11 x 5Cumes Amigos da Montanha

#21
É verdade, e foi logo na zona de transição de estrada para o monte, é preciso ter azar :( Eu só vi de relance mas teve alguns ferimentos ligeiros, pelo menos aparentemente foi isso, e espero que tenha só sido isso.

A cima de tudo, que esteja tudo bem com ele e as melhoras rápidas para voltar a dar aos cranks o quanto antes :p
 
#26
Provavelmente é o ultimo ano que vou aos Cumes, é muito caro e com muita gente.
Fiz os 5 e gostei do percurso, pena o calor que estava. A nível de marcações de percurso, sinalização e nas passagens por estradas estava tudo muito bem assinalado.
Melhorias a fazer:
1- Reduzir o numero de inscrições (parecia uma selva, sei de casos que demoraram 6 minutos desde o arranque até passar a partida);
2- Partida com boxes (saida para a maratona ser antes da saida para a meia);
3- Melhorar os abastecimentos (estavam mesmo muito fracos, pelo menos na maratona podia ter uns sais minerais e umas barras energéticas de jeito e que não estivessem partidas)
4- Comida no final;

Atenção que sou fã dos AM e vou a todos os eventos de BTT deles...
 
#27
Lorenzo - os cicloturistas vao para se divertirem ,trabalham durante a semana, não fazem do btt modo de vida. Pelos vistos os pseudo pros....falta-lhes muita coisa.....incluindo Civismo! ( mas não são todos iguais ou como tu )
 
#29
Também concordo com o Demorider!
Participei com o desafio de me "testar", já não participava há algum tempo em nenhum evento.
Mas muito para além do tempo que estava a tentar fazer, e das tentativas de reduzir tempos em paragens, existe este planeta que devemos preservar! ;)
Espero continuar a ver vegetação e animais por onde passo, fazer trilhos sozinho num deserto não deve ter muita piada! :p
 
#30
Este ano também resolvi ir aos 5... Parti relativamente de trás e a minha condição física não era a melhor pelo que demorei 6 horas a fazer os 5 cumes.

A nivel de organização gostei das marcações e do trajecto. Relativamente a dizerem que fizeram cut-off por volta do km 65 isso estava definido no regulamento da prova, quem passava depois das 16.30 em determinado local iria ser desviado. Sei que para muitos participantes isto é chato mas quem já organizou eventos sabe que não se pode estar eternamente à espera dos últimos.

Os trilhos, e visto não ser da zona, gostei bastante pois é o tipo de terreno que mais gosto (pedra solta) e a descer ainda deu uma boa luta, tanto que até me ficaram a doer as costas do corpo ajudar a amortecer :D

Gostei também do facto de em cada intersecção estar alguém da organização, normalmente pessoal jovem, mas que cumpria o "trabalho" que tinham de orientar o pessoal para ter cuidado com o transito, pode não parecer mas reunir assim tanta gente, e mesmo para eles estarem ali desde as 9.30 da manha até às tantas da tarde não é nada fácil.

A nivel de reforços não muito achei mal, as bolas de berlim é que acabaram depressa lol, só as apanhei no primeiro reforço no entanto vi no ultimo (pelo menos neste) bebidas isotonicas e barras energéticas para o pessoal levar pois nesse aspecto não falharam

Só tive pena, apesar de compreender, pois quando cheguei à meta por volta das 17:00 +- já estavam a arrumar tudo e não deu aquela boa sensação de ter acabado, no entanto deram os parabéns quando se chegava ao fim. Para mim foi significativo pois como disse no inicio do tópico nunca tinha feito uma prova com uma relação distancia / acumulado como este. Se bem que o ano passado para os mesmos kms existia aproximadamente mais 700 de acumulado o que deixa algo a pensar pois se esta me custou imagino no ano passado :)

Relativamente a confusão no trajecto como já disse parti relativamente de trás e nos primeiros kms quando seguimos pela estrada nacional (?) ia numa de relax e de aquecer ainda pelo que deixei "esticar bem a corda" agora claro quem vai sempre a abrir logo desde inicio não esperam que chegando a um ST e só lá estão vocês...

Para o ano penso voltar novamente pois, tal como já referiram, não achei a prova cara, alias os 15€ vale bem a inscrição e a jersey... Podiam sim fazer uma inscrição sem mesma e assim baixavam o preço mas a organização é que sabe da sua vida :D

Algo que me deixou desapontado, foi ao terminar quando ia para os banhos fui informado que os balneários já tinham encerrado e teríamos de ir tomar a outros balnearios mais a cima, no entanto não havia qualquer indicação. Falamos no entanto com alguém da organização que lá nos guiou até aos balnearios do estadio, acabamos por ficar a ganhar neste aspecto mas poderia ter existido um pouco mais de organização neste aspeto porque depois de ter as pernas todas moídas ainda ter de andar para cima e para baixo enquanto se sabia onde eram os mesmos com o saco às costas mais custou.

Por final, efetivamente é triste ver as garrafas de agua deitadas no chao durante o percurso pelos "pros"... Não quero saber se vão a competir ou não... É triste e o monte merece o nosso (bttistas) respeito e isto não deveria acontecer... E como costumo dizer... Já vi muito porco a andar de bicicleta e neste fim‑de‑semana isso comprovou-se

PS: Na subida para o ultimo cume existia, mais ou menos a meio, uma bica com agua geladinha... Bem soube-me pela vida meter a cabeça lá de baixo que nem imaginam...

PS2: Só agora vi o tamanho do texto que escrevi.. Desculpem lol
 
#31
Eu saí de trás também e fiquei como muitos retido no inicio da subida da Franqueira. Constatamos que infelizmente era um acidente. Vi uma bicicleta encostada e um bttista num passeio a falar com as pessoas, já lá estavam os bombeiros. Não me pareceu ser nada de muito grave mas o para-brisas estavam partido, por isso ainda foi um bom choque.

Também passei pelos motards que aparecem no video. Felizmente foi numa zona com visibilidade, não devia haver paciência para esperar nem mais trilhos naquele monte...

Para clarificar mais uma vez. O problema não é haver cut-off. O problema é que ele não aconteceu nos termos anunciados: às 16h no km 65. Ou não sabiam ou não quiseram anunciar, eu estava em último lugar e disse a mais de que um dos coordenadores que tencionava ir até ao fim, só não iria muito rápido.

Penso que seria de maior respeito terem informado da alteração.
 

camponubla

Well-Known Member
#34
Boas,

Eu também participei nesta edição dos 5 cumes, fiz a prova dos 3 cumes. A minha anterior participação foi no 20120, ano em que choveu imenso se bem me lembro. Em relação a este ano, tive a preocupação de chegar a Barcelos às 8h e entrar no box quando este foi aberto..por isso tinha a btt, acho eu, entre os primeiros 100 atletas.

Por isso, tanto nas zonas afuniladas como nas zonas de abastecimento não tive nenhum problema de acumulação de pessoal.

Em relação ao percurso, achei que o último cume foi duro (muito) mas de resto não achei que fosse assim tanto.

A sinalética do percurso para mim era muito boa, acho sim, que as zonas de abastecimento com a quantidade de atletas inscritos, se calhar deveria ser mais ampla. E na partida sim, também acho que limitar os inscritos e dividir a partida seria boa ideia. Mesmo assim, aqueles primeiros km em alcatrão já deu para esticar o pelotão, não?
 
#35
Campanubla, o asfalto inicial foi bom para dispersar o pessoal mas mesmo assim não foi suficiente.
Ninguém está à espera que nestes eventos estejam apenas prós, contudo, há muita gente com muita pouca experiência. Chegam a uma zona ligeiramente mais técnica e desmontam... param e fazem descarrilar o comboio! :D
E como o asfalto era fácil, ligeiramente a descer, quando entramos em trilhos mais técnicos ainda havia na frente muita gente que quando via uma raiz no trilho parava e demontava a bike... (acho que não estou a exagerar) ;)
Para minimizar isto era fazer partidas separadas entre os 3 e os 5 cumes e limitar as inscrições a um número mais baixo...? Como já foi referido...

Campanubla, enquanto madrugaste, eu foi o oposto! Estava a chegar ao recinto e a ouvir o speaker a anúnciar 20 segundos para o ínicio! eheheh
 
#36
Boas pessoal, eu também participei nos 3cumes. Gostei do percurso mas fiquei aborrecido com uma coisa que me sucedeu:
-parti o cabo do desviador traseiro pelo sítio do parafuso, e como fui sozinho e não percebia do assunto fiquei um bocado à rasca.. Lá tentei esticar o cabo e meter numa mudança mediana mas não estava a conseguir e saltava para a mudança mais pesada... Entretanto num cruzamento vi uns tipos de mota com os coletes refletores que diziam "amigos da montanha", parei à beira deles e perguntei se me podiam ajudar e eles riram-se e arrancaram!! Foi após o 2ºcume, tive que fazer as subidas à mão até que um pessoal fixe se ofereceu para ajudar-me e lá conseguimos esticar o cabo e meter o desviador na 4ª mudança.

Eu penso que os tipos das motas pensaram que eu estava a brincar, mas foram logo embora não gostei!!

Relativamente ao percurso em si, achei muito porreiro! Adorava ter conseguido fazer aquele último cume em cima da bike

Cumpts e boas pedaladas
 
Last edited:
#37
Fiz a edição de 2013 e a de 2014.
Acabei por não ir à edição deste ano.
Uma das coisas que mais me faz confusão é não haver separação entre os atletas que vão para os 3 Cumes e os que vão para os 5 Cumes.
Sei que não há (em geral) a tradição de separar os atletas que vão para as "Meias" daqueles que farão a Maratona completa.
Para mim faz todo o sentido.
Um atleta numa Maratona tem que fazer uma gestão das energias completamente diferente.
A presença de inúmeros atletas que vão fazer as versões mais curtas, com pouca experiência, que fazem os primeiros kms "à Fangio" e na primeira subida ou parte técnica estouram e entopem completamente o percurso, obrigam quem faz a Maratona a mudanças de ritmo (para realizar ultrapassagens) que mais tarde na prova pagam-se bem caro.
 
Last edited: