realidades, mas diga-se o que se quiser, ou já por 3 vezes e no domingo foi a ultima vez que presenciei, em dois locais diferentes, os da frente com rodas 26 a pé por falta de tracção, e os das rodas 29 todos a pedalar inclusivé alguns mesmo cá no meio da classificação, mas continuavam a pedalar e as 26 a pé, será bruxedo rsrsrs.
Outro caso, também no domingo no regional de Maratonas em Alpiarça, o vencedor absoluto, com uma 29 em 82 kms segundo consta fez média de 28,5 km/h, gostava de ver alguém em 82 kms com uma 26 fazer essa média, fica a questão prós mais destemidos do pedal.
Também penso que a 27,5 será efectivamente a mais equilibrada para o pessoal 1,65/1,75, mas também conheço um canito meu amigo rsrsrs, que com uma 29 anda pra caraças.
Um abraço
Chamusco
 
#35
Em provas longas como 82km , acredito que tenha vantagens, agora XC puro , em poder de aceleração a 26 é melhor que a 29.
No entanto as pessoas esquecem-se do mais importante, é que não podemos comparar ambas as rodas com os campeões que nelas andam , pois esses treinam 5 a 7 h diárias.
 
#36
Realmente isso é verdade, mas duvido que a maior parte dos utilizadores quer de 29 quer de 26 pratiquem XCO.Penso que a maioria dos users aqui do forum e não só, utilizem maioritariamente as bikes em passeios e maratonas , e isso verifica-se no nº de inscritos quer nas maratonas quer em XCO.
Vão-me desculpar mas esta lenga lenga da 29 é melhor ...26 é que é bom, começa a ser um pouco ...chata! Todos sabemos que há vantagens e desvantagens, que já foram mais que debatidas e mais que comprovadas por utilizadores! Vão existir sempre defensores dum tamanho e defensores do outro! cada um chega a brasa a sua sardinha.
Eu tenho uma opinião em relação a este assunto...comprem uma 29er e uma 26 e analisem bem o percurso que vão fazer e após esta análise utilizem a bike que melhor se adapte ao percurso!!!! Assim não vão ter desculpas para andar menos!!eh! eh!
 
#37
Concordo com o syndicaterider. Não tenho nenhum estudo feito sobre o assunto mas a esmagadora maioria dos utilizadores de bikes penso que não estão à procura de acelerações terríveis à saída de cada curva. A maior parte quer uma bike para se divertir, fazer umas maratonas e passeios. Penso que para isso uma 29 será o ideal. Se me perguntassem à um mês ou 2 atrás em nem pensava em trocar de bicicleta. Dei uma volta numa 29 por curiosidade e não fiquei entusiasmado. Acontece que a 29 que experimentei tinha 14kg e uma posição que eu não gostei.

À umas semanas atrás andei numa 29 (superfly) em que encaixei maravilha. Não sei exactamente o peso, mas não teria mais que 9,5 a 10kg. Eu fiquei maravilhado com ela. Diferenças para uma 26. Definitivamente não foi o arranque,aquela disparava como um foguete, atingia velocidades estonteantes sem grande esforço e mantinha-a. Talvez só um bocadinha a maleabilidade da direção fosse mais lenta, porque de resto... Fiquei rendido.
 
#38
Tenho acompanhado este tópico com mais ou menos atenção e parece-me que as bicicletas de hoje são muito próximas. Falo de roda 26 e roda 29. Facilmente se a "tuna" para ter mais rigidez, maior conforto, mais rapidez, etc, etc. Não é só o tamanho das rodas e do quadro que conta, mas a sua qualidade, o seu material, a qualidade das rodas, o movimento pedaleiro, etc, etc.
Parece-me demasiado tendencioso dizer-que a roda 29 é melhor ou mesmo que a roda 26 é melhor.
Para mim, depende de muita coisa. Kms que se fazem, local onde se pratica btt, o próprio atleta. Eu só uma vez experimentei uma roda 29 e confesso que não me animou muito, a bicicleta.
Ponderei e entendi que não era o melhor para mim. Rolo melhor do que subo, vivo numa zona de sobe e desce constante e não faço regularmente mais do que 70 kms de btt. Posto isto, entendi que o melhor era manter-me com roda 26.
Agora, se vivesse em Almeirim ou na maior parte do Alentejo, se fizesse ultramaratonas a toda a hora, se tivesse pouca ou nenhuma técnica a descer, aí ponderaria uma 29.
Partilho da opinião do amigo syndicaterider. O melhor mesmo é ter as duas (eu teria, caso tivesse essa possibilidade) e escolher a que melhor se adequa a cada prova/momento.
Por último, o atleta é sem dúvida aquilo mais importante. Tenha ele pernas, que ganhará, independentemente de ser com roda 26, 29 ou 27,5.
 
#39
Quanto ao treinar de 5 a 7h isso depende muito do conceito do treinador, um atleta de alta competição de XCO que faz muito menos tempo numa prova dessa envergadura, porque será necessario 7h...
Desculpem o off-topic, e só a minha opinião
 
#40
No mesmo percurso técnico com muitas subidas e descidas ( 2 voltas X 7.8km), experimentei uma flash 29, a minha Flash 26, e depois coloquei uma 27.5.
Durante 4 dias de manha e á tarde fui alternando e ao fim de cada 2 voltas tomava apontamentos, e conferia tempos.
A primeira grande diferença foi no peso, entre a minha Flash 6750gr e a Flash 29´, logo ai a 29´perde pois estamos a falar de mais de 3kg de diferença.
Depois outra diferença que notei foi nas acelerações, se a 29´ganha ligeiramente quando vem embalada,( na 26 a multiplicação de pernas é maior para chegar á mesma velocidade ), ao fim dum singletrek , e quando se começa a subir sem estar embalado, o poder de aceleração na 26 é muito superior, numa subida de 1.5km com grau de inclinação médio 10% a 26 chegou ao topo 10seg mais rápida.
Em obstáculos de pedra nomeadamente a descer a 29 parece que tem uma estrada de alcatrão tal não é a facilidade e segurança com que passa, na 26 temos de ter mais cuidado e estar mais concentrados.
Com a 27.5 tem-se um bocadinho das duas (29´e 26 ´), é uma medida intermédia que irá singrar no panorama nacional.
Relativamente á estética da bike a 26 bate sem apelo nem agrado a 29. Na 27.5 o pessoal fica a ver a ver se percebe que raio de tamanho é aquele. iol:). Outra das vantagens desta medida é que serve em grande parte dos quadro que tem 26, poupando-se muitos €€€€