PDA

View Full Version : A questão dos cães...



Páginas : [1] 2 3 4 5

José Carlos
01-09-2004, 16:27
Toda a gente fala deste assunto com alguma delicadeza, uns porque já o sentiram
na pele (ou na carne), outros porque andaram lá perto.

O que aqui venho acrescentar não é nada de novo, mas acho que nunca é demais re-lembrar.

Então aqui vai (lá vem ele com mais um testamento) :mrgreen:

Todos já ouviram a famosa expressão "os cães cheiram o medo"
Por muito bom que seja o faro dos nossos melhores amigos, eles não "cheiram"
coisa nenhuma. O que acontece é que os cães presentem, atravéz da postura das pessoas,
quem é o ser dominante e por vezes atacam.
No nosso caso, bttistas, a coisa complica-se devido ao aparato todo que nós fazemos por aí.
Muitas vezes basta nós parar-mos e tirar os capacetes/oculos para o animais mudarem completamente de atitude.
É claro que não se vão por a tirar a roupa toda em frente a um Rotwiler ou
Doberman em plena serra. [-X

Depois há outra coisa, muito de vós, ao passarem por quintas com cães lá dentro, estes começaram a ledrar feito loucos.
É normal, estão a fazer o que lhes foi ensinado e a defender o seu território.
Quantos de vós (ou alguém do vosso grupo), é que nunca começaram a tentar fazer mais barulho que os próprios cães? Vá lá, não sejam mentirosos... :^o

Todos já assistimos à cena.
O problema é que muitas vezes esses mesmos animais andam soltos,
e uns dias, horas ou minutos antes de nós passar-mos, alguém passou a "assanhar" os desgraçados enquanto estavam presos.
Adivinhem em quem é que eles se vão vingar. 8)

Duas dicas para acabar:
Uma das coisas que um cão menos gosta é de molhar o focinho,...
não sei se me faço entender....
Em vez de tirarem um pé do pedal e tentar enfiar o Shimano 43 na boca do desgraçado, encham a vossa boca com água e façam pontaria.

Aqueles que têm muitos encontros imediatos com estas criaturas de quatro patinhas,
está na hora de ir ao sótão buscar aquele bidom velho, que é bem mais fácil (e higiénico) acertar do que cuspindo água do Camelback (além disso, esta é preciosa).

Se o bicho correr mais do que vós, e gostar de água na tromba, lembem-se que têm na mão um grande pedaço de metal (a bike).
Coloquem a vossa queridinha entre vós e a besta, passem devagarinho :-$
e rezem [-o<
Que se lixem os pneus.

E lembrem-se: os animais são nossos amigos (pricipalmente os cães). :wink:

Ludos
01-09-2004, 20:04
Lá venho eu defender o cãezinhos "ah e tal..." e vocês dizem "tão mas como é que é ?"...
Epa, eu felizmente até hoje nunca tive problemas com cães, e acreditem que a malta dos montes costuma ter muitos cães, mas eu chamo-me Luís, e o São Luís era o protector dos animais (teoria esfarrapada)...
Ok, a minha tática, mostrar-lhes quem é que manda alí, quem é que tem não uns shimano 43, mas uns scott 46, e com uns cleats que partem ossos... mas regra geral basta impor-me e dizer "PXIU ! VÁ PÁ SOMBRA!" alguns ainda insistem quando um gajo lhes vira as costas mas um gajo olha pa trás e volta a impor-se e ficamos todos felizes.
Os animais são nossos amigos (ele há com cada animal...)

Ah, gostava de dizer também que ja fui mordido, mas nunca a praticar btt, só a brincar com as cadelas da minha tia, e por experiencia própria confirmo o que o superbiker disse.

Um abraço e boas amizades com os canideos.
Da próxima conto a história d'O HOMEM que mordeu o cão, anda por aí o Netwarrior que conhece a pessoa em causa... fica pá próxima.

BikeTo
02-09-2004, 00:08
Agradeço os conselhos, mas até à data tenho me dado bem com a simples atitude de abrandar a marcha e passar lentamente a olhar para eles. :wink:

Abraços
Biketo

Aztec
02-09-2004, 00:51
Eu por acaso quase sempre que saio de casa tenho que passar por a casa de um moço que tem um cão serra da estrela que mais parece um leão...o bicho farta-se de ladrar e eu começo a espicaçá-lo com a bike, ele vem colado a mim até que desiste.Nunca me dei mal, talvez por ele ter aquela cena na boca que não o deixa morder :P Mas exceptuando esse cão, eu gosto de seguir uma filosofia que é....não desrespeitar o espaço dos animais para eles não nos xatearem, e se barafustarem deixem-nos ladrar à vontade!!!

Marreiros
02-09-2004, 01:39
Cães?! São bons para treinar sprints!!! :-s

Não me dou nada bem com cães [-X , só aquele ladrar põe-me nervoso!
Mas felizmente ainda(e espero não ter) não tive assim nenhum caso grave (mordidas).

Mas o que me irrita :x mais é quando se passa de bike pelos ditos bichos e eles estão prestes a atacar, quando ouvimos dizer( pelo dono): esteja descansado que ele é mansinho, não morde e blá, blá ,blá...
Pois até ao dia! Eu cá resolvo o problema com um sprintzito! E está feito. \:D/

Djinha
02-09-2004, 09:42
Boa Superbiker a tua explicação está muito completa :wink:

Já apanhei alguns sustos com cães, mas percebi que eles querem é defender o território ou então ao ver as bicicletas a passar desperta-lhes o instinto de perseguição :roll:

Hoje em dia não vario a velocidade, eles veem, ladram, mas uns metros depois voltam para trás. Mas houve uma vez em que um canito perseguiu-me sempre a ladrar, mas quando passámos a quinta dele, o dito canideo veio connosco quase até ao fim do passeio todo contente :lol: :lol: :lol:

PS:eu eduquei o meu cão a não perseguir bicicletas.... :oops: mentira ele persegue uma .......a minha!!!!! :lol:

refuger
02-09-2004, 09:51
Antes de mais peço ja desculpa pelo meu françes...

Ora eu quado faço um crossezito pela serra e me apareçe um cão a ladrar a reação é normalmente um grito que basicamente diz, Vai pro c%*!@# filho da p*#! um pontapé nesses c*%#! que te f%$@#!... ora normalmete os gaijos ficam a olhar parvos e tasse bem...
se não e se continuarem a ladrar perto das pernas faço um crank flip com bastate força e acerto em cheio no focinho do bixo que começa a ganir e pira-se...

No entanto noutro dia cheguei a casa entrei pelo portão e anda nem tinha descido da bike quando fui mordido pelo cão da minha tia... :evil: segundo ela o cão n me conheceu e eu devia ter falado com ele... ora o que leva a conclusão que se o cão souber que nos sabemos que ele esta ali e que o estamos a controlar, tem tendencia pra baixar a bola...

José Carlos
02-09-2004, 10:49
...não uns shimano 43, mas uns scott 46, e com uns cleats que partem ossos.. :?
...o bicho farta-se de ladrar e eu começo a espicaçá-lo com a bike... :shock:
...o que me irrita mais é quando se passa de bike pelos ditos bichos e eles estão prestes a atacar.... #-o
...faço um crank flip com bastate força e acerto em cheio no focinho do bixo que começa a ganir e pira-se... :-({|=

Bem, não se pode dizer que eu não tentei.... [-X

Vá lá, vocês até nem são assim tão mauzinhos...


...um gajo olha pa trás e volta a impor-se e ficamos todos felizes... :)
...a simples atitude de abrandar a marcha e passar lentamente a olhar para eles... 8)
...não desrespeitar o espaço dos animais para eles não nos xatearem, e se barafustarem deixem-nos ladrar à vontade!!... :wink:
...Eu cá resolvo o problema com um sprintzito! E está feito... :mrgreen:
...eles veem, ladram, mas uns metros depois voltam para trás... :D

Ainda bem que há quem tenha percebido a mensagem =D> =D> =D> :P :P

Kaneças
05-09-2004, 01:01
Bem eu tenho um ROTTWEILER, e ele é o meu best friend, defende-mequando preciso, faz-me companhia e etc...!!

Nunca tive stress com cães... gosto muito deles!! mas uma coisa que devem saber, é que quanto mais ligam ao cão mais ele se vai enervar... quanto mais gritam, ou mais dão pontapés pior será!!

Imaginem assim, que voçês estão na rua, alguém grita para voçês e dá-vos pontapés!! eu pessoalmente partia para a violencia!! e os cães tb,

senão se meterem com eles, eles não se metem com voçês!!

por exemplo o meu dog desde que tem 4 meses que faz DH!!

1º foto: primeira vez em sintra

http://exz.home.sapo.pt/kanecas-fr-pista/jordan/jordan1.jpg


2º foto: após um treino em sintra

http://exz.home.sapo.pt/kanecas-fr-pista/jordan/jordan2.jpg

3º foto: Jordan na passagem de ano

http://exz.home.sapo.pt/kanecas-fr-pista/jordan/jordan3.jpg

4º foto: Jordan em grande

http://exz.home.sapo.pt/kanecas-fr-pista/jordan/jordan4.jpg

5º foto: Jordan na piscina

http://exz.home.sapo.pt/kanecas-fr-pista/jordan/jordan5.jpg

FREERIDE_RULES
05-09-2004, 01:17
kaneças,deixa que te diga que o teu cao e muito lindo.....problemas com caes nunca tive,o que eu faço sempre e passar de fininho :D ...

cumprimentos..

Kaneças
05-09-2004, 01:21
Thanks man!

Tenho muito orgulho no meu DOG!!

pergunta ao alki... para entrar em minha casa é preciso pedir por favor!!

hihihihi

mas é bom cãozito, ainda é cachoro, só tem 14 meses!

Peso-Pluma
05-09-2004, 13:43
Kaneças o teu dog é 'in louco', então na 1ª foto ta muito fixe.
Bem eu já fui mordido um cão e já por 2 vezes que ia sendo mordido pelo mesmo cão diga-se rotweiler, que quando vou ter com um amigo meu pa ir-mos treinar eu passo por ali porque é + mais perto, mas não é que a porcaria da porta tá sempre aberta??? só não fui mordido porque fui + rápido que ele, e um dia levou com a bike(minha rica machine, até tive pena) e o dog recuou e eu aproveitei e sprintttttte lá veio ele atrás de mim.....lol um dia compro um rotweiler ou um pit e vou lá espetar com o cão pa atacar o dono daquele....eu ténho uma cadela....
Eu gosto de cães mas há cães que me irritam, por exemplo onde moro na rua de cima há um cão preto que cada vez que lá passo cem atras de mim, não pa pedir festas ma sempre a ladrar e a querer morder...e a 4 anos nisto, o que vos dá vontade de fazer??? a mim também.

abraços

peso-pluma

Djinha
05-09-2004, 13:54
Hehe Kaneças, que canzarrão :D
Eu acho que a culpa não é dos cães mas sim dos donos que os (não) educam. O rotweiller é definitivamente uma raça seleccionada para a guarda e defesa, mas isso não significa que os cães de guarda tenham que ser descontroladamente agressivos para todas as pessoas e animais que passam ao pé deles :?
Eu tenho um cão cruzado de dobermann com dogue alemão...não é qualquer pessoa que entra cá em casa mas no que diz respeito a andar na rua as coisas são diferentes: apenas digo que ninguem se mete comigo, mas tambem se alguem quiser brincar ele é o primeiro a alinhar....depende muito da educação.
Realmente há animais que irritam mas sinceramente quem merece pagar as favas são os donos :evil:

2albro
05-09-2004, 14:03
ROTTWEILER rula!!Aqui na minha rua há sempre cães!!E esquisito é que os cães andam sempre por ai e quando encontram esta rua ficam aqui é bue de esquisito!!Eles atiram-se a toda a gente de bike e assim e a mim nada!!Nunca vieram atras de mim!!Eles conhecem a bike ou o caraças!!

Fireblade
05-09-2004, 14:15
Bem...
Muito fixe o teu dog kaneças...

EM relação aos cães...quando eles vierem atras de voces (bike) acelerem...eles ficam logo para tras...hehehe :lol: :lol:

doc
14-09-2004, 15:38
Primeiro, os cães são como os humanos: não há dois iguais, há uns que ladram , outros correm atrás, outros mordem...,todos têm um pancadão diferente. Eu como sou do Algarve, tenho ainda outro problema: os cães que só falam inglês, e como não são loiros não sei distingui-los dos portugueses, então está de fora a diplomacia de falar com eles.
A solução que encontrei foi comprar (no miau.pt) um spray de defesa pessoal, agora quando vem atras de mim, levam com aquilo no focinho, ainda correm mais depressa... mas para trás. é guerra quimica, mas a guerra é sempre suja...

2albro
14-09-2004, 21:50
Lol essa do spray!Na revista demail tambem vendem produtos e engenhocas para repelir animais!

Trava
15-09-2004, 00:42
Boas! Eu uma vez ia com um amigo num caminho e saltaram dois cães em nós(pastor alemão e um doberman), o chavalo acelarou e eu feito manso e para os cães não ficarem excitados, abrandei. O doberman estava com um ançaime, mas o pastor alemão...após umas faenas ao bicho que insistia em querer conhecer melhor as minhas pernas, saltei da bicla e peguei numa pedra :evil: , felizmente o animal ficou intimidado e após se afastar alguns metros ainda levou com ela :twisted: :oops: ! Nunca mais me aconteceu o mesmo.(nunca mais lá passei, eheheh)

Abraços, Trava.

ricardo lee
23-12-2004, 21:47
eu por acaso ñ custumo ter problemas com cães!! nunca tive medo , mas tenho algum respeito aos maiores mas memso assim ñ deixo de fazer uam festinha se estiver o dono ao pe!

eu kaundo me acontece iso dos gajos ires a correr atras de mim eu faço o seguinte:

se for um cão pekeno ñ fico muito intimidado e sprinto e kaundo o cão ja vai mesmo atraz de mim eu travo repetinhamente! :D mas nada de especial!

kuando e um cão maior sprinto e ñ paro !! loooooool

ps. Kanessas tens um cão lindo! eu adoro ROTTWEILER 's . ainda bem ke eles custuman-se dar bem comigo!

mas ás vezes tenho akela sensação de medo e os cães kaundo estão a chirar-nos eles sintão o cheio so meu cão e resolvão morder-me!

:arrow: aki esta uam foto do meu dog o meu leãozinho! e rafeiro mas é o cão mais lindo do mundo! http://www.photoblog.be/photoblog.php?nickname=Cat_Sniper&action=view&id=410299&category=59920

castroma
25-12-2004, 21:11
Também não tenho medo de cães, mas sempre que há algum mais insistente mando-lhe água para as fuças e até agora tem resultado sempre.
Nunca sprintei para fugir de nenhum, prefiro passar por eles devagar mas sem os olhar directamente...disseram-me que é a forma mais segura...

Tenho aqui para casa um daqueles apitos ultrasónicos que só os cães ouvem, que me foi aconselhado por um amigo criador por ser eficaz ao repelir os canitos, usei-o ao peito cada vez que ia andar de bike, mas entretanto não sei onde o meti...tenho de o procurar pois pode ainda vir a dar jeito.....

Paulo M
27-12-2004, 10:29
Eu nunca tive problemas com cães.
Quando os vejo a vir a correr para mim, reduzo a velocidade e eles até agora têm acalmado.
Outra tactica de um colega meu, quando ele vê um cão, acelera para ele e começa a ladrar mais alto que o cão. Também resulta. Eu já fiz a experiência e o cão..meteu o rabinho entre as pernas e desapareceu....

Bom Ano Novo

:)

castroma
27-12-2004, 18:48
Tou a ver que quando me cruzar com o Paulo M ai por algum trilho tenho que lhe mandar água do bidon para a cara para conseguir escapar a uma dentada :-D :lol: :lol: \:D/

marioconde
28-12-2004, 01:06
Curioso no meu grupo existe um elemento a quem nós sempre que encontramos um cão no caminho dizemos: "Belmiro, ñ mordas no cão".

O facto é que o personagem em questão tem por hábito perseguir os pobres animais de bicicleta, e até hoje tem resultado, nunca tivemos kker tipo de incidente com os canideos kando o nosso colega de lides vai connosco, acho k vou adoptar o mesmo método :wink:

oguh
05-05-2006, 16:25
Boas,

Fui buscar este tópico ao baú, pois é deste assunto que quero falar.
Cães, para começar quero dizer que sou amigo dos animais inclusivé tenho recolhido alguns cães vadios.
O assunto tem a ver com o que foi falado neste tópico encontros imediatos com cães.
Ontem estava eu a fazer a minha volta de fim de tarde sozinho eis quando saio dum trilho de terra e entro numa zona de casas, daquelas terreas com terreno a volta com grandes portões que impossibilitam de ver para dentro, vejo um cão de médio porte na beira da rua a cheirar o muro sem se importar com a minha presença, contudo reduzi a velocidade para quase parado pelo seguro, passei por ele e nada, não reagiu pior foi que numa casa logo a seguir onde estava o cão sairam para a portão, que estava aberto; 2 cães tambem de médio porte e 1 pequeno vi logo a minha vida andar ao para trás. A primeira vista parecia que não iam reagir, mas não é que f**da p**do pequeno começa a ladrar na minha direcção atiçando os outros em segundos tinha o 1º cão muito proximo da minha perna e os outros tambem muito proximos. Então com o pavor de ser todo mordido por varios cães acelerei o maximo que pude( ainda bem que a estrada descia um bocado)para fugir e ao mesmo tempo tentava acertar um pontapé pelo menos num para lhe arrebentar aquele focinho, felizmente que eles começaram a cansar e foram desistindo, mesmo assim andei com cães a perna +/- 100 metros. Resumindo só com muita sorte ontem não fui mordido por um cão. :zezus:
O que me revoltou mais nem foi o facto dos cães me atacarem, mas sim os c*** dos donos :cadeirada: que sabem que de vez em quando passa ali pessoal de bike e sabendo que os cães atacam o pessoal das bikes deixam o portão aberto deixando caminho aberto para os cães atacarem.
Eu tive sorte, mas será que o proximo terá. Se em vez de sozinho fosse um grupo tenho a certeza que este relato incluia mordidas ou pior...
Era bom que as pessoas que tem cães tivessem mais cuidados com os animais, pois as bikes despertam nos cães o instinto de perseguição e todos nós queremos andar na rua com segurança.

Os cães são animais irracionais, mas os donos penso que são racionais :-K

doc
05-05-2006, 22:34
Aconteceu-me uma tambem parecida a cerca de um mês:
Ia numa subida, e cruzo-me com um individuo que vinha com um cachorro mas com um porte para o monstuoso... passei, e tal "BOA TARDE!", no qual fui retribuído pelo homem, e ...pelo cão, que começou a ladrar atrás; o homem ainda chamou por ele uma vez... e eu a subir e o gajo a ladrar, pelo sim pelo não desencaixei o pé do pedal, e toca a subir e o cão atrás e o dono nada, até que o gajo ia ferrar-me...saquei-lhe com o pé ao focinho, só aí o dono o chamou com fé!
Não mordeu por cm... mas se o gajo mordesse, quem levava pelo focinho tambem era o dono!

Joao Narciso
05-05-2006, 22:44
Boas

É por estas e outras que levo o cão atrelado à Bike. Serve para puxar e ao mesmo tempo me defender dos outros cães.

Mas acho que é tempo de certos donos perceberem que têm responsabilidade civil pelos danos que os seus cães possam causar, e quando isso acontecer comigo podem ter a certeza que se houver dono visivel o vai pagar e bem caro.


Boas Pedaladas

neusebio
05-05-2006, 23:15
Desde a data do nosso 1º evento e nossa apresentação como Clube BTT Odemira, muito mais gente começou a pedalar em Odemira. Acontece que por azar um dos acessos principais aos inumeros tracks favoritos cá da malta, obriga-nos a passar por um monte que tem uns 5 Rafeiros Alentejanos. Quem conhece a raça sabe bem do porte dos bicharocos. Eles ainda por cima não gostam das biclas e no inicio sempre que tinha de passar por lá até tremia e tinha pesadelos! :omg: Mal um dá pela nossa presença os outros surgem logo num instante com uma vontadinha de pôr aqueles corta palhas a funcionar nas nossas lindas pernocas!!!
Agora não os domino mas já não tenho aquele medo e a técnica é não lhes mostrar receio, fazer-lhes frente e falar alto com eles com vozes de ordem :barafustar:
E agora temos um GNR a andar connosco, daqueles que andam com rottweiler e outros cães de porte para controlo de multidões o que tambem ajuda e explica-nos quando é que um cão poderá ou não atacar.
Agora o resto do pessoal que iniciou nem se atreve a passar pelo tal monte o que é pena porque tem tracks magnificos e o burro do dono dos animais ainda é menos inteligente que os próprios cães ao saber que na eventualidade de um azar ele é responsável em tudo já que aquele caminho ainda por cima é público.

Nuno Eusébio

Kitos
06-05-2006, 09:08
Eu com cães sempre foi à moda do bidon. Não tenho tendencias para meter o Shimano 43 no focinho do bicho (se fosse o cão do kanessas provavelmente ficava sema bota :mrgreen:)

Alf
06-05-2006, 11:01
uma vez vou eu num trilho e encontro um gajo a passear o seu pitbull, por sorte (devia conhecer as tendencias do cao) agarrou-o e fez me sinal de passagem... gostei da atitude do dono. outra vez vou eu a passear num parque e sai-me um dalmata a ladrar e a correr atras de mim. o dono chamou-o e ele desistiu... uma outra vez ia atropelando(mesmo) um que fugiu a sete pés, travei com o de frente e por sorte não caí.... numa descida...

na minha opiniao, os donos é que se devem responsabilizar pelos cães... (grande descoberta :P)

Bravellir
08-05-2006, 01:20
A minha atitude normal é abrandar e ignorar completamente os bichinhos. Mas fico sempre apreensivo e já apanhei valentes sustos.

Um dos maiores, foi quando de uma casa com o portão aberto me surgiu um cavalo pequenino disfarçado de cão, ou então o inverso, já não me lembro bem :D, mas que olhou para mim e me ignorou por completo, snob :) , mas logo a seguir apareceram três tapetes com rabo que desataram a perseguir e a ladrar furiosamente. O bicho maior não achou piada e desatou a perseguir os mais pequenos e a afasta-los de mim, inclusivamente dando-lhes pequenas mordiscadelas.
Fiquei todo contente, pensei que tinha arranjado um amigo, mas afinal não, parece que era uma questão de mostrar quem mandava porque depois de afastar os outros, e como que para confirmar que ali só ele é que persegue ciclistas e é quando lhe apetece ( mesmo snob ), se chegou a mim e me deu dois pequenos beliscões com a ponta dos dentes que só apanharam a malha das calças. E pela maneira como foram dados, tenho a certeza que não eram para magoar, eram para mostrar que se ele quisesse... Não sei como não desmaiei e a partir dai, pelo sim pelo não, nunca mais passei nesse trilho :oops:

Outra história engraçada é que tenho uma espécie de jogo com uma matilha que anda por uma pedreira abandonada e por onde passa um single track que eu adoro e pelo qual termino mais de metade das voltinhas caseiras. Normalmente, quando eles se apercebem que eu estou na pedreira, perseguem-me a ladrar até ao fim do trilho. No outro dia, eles foram mais rápidos que eu, e apanharam-me ainda antes de entrar na pedreira. Como são cerca de 12, embora todos rasteirinhos, e até por medo de passar por cima de um e cair, tive de desistir e subir o trilho até ao início com o grupinho todo contente a ladrar ao lado. Parecia que se iam a rir os desgraçados :mrgreen:
Mas para a próxima apanho-os desprevenidos e ganho eu :wink:

Xure
08-05-2006, 14:59
Boas!

Como o Doc disse cada cão é um caso, no entanto devo dizer que fugir a dar ao pedal é mto perigoso por dois motivos. Podemos cair e de seguida é garantido ficarmos com os dentes do cão cravados no nosso corpo.
Quando se vê um cão ou varios em primeiro lugar deve-se abrandar, e ou se passa por ele(s) mto devagar e a falar com ele(s) calmamente ou se desmonta. Sempre atento aos movimentos e como alguem já disse com a bike entre nós e os referidos cães.
Nunca se deve olhar nos olhos dos cães pk eles consideram isso como um desafio a sua suposta autoridade e território, e nunca se deve mostrar nem medo nem excesso de coragem, mas sim respeito.
Ter em conta que quanto mais pequeno é o cão mais refilão é, e mais probabilidade há de ele vir ladrar e tentar morder.
Para os que dizem que dão pontapés aos canitos, apenas vou deixo o aviso que isso é mto pior para além de eu discordar em absoluto, pois não é nada necessário chegar a tanto, basta um pouco de psicologia canina, se é que isso existe.
Eu sigo sempre estes procedimentos e até já estive uns bons 5 minutos parado a espera que eles desistam e resulta.
São animais com um instinto mto forte de território e mtas vezes são maltratados por outros seres humanos por isso as vezes não são o tão amigaveis o quanto nós gostariamos, no entanto vamos lá tentar compreender a prespectiva deles sem pontapés e violência.
Para terminar a maxima do "cão que ladra não morde" está mto proxima da verdade.
Tenham mais medo dos cães que não ladram pk esses sim quando é para morder nem avisam... :roll:

Abraços

Xure

kazakinhus
08-05-2006, 15:13
Em relação aos nossos amigos de quatro patas tenho tido alguma sorte :wink:
ao ver esses simpaticos amigos, encho a boca com água, e ao aproximar dos ditos, faço pontaria, o que é certo é que desistem.
:mrgreen:

nfh
08-05-2006, 15:41
Em relação aos nossos amigos de quatro patas tenho tido alguma sorte :wink:
ao ver esses simpaticos amigos, encho a boca com água, e ao aproximar dos ditos, faço pontaria, o que é certo é que desistem.
:mrgreen:


Bem, essa deve ser a técnica mais original que já vi para afastar cães... cuspir-lhes em cima até eles desistirem :) :) :)

MarcoB
08-05-2006, 15:53
Em relação aos nossos amigos de quatro patas tenho tido alguma sorte :wink:
ao ver esses simpaticos amigos, encho a boca com água, e ao aproximar dos ditos, faço pontaria, o que é certo é que desistem.
:mrgreen:


:rotfl: :rotfl: :rotfl: :rotfl: :rotfl: :rotfl:

oguh
08-05-2006, 16:00
boas,

Concordo que não se deve fazer mal aos cães, e há regras para sair pacificamente das situações. Mas como no caso que relatei, as situações nem deviam existir se os donos tivessem mais cuidado ( ex. fechar os portões das casas ). :eish:
Falou-se em psicologia canina, não sei como pode resultar quando tenho 4 cães atras de mim dos dois lados da bike. Unica forma de me livrar foi fugir pois eles reagiram mesmo eu estando num ritmo praticamente parado, por isso todas aquelas regras que se falou não funcionaram.
Quanto dar um pontapé no animal,para mim, antes isso que levar uma mordida :barafustar:
Claro que cada um tem a sua ideia, e aqui sentado em frente ao computador com todo o tempo do mundo é facil tomar a decisão mais acertada o pior é lá fora quando eles começam a correr na nossa direcção.

Bons passeios cuidado com o cão

MarcoB
08-05-2006, 16:02
Quanto dar um pontapé no animal,para mim, antes isso que levar uma mordida :barafustar:



Eu adoro animais e cães em especial, mas não posso estar mais de acordo com a tua afirmação, é ele ou eu por isso...

abike
08-05-2006, 23:44
Neste link podem encontrar alguma informação acerca do enquadramento legal dos nossos amigos cães e respectivos donos - Eu não tive peciência para ler tudo, mas pode ser útil

http://www.gestaodocondominio.net/viewtopic.php?topic=10018&forum=2

Parece que alguns cães para andarem na rua devem ter trela e açaimo, por mais mansinhos que sejam.

cconst
09-05-2006, 10:17
concordo com a opinião que os cães devem ser respeitados e o não ligar muitas vezes é a melhor solução. mas eu - que nao tenho grande medo deles - já arrastei um que se agarrou às minhas calças... sorte em serem largas, porque caso contrario iria sofrer na pele uma mordedura...

A questão principal é a seguinte: se o cão estiver na rua e esse local não for o seu local de permanencia habitual, ou seja, se não for o territorio dele, tudo Ok!, o pior é quando se passa à porta de quintarolas em que os cães são donos da quinta e das envolvências! aí tá o problema, nós somos invasores e estamos a ameaçar o seu território! E na maioria das vezes, os cães defendem o seu territorio com unhas e principalmente DENTES!!!

AH! antenção com as cadelas e cachorros! se elas tiverem crias, passem longe!

os pontapés só servem para atiçar mais os cães.

boas pedaladas!

pepebapty
21-06-2006, 12:50
Os cães de rebanho só ladram mas convêm desmontar e passar de fininho! No Alvão os "bacanos" já me conhecem e ás vezes meto conversa com os Pastores e os cães cheiram-me e levam uma festa e na próxima já me conhecem... Estou a falar a sério! Agora fico mesmo f... é com aqueles "artistas" que passeiam Dobermans/Rotweillers/ Pitbulls sem açaime e que respondem: " Olhe já paguei umas multazitas mas o cão nunca mordeu!" Até à 1ª vez!!! Atenção que eu sou um grande amigo dos animais e tive mais de 20 cães em criança e adolescente... Agora andar com cães de raça perigosa à solta sem açaime! Valha-me Deus! Para terem uma ideia da minha "amizade" aos animais só não tirei o curso de Medicina Veterinária porque faltavam 2 décimas para entrar! Viva os cães...

Boas pedaladas e poucas mordidelas

yjmalmsteen
21-06-2006, 17:41
eu nas minhas voltinhas acabo sempre por ver porcos (que fogem), cabras e ovelhas (que fogem), bois e vacas (os quais passo devagarissimo e sempre a olhar pra eles nao vá um ter uma ideia brilhante) e caes, uns maiores do k outros. os pequenos da pra passar por mt que eles ladrem e corram atram de nos kdo tiramos os pes dos pedais eles assustam-se, pior é quando sao grandes! e ai? ja me deu pra voltar pra traz era uma valente subida e no cimo tinha 3 caes soltos e dos grandes.uma vez apanhei varios caes´+- grandes no meio da estrada assim k os vi abrandei um pouco mas vi que eles vinham em minha direcçao depois desmontei-m da bikla la se abrandaram. o que acontece é que os donos deixam os portoes abertos ou deixam os bichos andar na rua. se algum dia tiver que me voltar a um cao é pra lhe dar com toda a força pk nao sei ate que ponto sao amigos do homem....pelo menos meus amigos...os bichinhos sao mt giros mas continuam selvagens e isso do sprintar.....no outro dia numa recta vi um gato à minha frente e ele atinguia a velocidade de +- 30km/h acham que consegue-se sprintar mt tempo a mais que essa velocidade com alguma inclinação? um cao se for grande agarra-se logo à perna

bem... :D saude e pedalem pela vossa vida hehehe

nfh
21-06-2006, 18:43
Por acaso a coisa que mais temi no passeio nocturno que teve lugar há umas semanas em Castelo Branco foi mesmo os cães que se faziam ouvir em algumas partes do percurso... se calhava a aparecer um bicho destes vindo do meio do nada, no escuro, o mais certo era morrer do susto antes da dentada :).

tpereira
22-06-2006, 10:30
Agora andar com cães de raça perigosa à solta sem açaime!

Acho que nao ha racas perigosas, existem e racas que se atacarem podem provocar mais danos...

E o que faz o cao perigoso e o dono...

José Martins
22-06-2006, 10:46
Se tivermos o azar de nos depararmos com cães verdadeiramente treinados para atacar tudo o que não corresponda ao dono, a situação pode ser complicada.
Já assisti a um caso que só a muito custo não resultou numas mordidas num colega de pedaladas e o dono do animal, que apareceu entretanto, disse logo que o bicharoco só estava a defender a propriedade do dono, quando nós passáva-mos a mais de 200 metros da casa.
Mas como já foi mencionado, neste e noutros casos deve imperar o bom senso e a prudência.
Quando vamos num campo onde surgem vacas a pastar, em especial quando acompanhadas de crias, a situação não é melhor.
No grupo com que costumo pedalar, o pessoal passa devagarinho, sem barulhos, que elas querem mesmo é comer descansadas.
Acima de tudo, não nos podemos esquecer que os animais reagem por instinto e se for num instinto protector, em especial com vacas, pode ser bem mais grave do que com os cães (é que tá provado que as vacas pesam mais e têm um poder de impacto maior).

Boas pedaladas.

andrextr
23-06-2006, 06:57
Não li todos os vossos comentários mas acho que percebi que estavam a falar de cães no caso particular em estes a atacarem-nos!! Acontece que os cães para além dos nos atacarem também se atravessam à frente como todos voces sabem! Basta referir o nome do grande campeão que Torres Vedras em particular e o ciclismo em geral nunca esquecerão, estou a falar obviamente do Joaquim Agostinho!

Ainda a semana passada, vinha no carro do pai da minha namorada, iamos na autoestrada a 110 km/h mais coisa menos coisa, quando eu avisto um cão dentro da vegetaçao do separador central (ou seja, o espaço entre os dois sentidos de rodagem dum autoestrada). Mal que vi o cão dei logo o alerta, mas foi tarde de mais! O cão parece que me ouviu e decidiu atravessar-se à frente no momento eu que eu fiz o aviso! Conclusão, ainda travamos mas não foi o sufeciente para não mandar o cão desta para melhor! Era um cão de porte médio/grande!.... O radiador e o faról do carro foram com os porcos...

Cuidado com os cães e boas pedaladas :)

José Carlos
23-06-2006, 10:02
Era um cão de porte médio/grande!.... O radiador e o faról do carro foram com os porcos...

A Brisa ou a consessionária da auto-estrada em questão é obrigada a pagar, mas provávelmente terias que ter parado o carro e chamado
a assistência logo na hora. Ou então arranjar testemunhas.

Um pouco :offtopic: :sorry:

Xure
23-06-2006, 11:04
Sem duvida José Carlos, mas na pratica eles tentam sempre fugir com o rabo a seringa. :(

O meu pai já ficou sem um para-choques na A1 por causa de um pneu rebentado de um camião.
Ele ia a ultrapassar um camião quando viu um objecto preto que supõe ser o tal pneu na faixa de rodagem. Passou-lhe por cima e sentiu um barrulho enorme. Quando parou numa area de serviço para tomar um café olhou para o carro e o para-choques de trás não estava lá. Contactou a Brisa e eles mesmo tendo encontrado o para-choques do meu pai no separador central, começaram a complicar as coisas de tal forma que o "cota" fez contas a vida e para poupar chatices e perdas de tempo em tribunal, revolveu ele assumir o prejuizo.
Conclusão cento e tal contos de para-choques e a brisa mais uma vez passou impune.
Se fosse comigo era mesmo tribunal.

Desculpem o :offtopic: :wink:

Em relação a animais nas autoestradas, tenho conhecimento de vacas e cavalos que passaram a vedação da autoestrada que liga a Figueira da Foz a Coimbra e nestes casos não é só um farol, é mesmo carro para a sucata, e um risco enorme de os seus ocupantes ficarem gravemente feridos. :s


Abraços

Xure

José Carlos
23-06-2006, 11:17
Eles tentar, tentam... tens razão.

E muitas vezez conseguem, como foi o caso do teu Pai, mas isso irrita-me solenemente,
e enquanto nós todos continuarmos a fazer como o teu Pai
(o que eu percebo perfeitamente) eles vão-se ficando a rir com o dinheiro das portagens no bolso.

No caso do pneu saltar de outro veículo, sinceramente acho que a Brisa nem tem nada a ver com o assunto.
Quem devia ser responsabilizado nesse caso seria o condutor ou propriétário do camião. a dificuldade nestes casos é arranjar provas,
e esses senhores como sabem disso, valem-se desse facto para todas as situações em que tenham ou não responsabilidade.

No caso dos animais já é diferente, pois uma das caracteristicas das auto-estradas, e que supostamente as torna mais seguras que as nacionais,
é o facto de serem (ou deviam ser) totalmente vedades em toda a sua extensão impedindo o seu atravessamento quer por pessoas, quer por animais!

Já sei que se estão todos a rir, mas é mesmo assim a realidade deste belo jardim à beira-mar plantado.

E para não virem dizer que isto está off-tópic, e que os administradores deviam dar o exemplo, ainda digo mais:

Viva o futebol, a seleção, os estádios, o mundial, o Scolari....

Que se f**** as auto-estradas que nós pagamos 10 vezes, e as maternidades, e as escolas que vão fechar, e as multinacionais que param para ver jogos da seleção e na semana seguinte vêm fazer greve por melhores condições ou pedir por favor para não lhes fecharem a fábrica!!

Ahhh! Eu gosto muito de cães!

Xure
23-06-2006, 11:26
Concordo em absoluto contigo.

Abraços

Xure

tobias
27-06-2006, 12:14
Boas
a propósito de cães, hoje de manhã, na minha volta habitual, fui atacado por um cão de porte médio/grande e não me mordeu porque dei ao pedal, e ia causando a minha queda, porque era a segunda vez que passava naquele local e fui apanhado de surpresa.
A tendência é para fugir um pouco para o meio da estrada quando os cães saltam, como no caso de hoje,e se viesse um carro de frente podia ser muito complicado; também é muito complicado porque por vezes eles colocam-se na frente da roda e provocam quedas com consequências graves.
Também tem o problema do movimento de pedalar, porque parece-me que eles vêm esse movimento constante e a tendência é para atacar o que mexe.
Tenham cuidado e boas pedaladas

pirri
07-07-2006, 12:39
Nunca tive problemas com cães, nem nas voltas de bicicleta nem noutra ocasião qualquer. Mas uma coisa é certa, há cãozinhos, cães e BESTAS! Se me aparecer um canito á frente quando vou de bike, coitado, nem lhe ligo, mas se o canito for uma besta com mais de 50 kg o caso já é outro e se ele estiver assanhado então acho que nem penso duas vezes e volto para trás! Antes fugir do que ser devorado!! :mrgreen:

Nuno Caixeiro
07-07-2006, 15:25
Se lhes mostrarem quem manda não existe problemas algum, mesmo assim se o cão for de caracter persistente e não gostar de ser dominado vocês mordam-lhe também :lol: :lol: :lol:

OBiklas
19-07-2006, 09:49
quando li este tópico pela primeira vez, pensei: "coitados destes gajos, já não chegam os malhos e ainda têm de levar com os cães em cima!!"...
Este pensamento durou até ontem... Ia eu mais 3 bttistas já a meio da volta, quando ao virar para uma estrada em paralelos sou surpreendido :aiui: por uma Rotweiller que se posiciona mesmo ao meu lado e lembrou-se de ferrar algo que era MEU! Azar ou sorte, a dentada apanhou metade do pé e metade da sapatilha e não perfurou, resultado: 3 dentes marcados na pele e um hematoma (sorte estar perto de casa, assim tive tempo de pôr gelo!).
MAS o mais irritante é que os GRANDES CRÓMOS dos donos estavam cá fora a jantar, assistindo a tudo, e só passado uns minutos ao ver-me a queixar é que finalmente perguntaram:
"FERROU?.....AAAHHHHHHH, É que a cadela não costuma ferrar!" :barafustar: :barafustar: NEM se preocuparam em ver se eu estava bem nem nada!! A culpa não é toda da cadela(mas se a apanho está f@!#$§!), MAS sim daqueles incompetentes, com falta de responsabilidade dos donos que não sabem que um animal daqueles tem de estar preso ou então usar uma "protecção bocal".

Não fiz queixa devido ao ferimento (que podia ser pior), devido a já conhecer a "cambada" de :choneh: atrasados mentais dos donos e principalmente á incompetência da GNR da minha cidade para resolver estes casos!

pirri
19-07-2006, 16:33
Mas devias fazer, talvez se a GNR bater á porta dessas pessoas elas se assustem e tenham mais cuidado com o cão. Um Rotweiler não é um cão qualquer e pode fazer estragos bastante graves, até irremediáveis.

Bravellir
19-07-2006, 19:56
Sim, a seguir até pode atacar uma criança. Liga para a protectora dos animais em vez da GNR.

osnofa_smp
21-07-2006, 09:41
bem que os gajos metem respeito, á isso metem. Eu por acaso até sou um daqueles que tenho medo, talvez por em pequeno ter sido mordido, mas qdo vejo um e seo conheço tdo depende. das duas uma... ou um sprint á campeão, ou então e se ouver possiblidade fazer mais uns km e desviar

penatabua
21-07-2006, 10:38
Olá malta, lamento o descrédito que as forças de segurança, provocam nos cidadãos, como atrás relatado, esse tema "DAVA PANO PARA MANGAS", eu sou um agente de autoridade, elemento da PSP e desculpa-me ó OBIKLAS, este parecer, mas apesar, do sentimento por ti, sentido(e de muitas outras pessoas, sou Polícia, mas não sou surdo e conheço bem as 2 instituiçoes), se apresentares queixa, não te desligares e acompanhares o processo, a entidade policial, mediante queixa, é obrigada a deslocar-se ao local, a tomar conta da ocorrência e naturalmente a autuar e tomar as devidas medidas para evitar situações futuras.
Com o teu "LAISSEZ FAIRE, LAISSEZ PASSER"., pois não apresentas-te queixa-formalizada e não aceites adiamentos ou desculpas do agente, em apresentares posteriormente, pois esse caso é de intervençaõ urgente, quantas mais pessoas, podem ser mordidas e com consequências, ás vezes de abertura de TELEJORNAIS, o menos culpado, que é o animal, vao continuar a "FERRAR" e os donos a dizerem que ele até nem "FERRA" ninguém, posso anunciar que as coimas(nunca apliquei nenhuma,) são severas e o visado, de futuro vai tomar providências para evitar descuidos.
APRESENTEM QUEIXA ÁS ENTIDADES POLICIAIS,SÒ ASSIM ELAS PODEM ACTUAR; APESAR DE ALGUMAS SITUAÇÔES CARICATAS, MAS NÂO PRESCINDAM, DO VOSSO DIREITO DE QUEIXA, SERÀ UMA FORMA DE INCLUSIVAMENTE, PRESSIONAREM A MELHORIA DE UM SERVIÇO FUNDAMENTAL ,AO BEM-ESTAR DE QQ CIDADÃO; SE FOR NECESSÁRIO; EXISTEM LIVROS DE RECLAMAÇÃO, NOS POSTOS POLICIAIS, MAS SEJAM JUSTOS .
Espero ter ajudado, a melhorar o laxismo nesta situação, mas nós temos de dar o 1º PASSO.
Abraço de Carlos Magro- penatabua

José Martins
23-07-2006, 17:47
Excelente o esclarecimento do amigo penatabua.
E penso que é igualmente importante a vertente motivadora, no bom sentido, que esse esclarecimento encerra.
Por vezes e isso é tipicamente português, falamos muito, mas passar das palavras aos actos é sempre um problema.
Se o cãozito não tiver a coleira identificativa, se não houver nada que indicie quem é o dono, podemos sempre tentar saber junto dos vizinhos a quem pertence, por exemplo.
Mas acima de tudo, não devemos abdicar dos nossos direitos e da exigência do cumprimento dos mesmos.
Se alguém está a prevaricar, pelos casos aqui expostos, não é o bbtista, mas sim quem tem a mania de que o mundo está por sua conta, como o caso descrito dos fulanos que estão a jantar e deixam o cão à solta.

jginja
29-07-2006, 22:28
viva,
tenho tido alguns encontros imediatos com cães.
numa das vezes aprecerem +- 10 cães pequenos, tipo caça ao coelho, a ladrar! tive de correr com eles ao grito!! e o dono ao pé!!! :shock:
a última num caminho com +- 1,5mt de largura, a fugir de um cão grande, acho que um pastor alemão, tava mesmo a ouvir o cão atrás de mim. o caminho tem uma curva à esquerda, fechada, não ouvi o som de moto 4 a aproximarem-se e ía-me espetando contra o primeiro!! foi mesmo por uma unha negra que consegui desviar o suficiente para ficar na "berma" do caminho e parar. os motard's também pararam com o cagaço que lhes preguei. :shock:
encontro muitos cães e o confronto é quase sempre inevitável. não os provoco. eles defendem o território, mas se vierem também vão levar. de certeza.

boas pedaladas

agamadeira
30-07-2006, 13:49
Tenho um boxer que apesar de ser um brincalhão, não deixa de ser grande e meter medo a quem não está familiarizado com cães. Agora, se forem mordidos devem sempre alertar as autoridades, para que possam tomar medidas, mais contra os donos que os próprios bichos, mas existem duas ou três atitudes que devem tomar.
Uma delas é não se deixar surpreender ou surpreender e assustar os animais, avisem-nos que estão a passar. Depois falem com eles com firmesa, tipo voz de dono, se eles se mostrarem resilientes e teimosos, de se lhes derem um bom grito tipo CÃOOOO, de certeza que se vai embora, ás vezes mostrarem-lhes a bomba de encher pneus e fazerem sentir que lhes podem dar com elas no lombo também ajuda. Em suma nunca demonstrar medo é a chave da questão.

JoséValente
16-08-2006, 15:44
Já dei com dois enormes cães de guarda e garanto-vos que é de cortar a respiração.
Muitas vezes não sabemos como reagir o melhor porém será descer da bicicleta.

numiko
27-08-2006, 19:20
Fiquei pasmado com as vossas técnicas para afugentar cães :shock:...essa do sprints queria ver se fossem numa subida..já tive alguns encontros com cães na bicicleta e o que eu faço é simples..faço um cavalinho e deixo a roda da frente a rodar depressa..o cão caga-se todo..e se isso nao resultar na mesma com a bike na posição de cavalinho vou andando ao encontro dele e travo com o travão de trás..tem resultado..sou anti-violência contra animais..já com gaijos k se metem a mandar bocas do passeio..f#$=?# pa eles...morte imediata :D :wink:

Boas pedaladas..

oguh
28-08-2006, 15:23
Fiquei pasmado com as vossas técnicas para afugentar cães :shock:...essa do sprints queria ver se fossem numa subida..

Já me aconteceu numa subida e fiz sprint, virei a bicicleta e a subida passou a ser uma descida. :mrgreen: :mrgreen:

BM_Pereira
28-08-2006, 15:36
Começa a ficar complicado saír sem um encontro não desejado (por mim) com estes bichos ferozes... Mas que raio... Há com cada pessoa... se não sabem ter um cão... não o tenham... agora não o deixem e à solta. Haja paciência...

Já pensei em marcar os pontos "proibidos" no google e no GPS... hehe...

sudoeste
28-08-2006, 15:58
Um dos truques do numiko também costuma resultar comigo. Travo forte com o travão de trás e os cães com o barulho normalmente assustam-se e fogem.
Quando não resulta.... fujo eu :D

anasunn
28-08-2006, 16:59
Falem com eles, com calma que eles param.Ja me tem acontecido isso. Se não pararem toca a fugir. :D

Kitos
28-08-2006, 17:50
Sudoeste mas já viste o que tens de bombar depois nos pedais paraganhar speed? Se bem que tens a ajuda canina... :mrgreen: Já experimentas-te passar por eles a abrir... Ganda pânico nem sabem de que terra são :mrgreen:

BM_Pereira
28-08-2006, 17:52
Sudoeste mas já viste o que tens de bombar depois nos pedais paraganhar speed? Se bem que tens a ajuda canina... :mrgreen: Já experimentas-te passar por eles a abrir... Ganda pânico nem sabem de que terra são :mrgreen:


O pior é se são daqueles que se gostam de atravessar à frente da roda... e aí... além de umas belas dentadas (do ponto de vista do bicho cão) ficas com uma bela recordação para o futuro... :lol:

Abraços,

Bruno.

Malok0
28-08-2006, 23:12
Meus amigos, se não apresentam queixa no posto da GNR ou PSP quando são atacados são quase tão culpados quantos os donos.
Fui mordido em pequeno por um, e hoje (graças a Deus) não tenho mazelas no gémeo direito.
Por vir distraído e por ter apenas 15 dias de carta, no outro dia (à noite) um cão meteu-se no meio da estrada, atropelando-o e tendo como consequência a morte do animal. Naquela altura senti-me culpado e até ofereci o dinheiro de um cão novo (ainda bem que o dono não aceitou)... mal imaginava eu que o dono era o culpado.. Hoje está uma bela amolgadela à frente. :nsei:
Há restrições para os donos, sendo responsáveis pelos mesmos. Nalgumas raças, mais perigosas os donos são obrigados a possuir um seguro, entre mais outras coisas.
Vejam aqui (http://www.cm-viana-castelo.pt/ciac/textos/Boletim42.pdf#search=%22ra%C3%A7as%20perigosas%20c %C3%A3es%22)

SoveskY
29-08-2006, 21:59
Já me aconteceu estar a fazer um passeio de bike lá para os lados da arrábida e encontrei uma matilha de cães selvagens no meio de uma mata, pelo que soube são cães que foram abandonados e começaram a procriar, sendo neste momento uns 12. Mas voltando ao assunto, estava eu a passar e eles estavam em cima de um pequeno monte de terra, e só dei por eles quando começam 2 a descer atrás de mim a ladrar que nem uns malucos.
O que eu fiz foi, afastei-me devagar uns metros do resto da matilha e os outros 2 cães vieram atrás. Quando já estava a uns bons metros dos outros olhei-os nos olhos, enchi o peito de ar e fiz um olhar ameaçador sem pestanejar, fiquei assim uns 2 ou 3 minutos, entretanto eles desataram a correr para o resto da matilha.

Esta táctica foi-me ensinada à uns anos por um amigo meu e nunca me deixou ficar mal.

Atenção que os cães eram rafeiros e não eram nenhuns rotweillers... se fossem "rots" certamente não fazía assim... (borrava a cuequinha e desatava a correr :P )

Cumps!


P.S - Primeiro post num forum de btt e começo a falar de cães e olhares ameaçadores... bom começo! :mrgreen:

Erion Racing
01-09-2006, 14:47
Pois isso ja me aconteceu... mas nao cheguei a ser mordido.. aqui onde eu moro há muitos meninos k andam com os pitbull armados em maus e tal.. não e que um dia eu ia pra escola e tal um cão MONSTRUOSO sim que era maior que eu começa a correr a tentar comer a bike :P bem... eu axo k nunka tinha andado tao depressa em uma recta... eu ja ultrapassava os carros e o caraças... o que vale e que o menino basofe k andava la com o cachorro la o chamou e tal e ele fartou-se... bem que susto tava a ver a minha vida a andar pra trás.. e quanto aos conselhos que me deram pra lidar com caes não segui nenhum... foi mas é puxar pelas 8 velocidades e rezar pra k a corrente nao partisse :P:P

CUIDADO COM OS PITT`S ELES ANDEM AI!!!!

xamane
22-06-2007, 12:01
A História que vos vou contar versa assim:

Anacleto Ambrosio Aguiar, digno representante da classe dos Escriturários, respeitável homem de familia e muito querido lá para os lados da murrunhanha onde reside numa bonita moradia com um bonito quintal, enfim nem sempre muito bonito, até porque a Dona Isabelinda não gosta muito destas coisas do campo!!!

Ora como já devem ter percebido a Dona Isabelinda é a esposa do Sr. Anacleto Ambrosio Aguiar, digno representante da classe dos Escriturários, Isabelinda é de facto um nome estranho mas do qual a Sra se orgulha profundamente,é que para ela ter um nome assim é mais ou menos como ter um vestido Versace ou Dior, um exclusivo, mais ou menos como para um bttista possuir uma bicicleta exclusiva e perfeita!

Enfim passo a explicar, é que Isabelinda é um nome único no mundo, ou seja na altura em que a foram registar a menina era para se chamar Isabel Linda, mas a notária da altura, não se sabe se por ser surda, se para poupar tinta da caneta de aparo ou porque tinha alguma dificuldade a escrever, resolver poupar na escrita e lá abreviou aquilo para Isabelinda! E à falta do Dior ou do quadro único, um nome único tb pode ser motivo de orgulho!

Da familia de Anacleto Ambrosio Aguiar, digno representante da classe dos Escriturários e morando na mesma moradia fazem ainda parte:

Uma filha de 35 anos e nome Isaura, nome dado pela dona Isabelinda em homenagem à escrava da novela.
Um Rover 75 comprado em 2ª mão ao Sogro do chefe lá do escritório, um bom negócio por sinal, custou apenas €15.000 com 8 anos e 200.000 km
E um animal, que Anacleto Ambrosio Aguiar, digno representante da classe dos Escriturários, diz ser um cão mas que parece mais o cruzamento entre um burro e
uma cadela ou vise-versa. Importante será ainda dizer que este especime da familia dos canidios come em exclusivo arroz trinca, comprado aos sacos de 50
quilos na loja das rações da murrunhanha! é que o cão come de tal forma que é necessário um saco de 50 kg de arroz por semana. Bem em exclussivo não porque
uma vez por ano, no dia de natal, lá tem direito aos ossitos do almoço natalicio, até porque Anacleto Ambrosio Aguiar, digno representante da classe dos Escriturários é católico e como tal o Natal deve ser para todos.



O Anacleto Ambrosio Aguiar, digno representante da classe dos Escriturários, levantasse todos os dias de manhã às 6:30 em ponto e após a sua rotina matinal, igual á de tantos outros dignos representante da classe dos Escriturários, saí de casa para ir para o escritório.

(Abro aqui um parentesis, para vos dizer o seguinte meus amigos, começa de facto aqui a relevância desta história que vos conto. Alguns de vós já devem estar
a pensar o que é que a mim, que gosto é de dar uma voltas de bicla, me interessa a m... da história do Anacleto. Este gajo deve estar com alguma diarreia mental e lembrou-se de vir para aqui postar estas m.... Pois bem meus amigos atenção agora.)

Continuando, o Anacleto Ambrosio Aguiar, digno representante da classe dos Escriturários, vai abrir o portão do quintal da bonita moradia, senta o seu cú gordo de digno representante da classe dos Escriturários e pensa:
:roll: Não tivesse eu gasto os 15.000 euritos no Rover, não fosse este animal beber 15 litros aos 100, teria dinheiro para meter ali uns portões automaticos. :roll:

Atenção que quem bebe 15 litros é mesmo o Rover que o cão só tem direito a 1 litro de agua por dia, pois a vida está cara e a junta da murrunhanha não dá água de borla.

E lá arranca Anacleto Ambrosio Aguiar, digno representante da classe dos Escriturários, para o Escritório!!!
-E o portão do quintal da bonita moradia?
-Como não é automático fica aberto!
-E a Dona Isabelinda?
-está a dormir.
-e a Isaura?
-está a dormir.
-e o cão?
-Vai passear, o portão está aberto!!!
-e vocês?
-foram por acaso dar uma volta de btt e estão a passar exactamente onde?
-Á porta da bonita moradia com um bonito quintal cujo proprietário é nem mais nem menos Anacleto Ambrosio Aguiar, digno representante da classe dos Escriturários.
-e o cão?
-está a correr atrás de vocês a tentar quebrar a dieta de arroz trinca a que Anacleto Ambrosio Aguiar, digno representante da classe dos Escriturários, o
sujeita.
-Exactamente onde quer o cão quebrar o jejum de carne?
-nas vossas pernas.

-E se for sábado?
-Está lá o cão na mesma porque Anacleto Ambrosio Aguiar, digno representante da classe dos Escriturários, foi comprar o arroz trinca para o cão que se bem se lembram come uma saco de 50 Kg por semana.

-E se for Domingo?
-Está lá o cão na mesma porque Anacleto Ambrosio Aguiar, digno representante da classe dos Escriturários, como já vos disse é católico, e domingo é dia do senhor e de se ir à santa missa!

Ah então é isso dizem vocês!!! Ou não!!!

Sou eu o único que me deparo com os portões das moradias, vivendas, quintas, e.t.c abertos e com cães, alguns até pacificos, outros do tamanho de burros outros a espumar da boca, e.t.c, a correr atrás da minha bicicleta????

A minha questão é simples, o que deve ser feito:

Empalar o Anacleto Ambrosio Aguiar, digno representante da classe dos Escriturários.
ou
Envenenar o cão.

Eu voto empalar o Anacleto Ambrosio Aguiar, digno representante da classe dos Escriturários na antena do Rover!

Por fim, alguém tem solução para o flagelo dos cães soltos por aí?

etraudpt
22-06-2007, 12:09
Tive uma queda da qual resultou um braço partido por causa de um cão.
Este era abandonado mas alguém lhe dava comida por isso ele ficava por ali!

Bruno Malheiro
22-06-2007, 12:51
:wtf: :wtf: :wtf:

Há com cada um :tungas: :tungas: :tungas:

SoveskY
22-06-2007, 13:39
Realmente essas situações são extremamente aborrecidas.
Eu que o diga porque tenho um vizinho que é assim (não é escritorario mas sim um bêbado do pior) que deixa sempre os portões abertos e como é óbvio o 'Rocky' (nome do bichano) vai atrás de mim sempre que saio de bike.
Imaginem um daqueles cães pequenos ( mais ou menos da estatura de um caniche, mas neste caso rafeiro) atrás de vocês a ladrar que nem um doido e a espumar da boca com os dentinhos brancos atrás de um naco de carne que por acaso são as minhas pernas...
É extremamente enervante esta situação visto que o gajo mete-se de lado da bicicleta e eu tenho que começar a gritar com o gajo para o tentar assustar, mas como é um bocado óbvio nunca resulta, por isso tenho de recorrer a uma técnica que normalmente é infalivel mas chateia um pouco, que é sacar do bidon de água, e esguichar água para o focinho do gajo à distância. Garanto que é remédio santo, mas é um bocado de desperdício de água com aditivo (a águinha pura vai no camelback).

Eu acho que a melhor solução é sem duvida evitar esses lugares ao máximo e tentar dar a volta por algum lado para evitar esse tipo de problemas.

Agora dou-vos um concelho! Nunca andem sozinhos por locais desconhecidos, porque aconteceu-me à dois invernos atrás estar a fazer um percurso pedestre com alguns amigos na serra da estrela e passámos por uma vivenda assim no meio do nada de onde sairam 3 cães enormes (mesmo gigantes) com aquelas coleiras com espigões o que só por si diz muita coisa. A nossa sorte é que entre nós e a casa ainda estava uma boa distância e apareceu logo a dona a chamar os gajos. Felizmente eram obedientes :mrgreen:


Cumps,
SoveskY

coelhone
22-06-2007, 14:26
por isso é que de vez em quando é preciso mostrar de que é que os sapatos de encaixe são feitos (eu sei que eles não têem culpa, mas eu também não).
e quando são casos que dá para identificar os donos aviso-os se não ligarem depois à as autoridades.

P.S.: Eu também tenho um cão e quando ele anda fora da propriedade anda sempre de trela, claro que já me aconteceu onde moro as pessoas deixarem andar os cães à solta e se o meu os "abocanha" problema deles.

Fábio A.
22-06-2007, 15:35
Eu chamo-me Anacleto! :shock: :rotfl:

xamane
22-06-2007, 18:48
Peço desculpa ao Anacleto :s

e já agora e em atecipação! Aos escritorários!

Enfim é apenas uma história que pretende apenas espelhar uma ***** que acaba por me acontecer de vez em qdo que é alguém esqueceu-se da bela da porta da quinta aberta e lá vem o fdp do cão, que até nem tem culpa a correr atrás de um gajo.

Eu moro na Moita, por aqui não há muitos trilhos, se não ando naqueles em que podem aparecer cães então só faço alcatrão!!!! É que normalmente nos trilhos há sempre umas quintas e invariavelmente, nas quintas há cães!

Por exemplo quem é daqui e costuma andar na serra da arrabida com certeza conhece o caminho dos moinhos!!!
Já por várias vezes que me cruzei na estrada, com o cão (serra da estrela acho), que é do dono do moinho que foi arranjado!!! há lá 2 cães um com 3 patas e um outro mais novo!!! Os 2 enormes!!!

Ora um gajo cruza-se com um cão destes, e o cão até parece ser pacifico, mas parece um burro! e se o cão acordou mal disposto!!!! :s

Enfim ossos do oficio!

Fábio A.
22-06-2007, 19:10
Peço desculpa ao Anacleto :s


:yeah: :mrgreen:

Quanto ao tópico, nessas situações eu acho que o melhor
é desmontarmo-nos da bike e "protegermo-nos" atrás da mesma...

E ir "enxutando" os cães, pode ser que eles fujam... :lol:

Abraços

miguel pinto
22-06-2007, 20:11
É rara a semana em que não levo duas ou três corridas. Eu bem lhe digo: "He pá bão-se embora, que isto é só pele e osso, num estou com bontade de bos aturar, ide às cadelinhas, ide, chou, chou, chou, ide e num bolteis", mas os gajos não há maneira. O pior é que, em vez de um, às vezes vem a matilha inteira. Eu também lhes ladro, porque não gosto de me ficar, mas os gajos não desistem. Então falo com os meus parafusos (para os treinos não costumo levar botões): "p*** que bos pariu, num estou com paciência pra bos aturar, bou mas é fazer sprints". E faço. Nessas alturas costumo ser mais rápido do que eles. :shock: :shock: :shock: :shock: :shock:

ICC
23-06-2007, 11:52
É sem duvida um problema bem grave com que somos deparados regularmente e tentar ser mais rápido que o cão/os cães por vezes pode-se tornar bastante perigoso! Solução? Sei lá...

moskilhos
18-07-2007, 17:32
Já me aconteceu muitas vezes...

Uma das vezes, a andar sozinho, um cão pequeno mas refilão ainda me deu uma pequena dentada, mas nada de grave. Para a próxima não terei pena dele.

Outra vez, eramos 3 ou 4, e numa ida até gaia, passamos por um cão, que só se atirou a mim??? Depois percebi que devia ser da minha corrente não estar lubrificada e os pedais estarem a "chiar" muito, devia incomodar o bicho.

Outra aventura, foi a descer Valongo em direcção a Ermesinde a alguma velocidade, um cão começa a perseguir-me, acelerei mais um bocado e quando olho para a frente, já estava a vir um segundo reforço, não caí por sorte, e nunca mais lá passei...

Ainda ontem, numa incursão por trilhos desconhecidos, para os lados de Alfena (Ermesinde), fui sem querer, ter a casa desse tal Anacleto. A quinta dele ficava numa rua sem saída, e só tinha 3 cães à porta da quinta (que por acaso estava aberta).

Uma coisa reparei, quando estive em Mil Fontes este ano, os cães do Alentejo são muito pacíficos, não se metem com ninguém, passei por muitos, e com eles é tudo na boa. Mas houve uma excepção: Quando andei por aquelas bandas, aconteceu uma cena caricata: Dois miúdos estavam na rua, com 2 cães - 1 rafeiro pequeno e 1 maior daquelas raças "difíceis"(que uma pessoa pensa, se este se mete comigo, leva-me 1 pé). O que é certo é que quando passo por eles, o rafeiro começa a ladrar e a seguir-me, e o outro, como que a repreende-lo, atira-se ao mais pequeno e deteve-o.


Eu acho que tenho algum azar com cães :cry:...


Boas pedaladas...


Boas pedaladas

glamdj
18-07-2007, 18:44
é preciso ter consciência para distinguir as situações distintas com cães.
Geralmente ocorrem duas situações:

Cães pequenos( em matilha) - em principio não tem boca para fazer grandes estragos mas tem a mania de se agarrar aos pedais e podem provocar uma valente queda!Por isso a técnica do sprint do deve ser aplicada com cães pequenos e tendo a certeza que temos tempo/espaço de ganhar a velocidade suficiente antes de ele se agarrar a um pedal. Geralmente são cães +/- abandonados de zonas rurais e estão habituados a que a "canalha" lhes atire com pedras.... logo a melhor solução é parar a bicicleta, vocalizar qualquer coisa em tom alto e intimidatório, e baixar o corpo em direcção ao solo como quem vai pegar uma pedra para lhes arremessar.... maior parte das vezes resulta as 5 maravilhas! fogem com o rabo no meio das pernas! Convém fazer sempre com a bicicleta a servir de barreira e dar alguma protecção... se se aproximarem muito levam logo com uma roda no focinho! Outra coisa é que os cães pequenos organizam-se muito mais em matilhas do que os grandes!

Cães grandes (solitários) - tem uma boca que faz estragos e são cães que correm muito. Eu comparo com o meu rottweiller cruzado mastim napolitano, quando o vou passear e vou de bike e ele vem a correr comigo, preciso de muitos metros para acelerar ate atingir a velocidade suficiente de o deixar para trás... e em aceleração é muito mais rápido do que qualquer ciclista! Por isso esqueçam o sprint! Quando se depararem com cães grandes parem (sem derrapar).... desmontem da bicicleta calmamente e ponham-se do lado ao posto.... avaliem bem a reacção dele... uma coisa é um cão curioso, outra coisa é um cão pronto a atacar... Se o animal tiver o pelo do dorso eriçado, tenham muito cuidado. fiquem quietos um pouco. olhem directamente para ele se tiverem confiantes porque senão ainda é pior! Depois se ele parecer mais calmo... falar com ele em tom amigável e descontraído.... os caes gostam que falem com eles, mas também é por ai que eles sentem o medo das pessoas.... mantém uma voz segura, mas não ameaçadora, descontraída....
Outra coisa, nada de movimentos bruscos.... tipo: "vou passar rápido e ele quando der por ela ja estou do outro lado" = esqueçam! Nem se lembrem de inverter o sentido e fugir! Se virem um cao grande e se não tiverem a confiança suficiente para passar por ele, o melhor é calmamente desmontar.... por a bicicleta do lado dele...dar a volta... e seguir a passou muito calmo em sentido contrario! A coisa que mais confiança da a um cão agressivo é sentir que as pessoas estão a fugir!

Sei que isto é muito bonito de falar, mas na pratica é bem mais complicado! Isto foram só as coisas que eu costumo fazer... mas também tenho a vantagem de ter muita convivência com cães e saber lidar muito bem com eles! Ja tive situações com case de amigos, que eles me diziam, tem cuidado que ele não dá confiança a estranhos e ao final 15 minutos estarem a brincar comigo e a lamber-me todo como se ja me conhecessem há muito tempo!

Mas acreditem que esta tudo no medo que lhes mostramos, no tom de voz com que nos dirigimos a eles e na expressão corporal.

Fábio A.
18-07-2007, 19:55
Geralmente ocorrem duas situações:

Cães pequenos( em matilha) - em principio não tem boca para fazer grandes estragos mas tem a mania de se agarrar aos pedais e podem provocar uma valente queda!Por isso a técnica do sprint do deve ser aplicada com cães pequenos e tendo a certeza que temos tempo/espaço de ganhar a velocidade suficiente antes de ele se agarrar a um pedal. Geralmente são cães +/- abandonados de zonas rurais e estão habituados a que a "canalha" lhes atire com pedras.... logo a melhor solução é parar a bicicleta, vocalizar qualquer coisa em tom alto e intimidatório, e baixar o corpo em direcção ao solo como quem vai pegar uma pedra para lhes arremessar.... maior parte das vezes resulta as 5 maravilhas! fogem com o rabo no meio das pernas! Convém fazer sempre com a bicicleta a servir de barreira e dar alguma protecção... se se aproximarem muito levam logo com uma roda no focinho! Outra coisa é que os cães pequenos organizam-se muito mais em matilhas do que os grandes!

Cães grandes (solitários) - tem uma boca que faz estragos e são cães que correm muito. Eu comparo com o meu rottweiller cruzado mastim napolitano, quando o vou passear e vou de bike e ele vem a correr comigo, preciso de muitos metros para acelerar ate atingir a velocidade suficiente de o deixar para trás... e em aceleração é muito mais rápido do que qualquer ciclista! Por isso esqueçam o sprint! Quando se depararem com cães grandes parem (sem derrapar).... desmontem da bicicleta calmamente e ponham-se do lado ao posto.... avaliem bem a reacção dele... uma coisa é um cão curioso, outra coisa é um cão pronto a atacar... Se o animal tiver o pelo do dorso eriçado, tenham muito cuidado. fiquem quietos um pouco. olhem directamente para ele se tiverem confiantes porque senão ainda é pior! Depois se ele parecer mais calmo... falar com ele em tom amigável e descontraído.... os caes gostam que falem com eles, mas também é por ai que eles sentem o medo das pessoas.... mantém uma voz segura, mas não ameaçadora, descontraída....
Outra coisa, nada de movimentos bruscos.... tipo: "vou passar rápido e ele quando der por ela ja estou do outro lado" = esqueçam! Nem se lembrem de inverter o sentido e fugir! Se virem um cao grande e se não tiverem a confiança suficiente para passar por ele, o melhor é calmamente desmontar.... por a bicicleta do lado dele...dar a volta... e seguir a passou muito calmo em sentido contrario! A coisa que mais confiança da a um cão agressivo é sentir que as pessoas estão a fugir!


:bompost: :exacto: :clap: :clap: :clap:

Grande "aula" de "O que fazer quando nos deparamos com um ou mais cães?!" :mrgreen:

Cumps. :yeah: :cheers:

marta
18-07-2007, 20:35
Olá

Estava a ver que desistia de ler a história por ser tão longa, mas ainda bem que li até ao fim...

As técnicas do glamdj estão boas assim como as de alguém que disse que deitava água do bidão para cima do cão perseguidor (se for pequeno...) mas acima de tudo penso que quem deve ser punido é o dono. Já vi muitos casos em que eles aparecem a chamar pelo cãozinho tentando que ele não nos persiga e também muitos em que o cão não lhe obedece!! Nos casos em que o dono aparece o que eu faço é mandar a ameaça de queixa na polícia o que em alguns casos deu resultado pois quando voltei a passar o cão já não andava à solta.

Naqueles casos recorrentes em que o cão está sempre a solta na mesma casa, ou mesmo os que são passeados sem trela, penso que devemos mesmo fazer queixa pois dá direito a multa andar com cães na via pública sem trela e ainda pior se for de uma raça perigosa (não vos sei dizer qual é a lei agora mas quando tiver tempo de a procurar nas aulas de Saúde Pública até vos posso dizer). É que há por aí muita gente que não sabe ter cão e se forem multados ou pelo menos "assustados" pelos polícias devem deixar-se dessas brincadeiras de ter o cão solto e dizer que é manso...

Boas pedaladas, sem perseguições caninas :wink:

Marta

Xure
19-07-2007, 16:58
Geralmente ocorrem duas situações:

Cães pequenos( em matilha) - em principio não tem boca para fazer grandes estragos mas tem a mania de se agarrar aos pedais e podem provocar uma valente queda!Por isso a técnica do sprint do deve ser aplicada com cães pequenos e tendo a certeza que temos tempo/espaço de ganhar a velocidade suficiente antes de ele se agarrar a um pedal. Geralmente são cães +/- abandonados de zonas rurais e estão habituados a que a "canalha" lhes atire com pedras.... logo a melhor solução é parar a bicicleta, vocalizar qualquer coisa em tom alto e intimidatório, e baixar o corpo em direcção ao solo como quem vai pegar uma pedra para lhes arremessar.... maior parte das vezes resulta as 5 maravilhas! fogem com o rabo no meio das pernas! Convém fazer sempre com a bicicleta a servir de barreira e dar alguma protecção... se se aproximarem muito levam logo com uma roda no focinho! Outra coisa é que os cães pequenos organizam-se muito mais em matilhas do que os grandes!

Cães grandes (solitários) - tem uma boca que faz estragos e são cães que correm muito. Eu comparo com o meu rottweiller cruzado mastim napolitano, quando o vou passear e vou de bike e ele vem a correr comigo, preciso de muitos metros para acelerar ate atingir a velocidade suficiente de o deixar para trás... e em aceleração é muito mais rápido do que qualquer ciclista! Por isso esqueçam o sprint! Quando se depararem com cães grandes parem (sem derrapar).... desmontem da bicicleta calmamente e ponham-se do lado ao posto.... avaliem bem a reacção dele... uma coisa é um cão curioso, outra coisa é um cão pronto a atacar... Se o animal tiver o pelo do dorso eriçado, tenham muito cuidado. fiquem quietos um pouco. olhem directamente para ele se tiverem confiantes porque senão ainda é pior! Depois se ele parecer mais calmo... falar com ele em tom amigável e descontraído.... os caes gostam que falem com eles, mas também é por ai que eles sentem o medo das pessoas.... mantém uma voz segura, mas não ameaçadora, descontraída....
Outra coisa, nada de movimentos bruscos.... tipo: "vou passar rápido e ele quando der por ela ja estou do outro lado" = esqueçam! Nem se lembrem de inverter o sentido e fugir! Se virem um cao grande e se não tiverem a confiança suficiente para passar por ele, o melhor é calmamente desmontar.... por a bicicleta do lado dele...dar a volta... e seguir a passou muito calmo em sentido contrario! A coisa que mais confiança da a um cão agressivo é sentir que as pessoas estão a fugir!


:bompost: :exacto: :clap: :clap: :clap:

Grande "aula" de "O que fazer quando nos deparamos com um ou mais cães?!" :mrgreen:

Cumps. :yeah: :cheers:


Boas!

Concordo com tudo o que disseste menos uma coisa. E deves saber disso mto bem, já que lidas com cães. Nunca de deve encarar um cão que esteja agressivo, digo encarar como olhar para ele, principalmente nos olhos. Isso para o aninal é o suficiente para ele se sentir ameaçado e atacar.

Todos os teus conselhos são validos, menos esse.

Os piores cães são os que não se manifestam, ou seja a maxima que cão que ladra não morde está mto proxima da realidade. Um cão ladra para intimidar
geralmente pk tem medo e dessa forma afasta o seu medo, assustando o que lhe faz medo.

O cão que está pronto para atacar, não ladra, ataca logo.

Os cães em matilha são bem mais perigosos, que sozinhos, pk reagem em conformidade com os outros, ou seja se um desatina, os outros geralmente alinham.

Para os que dão o sapato a provar a qq cão, apenas tenho a dizer o seguinte, pode ser que da proxima vez que lá passem, não tenham tanta sorte, pk caso não saibam os cães são animais muito espertos, e com uma capacidade de memoria incrivel, de quem lhes faz bem e mal, e da proxima vez vão estar bem mais furiosos convosco e por isso talvez vos ataquem mesmo e de forma bem mais organizada e eficaz.

Não podemos esquecer que os cães, geralmente os que andam abandonados, criaram uma certa antipatia por seres humanos, reflexo dos maus tratos a que foram sujeitos, quer de quem os abandonou, quer das pessoas que os enxotam e que lhes atiram pedras, por isso se manifestam mtas vezes agressivos, ou para não serem maltratos à partida ou mesmo, pk já criaram uma certa aversão ao ser humano. O que é mto compreensivel.

Tb não é correcto sprintar, pelo simples facto de num desses sprint´s, podem cair e ai sim se o animal vos apanha no chão, possivelmente vocês não vão ficar em bom estado.

Marta, raças perigosas?? Isso definitivamente não existe. O que existem é donos perigosos. Embora as TVI´s não relatem estes casos, existem muitos mais caniches e coker´s (neste caso os castanhos, por ganância dos criadores, quando estes cães eram moda, os cruzarem com pais e filhos, e dai resultar um comportamento desviante e agressivo) do que raças ditas perigosas. O problema é que quando se fala que um Rot mordeu alguem vende mais, é mais chocante, é mais dramazinho que o povinho gosta.

Claro que estes cães maiores e com um aspecto que só por si intimida, são usados por pessoas, mal formadas, como os mitras que abundam neste país, com armas e dai surge esse mito das raças perigosas. Mas sem duvida que perigosos são esses "gunas", "mitras", que são munidos de uma forte deficiência mental, que recentemente se aperceberam que ter um pitbull, lhes dá um estatudo de mauzões, quando no fundo são uns borra botas que não valem um chavo.

Não duvidem que o cão é o reflexo do dono e qq cão criado, com amor, carinho, respeito e claro uma boa educação, é um animal excelente e não raras vezes melhor que o proprio ser humano.

Por exemplo sabiam que o lado agressivo de um cão é perfeitamente controlavel, se for educado nesse sentido? E que é perfeitamente potenciavel se for educado para isso? Em coisas simples e triviais, desde os primeiros meses. Sugiro para quem tenha interesse nesta materia, que leia sobre o assunto, que visite, centros de educação canina, que se informe e vejam o quanto pode ser interessante, percebermos que o mundo pode ser visto das mais variadas formas, e não só do ponto de vista do ser humano.

Claro que tal como em nós (seres humanos) existem casos de comportamentos desviantes. Claro.
Quantas pessoas não se passam dos carretos e não desatam a matar? Simplesmente pk se passaram da cabeça. Pois bem existem casos assim em todas as especies de animais, mas não se pode meter tudo no mesmo saco. Não se pode dar a parte pelo todo.

Abraço.

Ps- Este assunto já foi debatido num outro post qq que anda por ai.

marta
19-07-2007, 21:38
Xure, desculpa se não me fiz entender ao chamar raças perigosas pois concordo plenamente com o que dizes de que quem é perigoso é o donoe não o cão...De qualquer modo, um mau dono com um Yorkshire terrier na mão é potencialmente menos perigoso do que com um Pitt bull (desde que ambos estejam saudáveis, vacinados, etc, etc mas nem vale a pena entrar por aí...)

Seja como for continuo a achar que quem deve ser castigado é o dono porque não cumpre o que deve e não o cão que não tem culpa de não ser devidamente habituado e tratado...

Cumprimentos

Marta

Xure
19-07-2007, 22:08
Boas Marta.

Sim, tenho de concordar contigo. Sem duvida que as punições deveriam ser para os donos, pois em ultima analise são responsaveis pelos seus animais.
Os abandonados, já é outra historia, pois coitados estão entregues à propria sorte.

Quanto às raças "perigosas", entendi tb o teu ponto de vista.

Abraço

José Carlos
20-07-2007, 13:36
Mais do mesmo (mas sem Anacletos):

http://www.forumbtt.net/index.php/topic,150.0.html

Já agora, o raio do cão não teve direito a nome nessa "estória" porquê!?

Fábio A.
20-07-2007, 16:54
um mau dono com um Yorkshire terrier ...


Tenho 2 ! :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen: eheheh

E sim, concordo com a parte do "quem é mau é o dono e não o cão", pois quando os cães são maus, é quando não
têm a devida atenção e passam os dias inteiros fechados numa casota/varanda sem muitas vezes ver a luz do dia :s.

Cumps.

glamdj
21-07-2007, 15:13
concordo contudo! Por experiência própria! Apenas se trata de que uns cães exigem um pouco mais dos donos nos primeiros tempos de vida. não criar espaço para maus hábitos nos primeiros meses é fundamental. mas muitas vezes sei que custa ter um pulso firme com um cachorrinho com 2 meses que parece a coisa mais inofensiva a fase da terra. Mas é assim que tem que ser! Os cães estão muitos mais perto dos lobos do que dos homens e a maioria dos donos nao age desse modo! A familia em que o cão esta inserido tem que trabalhar como uma matilha em que para tudo há hierarquia. E o cachorro desde que chega a sua nova "matilha" tem que se aperceber disso. E tem que lhe ser mostrado, muitas vezes com teimosia mas sem violência, que ele é o elemento que esta no degrau mais baixo da hierarquia. Coisa como: so ser alimentado depois de toda a gente comer, nao pode pedir comida quando as pessoas estão a comer, não pode ir para o sofa porque é o lugar para os mais altos da hierarquia, etc etc.... se isto lhes for incutido de inicio eles aceitam naturalmente. É muito mais fácil não dar espaço a maus hábitos do que ter que tirar os maus habitos criados. Nesta hierquia tem que haver reconhecimento das boas acções, tem que ser reconhecido e amado sempre que age correctamente e respeita as regras. Por exemplo, os brinquedos não são deles, porque pode levar ao desenvolvimento de instintos de possessão. Os brinquedos são do lider da matilha (dono) que lhe-os empresta por este cumprir as regras. No final da brincadeira o Lider (dono) deve recolher os brinquedos e guarda-los, pois pertencem-lhe. Isto sao so uma pequena amostra de coisas simples que se devem fazer de inicio com os cachorrinhos e que pode facilitar todo o processo de educação ate a idade adulta. Outra coisa fundamental é a socialização. qualquer dono devia-se certificar que o seu cachorro aos 5/6 meses ja tinha brincado com todo o tipo de pessoa... (crianças, idosos, negros, pessoas sujas, com chapéus etc). Passo o exemplo de um cão qeu eu tive, que infelizmente me faleceu com 3 anos.
Mateus: o pitbull cruzado com boxer. Só de pensar a maior parte das pessoas ja ve um cão agressivo.
sem grande esforço... apenas cumprindo rotinas com ele desde muito pequeno criei um animal 5 estrelas em tudo.
Tenho que admitir que tambem tinha muito tempo para estar com ele. Mas era um cachorro que com meses ja ia comigo para esplanadas de cafes, aos 4 meses participou num cortejo academico, brincava muito com as crianças do jardim em frente a minha casa ( sempre com a minha supervisão), ia comigo para concertos, brincava com gatos com a mesma idade. Depois de adulto era um animal em quem tinha plena confiança.
As pessoas (amigos dos meus pais) quando vinham aqui a casa em festas e viam um animal tao simpatico, respeitador, e social... perguntavam.... "fogo que cão tao bem comportado... que raça é?" "pitbull com boxer" :shock:.... "ai mas isso são caes assassinos".... " :lol: :lol: a raça nao faz o cao... mas sim a educação e tem aqui um animal que nao o conhece de lado nenhum e que lhe se lhe der uma ordem lhe vai obedecer cegamente" ...

Neste momento, tenho um rotweiller cruzado com mastim napolitano que vai pelo mesmo caminho...

ig9981
21-07-2007, 15:41
Pessoal, não me batam, mas (por experiência própria), vou perguntar-vos uma coisa...

Já tentaram apontar a roda da frente e pedalar em direcção ao cão??

Já fiz isso a um rotweiler em matosinhos, pois o dono descuidou-se e deixou escapar o cão, o qual começou a correr na minha direcção, e digo-vos uma coisa, apontei-lhe a bike e ele fugiu...

Todos os concelhos que deram são bons, mas já pensaram em partir tmbém para o ataque???

Eu tenho 88kg, e não é um "caozarréco" de 50 ou 60kg que me mete medo, pois se enfrentarem o animal e se mentalizarem que se tiverem que lhe engatar um pontapé no focinho se ele vier ter convosco lhe dão mesmo, então acreditem que não têm problemas... Isso apenas não se aplica se forem 3 ou 4 cães de grande porte, claro, pois aí sim, temos que tomar uma atitude mais passiva.

Na minha opinião o grande problema é que as pessoas esquecem-se que são mais fortes e mais inteligentes que um simples cão... E quando se deparam com o animal só pensam é em fugir..

Como disse, eu acho esses concelhos muito úteis, mas sinceramente e por experiência própria acho que o grande mal está mesmo no facto de a pessoa ao deparar-se com um cão automaticamente coloca-se no lado do "elo mais fraco", quando na realidade somos o elo mais forte.


P.S.: Eu já tive um cão arraçado de lavrador com pastor alemão, tinha 70kg, e respeitava-me, pois sempre soube que quem mandava e era mais forte era o dono. E atenção, eu nunca lhe dei maus tratos...

Fiquem bem, pedalem muito e lembrem-se que no duelo "cão vs Humano" o elo mais forte somos nós...

andrextr
01-10-2007, 21:43
E uma avestruz com mais de 2m de altura? Já alguma vez vos apareceu uma à frente???

A MIM JÁ !! :shock: :shock: :shock:

zykon
01-10-2007, 21:50
a avestrus depois de ver o xtr
http://img252.imageshack.us/img252/6200/avestruz03cp8.jpg

JorgeSantos
01-10-2007, 21:54
a avestrus depois de ver o xtr
http://img252.imageshack.us/img252/6200/avestruz03cp8.jpg



:offtopic:

Alguem quer arriscar nas legendas??

jol8485
01-10-2007, 22:44
Também já tenho apanhado uns sustos, nada de grave até agora :wink:
Mas sempre que vejo um cão solto, mesmo com o dono ao lado encho a boca de água e se ele atacar deixo-o chegar perto e toma lá um esguicho no focinho :twisted:, 90% desiste logo mas há sempre uns que são mais estúpidos e insistem.

Estava aqui a pensar ... o ideal era uma "buzina" com um rugido de leão bem alto :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen: que os canideos até se borravam. Aprendiam num instante a não incomodar os ciclistas :lol: :lol: :lol:

fabiodownhill
01-10-2007, 22:59
Bem... esta cena dos cães faz me lembrar quantas vezes não fui perseguido :evil: :evil: por cães. Da última vez vinha a descer uma ravina perto da serra a alta velocidade e passei ao pe de um um cao de um caçador que tinha muito a fama de morder as pessoas decidiu presseguir-me.... Comecei a acelerar e esperimentei fazer uma coisa nova. LoL Remedio Santo!!!!. Travei a fundo e o cao deu um porradao com o nariz no pneu de traz. LoL nunca mais me chateou...
Mas com cães grandes não se brinca! Ás vezes nem sempre o acelerar melhora as coisas. E e melhor parar. Porque quanto mais depressa vão , mais o cão vos pressegue e ate vos pode morder.
Enfim..... e lixado!

marta
01-10-2007, 23:03
Olá

O João Matos criou um tópico com o nome: Cães - pior inimigo dos BTTistas? e como foi bloqueado e enviado para este eu respondo aqui...

Eu já comentei este tipo de situações num outro tópico aqui do fórum mas para quem não tenha lido deixo aqui de novo a minha opinião tendo em conta que lido diariamente com cães que não são meus, já vi donos com animais capazes de matar pessoas e que se orgulham disso mas apesar de tudo gosto de animais. No meu entender o mal da maioria dos cães são os donos que têm pois apesar de haver raças mais ou menos perigosas e cães com maior ou menor tendência para a agressividade se os donos souberem lidar com eles da melhor forma podem tornar-se inofensivos...Para quem não sabe lidar com eles há sempre escolas de treino e consultas de comportamento onde os donos são ensinados a educá-los pois no fundo são como as crianças, precisam de ser educados no momento certo.

Quanto à pergunta sobre se existe alguma lei que possa punir os donos que deixam os cães à solta na via pública, ela existe sim, apesar de eu não saber qual o decreto-lei sei que é proibido andar com cães sem trela na rua e no caso de raças perigosas também são obrigadas a andar de açaime. Portanto se algum cão te incomodar e souberes quem é o dono podes sempre chamar a polícia ou fazer queixa. O problema é que esses cães que são deixados com o portão aberto geralmente deixam de ter dono nessas situações... :roll: Não há nada sobre distância à via pública a que devem estar, desde que estejam presos ou em propriedade privada podem estar onde quiserem.

Quanto à questão das abelhas, pecebo o problema da distância pois apesar de serem animais muito pequenos existem muitas pessoas alérgicas à sua picada e que sendo picadas correm risco de morrer se não forem rapidamente assistidas com o medicamento próprio...

pedalem muito sem cães...

Xure
01-10-2007, 23:15
E uma avestruz com mais de 2m de altura? Já alguma vez vos apareceu uma à frente???

A MIM JÁ !! :shock: :shock: :shock:
:rotfl: :rotfl: :rotfl: :rotfl: :rotfl: :rotfl:

André, explica lá essa cena. :lol:

Quanto aos cães tb já falei nisso varias vezes, mas volto a reforçar a ideia que, a maioria das vezes é simples evitar o confronto com eles.

Abraço

João Matos
01-10-2007, 23:52
Eu fui mordido em pequeno por um pastor alemão que me mandou de Guimarães para o Hospital S. João no Porto em estado de alguma gravidade, com ferradelas nas costas e uma rachadela na cabeça porque o cão empurrou-me contra um vaso (onde eu bati), e ferrou-me. Talvez venha dai este meu ódio por cães, e ainda por cima são os que mais me incomodam a andar de bike. Agora que chega o Inverno faço muitos kms de noite e à noite os cães parecem que surgem mesmo do nada.
Sempre que um se mete no meu caminho, desmonto logo na bike, procuro uma pedra ou um pau da berma, e atiro-lhe (com a força toda...)... a maioria afasta-se assim que me vergo para apanhar algum objecto para lhes atirar. Pode parecer algo violento da minha parte, mas antes lixar o cão do que o cão me lixar a mim.

Marta, quanto às abelhas tens razão, eu normalmente quando falo neste assunto não me lembro dos alérgicos às picadas :oops:

marta
02-10-2007, 00:53
Eu compreendo que haja pessoas que por vários motivos tenham medo de cães e não critico pois estão no seu direito e os donos dos cães é que desrespeitam os outros quando soltam cães por aí...Por outro lado já sei que vai haver aqui uma data de pessoas que vai pensar "Ah mas o meu cão é manso e educado, qual é o mal de andar com ele sem trela?"... Como em tudo é difícil agradar a gregos e a troianos mas acima de tudo se houvesse bom senso a lei acerca dos cães não era necessária. :roll:

Eu disse que gosto de animais mas acreditem que me irrita ver um dono que não tem controlo no seu animal e o deixa atacar os outros...e podem crer que são muitos pois eu estou a fazer estágio numa clínica veterinária e eles aparecem todos os dias!! :shock:

Acima de tudo concordo que se os donos dos cães não respeitam a lei nós também temos o direito de nos defendermos como pudermos o que por vezes implica violência quando eles não param de perseguir as bikes a bem! Concordo que mais vale lixar-se o cão do que nós...

Boa sorte com os animais de 4 patas!!

whiplashh
02-10-2007, 14:00
Para mim,os cães sem sem duvida os piores inimigos dos BTTistas.. Para mim os unicos.. e pessoalmente a unica razão pq eu não me aventuro muito sozinho no btt,pq não sei se já repararam os cães quando estão em minoria baixam a bolinha.
Não tenho nada contra cães mas a partir do momento que deixo de passar em trilhos públicos pq meia duzia de senhores teem os seus cachorrinhos tipo serra da estrela,pastor alemão,rotweiler etc á solta e a ladrar a tudo que se mexe . nao me deixam fazer o que mais gosto e poem a minha integridade fisica em risco já passo a ter. Até nas minhas voltas de estrada é complicado. E quanto ao pessoal que não concorda cmg eu só pergunto: Que é que voces sentiam se quisessem dar uma volta de btt e não o pudessem fazer pq simplesmente é quase impossivel fazer uma volta sem apanhar cães?( e refiro-me a grandes feras)
Até os cachorros dos meus vizinhos cada vez que passo de bike se atravessam á frente até que eu um dia fui ter com uma e disse : "minha senhora o seu cão está constantemente a atravessar-se á minha frente enquanto eu passo de bicicleta,se eu caio e parto um braço a senhora é resposnsável. Eu tenho seguro. a senhora tem licença do cão? Nao sabe que nao o pode ter solto? Foi remédio santo...
bjs e abraços

João Matos
02-10-2007, 20:21
whiplashh, um pouco fora do contexto do tópico, que tipo de seguro é que tens? Contra acidentes a andar de bike? E cobre ferimentos e danos na bike? E que eu estava interessado em fazer um seguro deste tipo, mas nas seguradoras onde eu me fui informar disseram-me que apenas posso incluir a bike no seguro do recheio da casa, e como não tenho seguro do recheio, e ainda por cima não oferecia cobertura contra acidentes, nada feito.

marta
02-10-2007, 20:38
Olá

Cá estou eu mais uma vez só para dizer que quanto a seguros para acidentes de bike conheço dois.

O da FPCUB sobre o qual podes encontrar informações aqui:

http://www.fpcub.pt/portal/index.php?option=com_content&task=view&id=38&Itemid=38

e inscrever-te aqui:

http://www.fpcub.pt/portal/index.php?option=com_fabrik&Itemid=49

E o da FPC sobre o qual encontras informações aqui:

http://www.uvp-fpc.pt/documento.php?id_modalidade=1&op=11#

Espero ter ajudado apesar do off-topic...

De qualquer modo existem vários tópicos aqui no Fórum relacionados com este assunto.

boas pedaladas

Stromlinie
02-10-2007, 23:28
É engraçado eu nas minhas voltas de bike encontro vários cães (de caça, de guarda, de pastor, abandonados) e são estes últimos que me dão mais problemas... Outro dia ia a Sabrosa (de carro, felizmente) e encontro um pobre desgraço no meio da estrada com um fio de nylon ao pescoço. Parei, tirei-o da estrada pelo fio e... meti-o na mala! E fui à minha vida!

Bem depois disto... Depois disto foi ir à clínica veterinária e fazer despesa (a Marta deve ter uma ideia...)

Apresento-lhes o Lucky (Luke), depois de um banho no dia a seguir a ter sido encontrado:

http://img232.imageshack.us/img232/1391/dsc0004pm5.jpg

Está na quarta semana de recuperação, mas ainda não está salvo. Desculpem o :offtopic:

Quanto aos outros, bem o melhor é equacionar as opções antes de os enfrentar: passando com calma, regra geral os cães não incomodam para além das ladradelas, agora aqueles que são instigados (e não ensinados ou treinados, como alguns donos tentam fazer crer) esses podem criar problemas e, ao equacionar as opções, lembrem-se que os cães têm dentes, patas, musculos e uma resistência à dor muito grande. Em caso de danos, os donos são sempre responsáveis e os que são atacados (independentemente da gravidade) têm o DIREITO (diria mesmo o DEVER) de apresentar queixa às autoridades competentes.

Já agora, tenham em mente que os donos transmitem ao cão a sua personalidade pela forma como os tratam, logo um cão rufião tem um dono rufião, logo não provoquem também o dono (não deve moder, mas pode ficar raivoso...) por isso evitem o diálogo com esses indivíduos e resolvam a questão com as autoridades.

Boas pedaladas e não abandonem os animais,

marta
03-10-2007, 00:42
Desde já peço desculpa pelo :offtopic: mas a mensagem do Stromlinie acerca do cão que encontrou na rua fez-me lembrar que conheço uma pessoa na zona de Lisboa que oferece um Retriever labrador de 1 ano e meio com pedigree pois não tem possibilidade de o manter e está inclusivamente a ponderar abater... Nunca vi o cão mas se souberem de alguém interessado contactem por mensagem privada.

:back2topic:

Quanto às restantes opiniões do Stromlinie só posso dizer que concordo, pois ao contrário de outros animais os cães costumam ser a imagem do dono!!!

Boas pedaladas

Xure
03-10-2007, 10:23
:offtopic:

Stromlinie

:clap: :clap: :clap:

Parabens pela tua atitude. São pessoas como tu que fazem falta. :wink: Tens ai um amigo que te vai ficar eternamente grato.

Grande abraço

o5car
03-10-2007, 10:57
Penso q não adianta dizer mais do q já foi dito aqui! os animais, neste caso os cães, só agem conforme a educação! Eu tenho um desses tais q chaman de "potencialmente perigosos" e confeso q o comprei com o intuito de "teste" do tipo, deixa lá ver se este animal é assim uma maquina de matar como dizem!!... agora passados 8 meses, vejo (o q não é novidade para mim) q é absolutamente ridiculo estes rótulos q espetam!! já agora, sabem qual é o cão com maior numero de ataques à pessoas?.. é o caniche!! mas pronto, é claro q o poder de maxilar não é o mesmo de um pit/amstaff ou por ai! Sabem qual é um dos cães mais perigoso e considerado perigoso na Holanda? O Labrador!!.. prontos por ai em diante!!


Mas inicie esta resposta ao tópico, unicamente para felicitar o Stromlinie pela sua exemplar atitude!!! boa sorte com a nova mascote!!! ;)

CAlves
03-10-2007, 11:20
Existe aparelhos para afugentar os cães como este :arrow: http://www.spiuk.com/home/productos-ficha-ing.asp?id=6

Eu normalmente mando alguma água do bidão quando vem um mais preexistente só naquela de o assustar :lol:

João Matos
03-10-2007, 20:24
Olá

Cá estou eu mais uma vez só para dizer que quanto a seguros para acidentes de bike conheço dois.

O da FPCUB sobre o qual podes encontrar informações aqui:

http://www.fpcub.pt/portal/index.php?option=com_content&task=view&id=38&Itemid=38

e inscrever-te aqui:

http://www.fpcub.pt/portal/index.php?option=com_fabrik&Itemid=49

E o da FPC sobre o qual encontras informações aqui:

http://www.uvp-fpc.pt/documento.php?id_modalidade=1&op=11#

Espero ter ajudado apesar do off-topic...

De qualquer modo existem vários tópicos aqui no Fórum relacionados com este assunto.

boas pedaladas


Obrigado Marta! :wink:

Vou ver se posso então fazer um seguro para andar um pouco mais descansado.

whiplashh
05-10-2007, 13:26
Caro João Matos a marta antecipou-se e respondeu por mim... scoot#45 eu tb uso a tua tactica :) bjs e abraços

Tremoço
06-10-2007, 16:23
Ora bem ja tive muitos encontros com cães que nao são muito bons para eles e eu explico porque:

Como ja cai uma vez por causa deles, quando ando de bike odio os cães então o que faço e:

Andar com dois bidões de agua, um para le atirar ao foçinho e outro para eu beber agua, caso o animal nao fique satisfeito com a agua eu sai da bike e mando lhe com a bomba no fucinho ai sim eles costumam ficar mansos...

whiplashh
06-10-2007, 20:17
tremoço lol .. mas com feras a serio o bidon nao chega..

Tremoço
06-10-2007, 21:55
Por isso eu ando sempre com a bomba... :evil: :evil:

Mas aserio eu ate gosto muito de cães...

pandrex
07-10-2007, 01:01
Pois eu costumo andar quase sempre sozinho no meio do mato, e a coisa que tenho mais medo é dos cães. Normalmente qd me aparecem de surpresa acelero um pouco até ele desistir, se o vir á distancia passo por ele bem devagar sempre de olho no gajo. Tem resultado até hoje, mas já por várias vezes estive para cair, até já tive que levantar os pés por cima do quadro para o estupor não me chegar. Uma vez tive de desmontar da bike e dar meia volta pois á minha frente apareceram-me ai uns 7 ou 8 todos a ladrar na minha direcção, vá lá que desistiram qd desmontei e fiquei a olhar para eles com a bike á minha frente prontinho a dar com a cremalheira no primeiro que viesse. Apesar de tudo o unico animal que me ferrou (neste caso bicou)enquanto pedalava, foi um pato enorme (ou seria um ganso?) :lol:, na aldeia de Couce em Valongo, mas foi só na sapatilha. Não tivesse lá o dono, até se fazia um arrozinho :mrgreen:.
Mas fora de brincadeiras, apesar de gostar muito de cães, há alguns que não conseguimos prever o seu comportamento e que nos podem magoar a serio, principalmente se andamos muitas vezes sozinhos em sitios isolados. Dai gostar de arranjar um metodo 100% eficiente para repelir possiveis ataques desses canideos mais agressivos. Já alguem falou neste topico num apito que afugenta os cães, será que resulta? alguem sabe onde comprar um desses?

SoveskY
07-10-2007, 14:42
Um amigo meu já teve um desses pequenos aparelhos de ultra sons e foi obrigado a usar num acampamento.
Resultado, o pastor alemão ficou ainda mais nervoso e eriçado... o que me faz duvidar muito desse tipo de produtos.

João Matos
07-10-2007, 22:44
Pois eu costumo andar quase sempre sozinho no meio do mato, e a coisa que tenho mais medo é dos cães. Normalmente qd me aparecem de surpresa acelero um pouco até ele desistir, se o vir á distancia passo por ele bem devagar sempre de olho no gajo. Tem resultado até hoje, mas já por várias vezes estive para cair, até já tive que levantar os pés por cima do quadro para o estupor não me chegar. Uma vez tive de desmontar da bike e dar meia volta pois á minha frente apareceram-me ai uns 7 ou 8 todos a ladrar na minha direcção, vá lá que desistiram qd desmontei e fiquei a olhar para eles com a bike á minha frente prontinho a dar com a cremalheira no primeiro que viesse. Apesar de tudo o unico animal que me ferrou (neste caso bicou)enquanto pedalava, foi um pato enorme (ou seria um ganso?) :lol:, na aldeia de Couce em Valongo, mas foi só na sapatilha. Não tivesse lá o dono, até se fazia um arrozinho :mrgreen:.
Mas fora de brincadeiras, apesar de gostar muito de cães, há alguns que não conseguimos prever o seu comportamento e que nos podem magoar a serio, principalmente se andamos muitas vezes sozinhos em sitios isolados. Dai gostar de arranjar um metodo 100% eficiente para repelir possiveis ataques desses canideos mais agressivos. Já alguem falou neste topico num apito que afugenta os cães, será que resulta? alguem sabe onde comprar um desses?


Pandrex, o ganso é um animal bastante perigoso, principalmente quando as femeas andam na postura dos ovos (podem ser mesmo mais perigosos que cães, pois estes voam e podem atacar-nos pela cabeça...). Eu digo isto porque tenho gansos cá em casa e eles são mesmo perigosos...

chupa cabras
08-10-2007, 00:29
No meu bairro há um dono deficiente -maneta, perneta e acho que cego de um olho- de um pitbull. Se o bichinho lhe escapa da mão, não vai ser este dono a impedir que a vítima fique carne picada.

um conselho: não olhem os cães desconhecidos directamente nos olhos, pois na ordem social deles isto é visto como um gesto de desafio.
Olhar um cão grande e dominador nos olhos quando se é um estranho no terreno dele, é estar a pedir problemas.

Por outro lado, na autodefesa contra um bando de cães, basta dar porrada no líder do grupo -normalmente o mais activo na confrontação- que os outros baixam logo as orelhas e o focinho.

margarett
08-10-2007, 16:41
Bem, aqui há umas 2 semanas fui dar uma voltinha de estrada com um amigo, pela noite dentro. Já com mais de 50km nas pernas, bem de noite e a meio de uma bela subida aparece um cão daqueles com voz grossa... Bem, isso é que foi sofrer a subir, e com grande cagaço! :s O que fizemos foi subir à velocidade possível, e ignorar completamente o cão. Ele vinha ao lado dos pedais a ladrar, a malta ia pedalando sem lhe ligar puto.
Ele lá se cansou e voltou pra trás. Mas que belo cagaço! :s

Mach3
08-10-2007, 23:57
Boas


Pessoal então é assim acho que os cães não podem ser na maior parte dos casos responsabilizados, acho que deveriam ser os donos. Lembrem-se também que em relação aos cães vadios, das 2 uma ou foram abandonados por pessoas estupidas, ou foram mal tratados por pessoas igualmente estupidas ou eventualmente ambas.
Se eu gosto de ver um cão a correr atrás de mim qdo estou na bike? claro que não, mas o que faço é quando passo por algum cão passo calma e discretamente e até agora resultou, com excepção de uma vez..mas aí meus amigos..vocês haviam de me ver subir...acho que nem o campeão do mundo me acompanhava..eu literalmente voei subida acima.


Cumps a todos,

Mach3

J_Adonis
09-10-2007, 15:54
..vocês haviam de me ver subir...acho que nem o campeão do mundo me acompanhava..eu literalmente voei subida acima.
Está visto que todas as bicicletas deviam vir equipadadas com um kit ladrador. :mrgreen: Para mim e outros maçaricos como eu, acabavam-se as vergonhas nas subidas... :shock:

pirilampo
09-10-2007, 16:37
Boas.
Já utilizei vários remédios para a mesma maleita....desde água no focinho, desmontar e ir ao lado, passar devagarinho, fazer da subida uma descida, voz de comando ( e eu até tenho voz ), desprezo e até já houve dois que provaram o sabor dos sapatinhos e os viram bem de perto(teve de ser eram eles ou eu) , e acho que cada caso é um caso. Falta-me experimentar uma coisa: o aparelhinho de ultrasons, e até já vi na net:
http://www.spiuk.com/home/productos-ficha-ing.asp?id=6.
Falta descobrir o essencial: maneira de comunicar com os bichos, para lhes fazer entender que o pessoal vai para andar de bicicleta e não quer nada com eles. :D
Mas enfim, que são perigosos(alguns) são.Mas também podem ser as criaturas mais adoráveis....

salomao
22-10-2007, 22:44
A questão do tópico não é a protecção aos animais, mas sim a nossa protecção! Tenho três cães e um gato (o gato é pacifico), e é óbvio que gosto de animais e não gostava que ninguém lhes desse um pontapé nos queixos, mas a verdade é que estão fechados numa propriedade e apesar de ladrarem às bicicletas, não fazem mal pela citada razão.

Infelizmente já fui mordido e não sabe nada bem. A dor leva tempo a passar!
Hoje quando vejo que pode dar para o torto, apeio-me e vou a pé. Atitude dos nossos melhores amigos é logo outra, impressionante!

Boas pedaladas!

btt-alentejano
23-10-2007, 00:03
Eu adoro cães, mas dos MEUS! eheh A verdade é que esses animaizinhos tão "amiguinhos" do Homem complicam bastante a vida quando andamos de bike, por sorte só tenho apanhado (soltos) canitos de baixo porte, vai-se resolvendo a coisa com uma ameaças, sprints ou com a bendita sapatada. Espero não apanhar nunca um "bonito" Rot, dober, pit ou algo do género! Acho que a coisa se resolvia se os donos tivessem mais cuidado cos bichinhos, mas eles nao me acham com razão! :P
Haja sorte, saúde... e pernas! (pa fugir dos canitos) ;)
Abraço!

olacnog
23-10-2007, 01:46
é um mau vicio...que os simpaticos animais tem!
eu tinha um doberman ( faleceu a 2 semanas com 13 anos:(:(:(:( ) e ele fazia a mesma coisa, ia atras do pessoal das bikes, e de mim inclusive, mas dos outros apenas ladrava, de mim..mordiscava-me a perna :mrgreen:nao doia...mas irritava :P :P :P

mas nao lhes facam mal, tentem evitar de qualquer forma...é o melhor e mais simpatico que nos podemos fazer por eles!
aquilo é instinto animal, tal como tem o instinto de proteger os donos...que tanto nos gostamos disso!


cmpts

MrOverclock
23-10-2007, 03:13
Comigo a tecnica do Sprint costuma funcionar, mas uma vez não funcionou! Na cidade, quando vou a algum lado, normalmente não levo água comigo, bem que dei o sprnt mas era a subir, o cão também não era muito grande mas estava a morder-me nó pé enquanto que outro de porte identico (médio) me mordia o pneu de traz. Lá teve que sair a bela da sapatada 42, uma em cada um enquanto o dono assistia a tudo. É claro que não era uma sapatada para doer, apenas para enxotar. Lá desistiram e eu continuei em frente enquanto o dono os chamava aos berros.

Não é que eu tivesse medo, ou sequer que as mordidelas me estivessem a doer, mas eu estva com alguma pressa e é um bocado chato arrastar um cão pela boca agarrada ao pé!

Eu tenho um cão e se ele alguma vez correr atraz de algum de voces, dêm-lhe um biqueiro que eu não me vou importar!! (não me partam os ossos ao cão :mrgreen:)

Paulo.Cabanas
23-10-2007, 07:33
Pois, a questão dos cães. Também tenho um dalmata ao pé de mim que sempre que eu vou a chegar a casa vem logo a correr. O dono diz para eu não me importar que ele não faz mal mas o facto é que já me rompeu um pneu. O azar foi que os donos não estavam em casa e fiquei a arder com o custo. Nimguém gosta mais de animais do que eu mas, será que tenho que interromper a minha vida por causa dos animais que andam soltos? Ou sou eu que tenho que me por ensaime a mim próprio para não fazer mal aos animais ou aos donos? Acho que cada galo no seu poleiro e cão não é para andar sem trela na rua pois, numca fazem mal(dizem os donos) mas depois na televisão ouvimos e vemos alguns casos um pouco diferentes.

Desculpem , é só a minha opinião.

olacnog
24-10-2007, 17:01
Comigo a tecnica do Sprint costuma funcionar, mas uma vez não funcionou! Na cidade, quando vou a algum lado, normalmente não levo água comigo, bem que dei o sprnt mas era a subir, o cão também não era muito grande mas estava a morder-me nó pé enquanto que outro de porte identico (médio) me mordia o pneu de traz. Lá teve que sair a bela da sapatada 42, uma em cada um enquanto o dono assistia a tudo. É claro que não era uma sapatada para doer, apenas para enxotar. Lá desistiram e eu continuei em frente enquanto o dono os chamava aos berros.

Não é que eu tivesse medo, ou sequer que as mordidelas me estivessem a doer, mas eu estva com alguma pressa e é um bocado chato arrastar um cão pela boca agarrada ao pé!
Eu tenho um cão e se ele alguma vez correr atraz de algum de voces, dêm-lhe um biqueiro que eu não me vou importar!! (não me partam os ossos ao cão :mrgreen:)



:lol: :lol: :lol: :lol: :lol: :lol: :lol: :lol: :lol: :lol: :lol:

o que eu me ri com isto......

LOKO
24-10-2007, 17:26
Boas, aqui está um tópico ao qual ando para responder ao algum tempo, mas tenho evitado.

Tenho evitado pela seguinte razão, eu não condeno os animais, mas sim os seus donos que os deixam andar a solta e que se esquecem que o mundo não é só deles.

Nunca fui mordido a andar de bike, já fui a pé, e posso dizer que enquanto não apanhei o cão, que por acaso era abandonado, não descansei. Claro que quando dei a correr atrás dele ele desatou a fugir. Mas cacei o gajo, e pena tenho de não ter caçado o dono, e é mesmo esse o termo, caçar, pois se isso algum dia me acontecer a mim, a minha filha ou algum dos meus, podem ter a certeza que vou ser o último a rir, o bichinho vai directo para o tal sitio para onde vão se atacarem alguém, canil para abate e, o dono vai rezar para ter fechado o animal.

Até lá, espero que nunca aconteça, tenho especial cuidado com cães em matilha, pois ai são mais afoitos, e claro se perseguem mando sossegar, se continuarem mando água, ou então lá terá de ser a bela da biqueira.... E todo o processo acima descrito.

Desculpem mas em certas coisas julgo que há que ser Radical.

Cumps e boas pedaladas livres de cães e outros desaires.

_riplas_
24-10-2007, 23:07
Bem eu posso dizer que se vir um cão solto onde não e suposto e tiver o dono por perto, eu reclamo com ele!!! ja cai uma vez por causa de uma canideo com 30 cm de altura e posso dizer que doeu e deu direito a uma visita ao Hospital no dia seguinte, e a 15 dias de recuperação com serias dificuldades mesmo para o simples respirar. (e não sou eu que sou muito sensivél). em termos do mazelas visiveis nao era nada de especial uma escuriaçãozita no braço, umas belas nodoas negras, p pior foram os hematomas internos devido a violencia do impacto com o chao.Agora quando vejo um cão... se ja tinha cuidado, tenho ainda mais cuidado! mas e curiosa a mania que estes bichos tem de se meterem a frente das rodas, e de ladrarem ininterruptamente atras das bicicleta...

Chaves
24-10-2007, 23:26
Um dia passei de bike num sitio, e fiz para ai 2 kms com dois cães a fazerem de personal trainer :shock:, não largavam nem por nada, como passo ali todos os dias para ir para o trabalho decidi descobrir quem eram os donos, descobri e disse ao Sr. que os cães eram para estar fechados e se acontece-se alguma coisa ele teria de ser chamado a responsabilidade, como bom samaritano que o Sr. era perguntou-me quando passava la outra vez que era para soltar os cães, e eu disse :suabesta: pode solta-los as 18 horas porque vou passar lá ...

DE CARRO :rotfl: :rotfl: :rotfl:

Até hoje nunca mais vi os cães, e até o dono tem duvidas se deve ir para a casota ou não.

HE HE HE

Hoje em dia muitas camaras tem leis quanto aos cães/gatos, usem-nas.


Xau

coelhone
25-10-2007, 14:41
:rotfl: :rotfl:

á com cada um...
A melhor aconteceu-me ontem na minha volta diária, encontro um homem no meio do monte com uma v5 a trabalhar e aos assobios, eu parei e perguntei lhe se andava algum cão à solta e ele responde-me:
"- Anda mas ele não faz mal, quando está preso é mau, mas à solta não" :shock:

Vá lá que o único "cão" que encontrei foi mesmo o que estava sentado na v5

xiko
27-10-2007, 16:05
Aew pessoal..

bem está aqui um praticante de XC da Serra da Estrela,Covilhã,zona esta onde está muito presente o conhecido cão serra da estrela guardando os rebanhos e afins.
Bem,stresses com caes ja tive muitos e a primeira coisa a fazer é encher a boca de agua e se conseguir atirar-lha ao focinho.
Quando isto nao é suficiente tento impor-lhes um grito a que eles estam habituados: "CAASAAA"..Se isto ainda nao for suficiente aí saco do meu Shimano 46 e tumbaa,ou mesmo m sprint,que nunca fez mal a ninguem..


Mas com o tempo aprendi uma coisa,afinal o velho ditado de "cao que ladra nao morde" é verdadeiro,porque na maioria dos casos quando um cão vem para morder ele nunca ladra,apenas corre atras de nós..

espero ter passado bem a minha mensagem..

abraços..boas pedaladas!

pmra
27-10-2007, 16:38
http://img530.imageshack.us/img530/9710/bikedog2ho7.jpg (http://imageshack.us)

Todos fossem assim...o pessoal só tinha que levar uma corda e eles corriam para se oferecerem a ir dar uma volta "radical"!! :mrgreen:

nelson_r
29-10-2007, 19:38
Eu cá por mim adoro animais, especialmente cães. Também não gosto de ser perseguido por cães quando vou na minha bike, não por medo mas por receio que se atravessem à minha frente.
É muito bonito ter um cão, mas é preciso ter condições para o ter; espaço, algum carinho e bom trato e especialmente o bom senso de não lhes proporcionar fugas para fora do território a que normalmente estão afectos (à casa de cada um).
Ainda recentemente numa das minhas saídas apanhei um daqueles sustos, quando sem esperar ao passar por um portão aberto, saíram de lá duas feras de palmo e meio (as piores). Primeiro apeteceu-me dar-lhes dois tiros, se tivesse uma arma comigo, mas depois pensei que quem merecia eram os donos.
Pelo menos na vez seguinte que lá passei, tentei fazê-lo o mais rapidamente possível, mas mesmo assim as feras seguiram-me; pelo menos já estava à espera.

miguel pinto
02-11-2007, 13:42
Há uns tempos atrás, num outro post relacionado com os canitos, menti com todos os dentes que tenho na boca, quando disse que, sempre que os nossos amigos me ladram, eu também lhes ladro e, em ultima instância, mordo-os.

Agora e fora de brincadeiras.

Ontem e mais uma vez, fui para os trilhos de Ribeira de Frades, testar o novo desviador traseiro Shimano XT Shadow. A certa altura e numa zona de terra solta, vejo-me repentinamente cercado por três cães, embora de pequeno porte.
Atendendo às características do terreno, sprintar era impossível e a imposição de um andamento mais forte seria certamente votada ao fracasso.
Solução: Num acesso de frieza mental, tipo ice-man :assobio:, mantenho-me inamovível, limitando-me a pestanejar.
Segui à risca o procedimento aconselhado pelo pai de um amigo meu, que foi em tempos treinador de canídeos e, RESULTOU (pelo menos desta vez).

Meus amigos, sempre que a fuga não seja possível, imobilizem-se e aguardem que os ditos cujos vos deixem na paz dos anjos. Só em última instância recorram à força.

Lembrem-se, os cães são meigos*, amigos** e não estão conspurcados por sentimentos maldosos próprios dos animais racionais.

* Às vezes
** Às vezes.

Jori
04-11-2007, 02:17
A solução para o nosso problema, sem danos para o animal cão :), chama-se Dazzer:

http://www.alibaba.com/catalog/10831017/Dazzer_dog_repeller.html

http://www.alibaba.com/showroom/Dog_Repeller.html

Não comprei ainda nenhum para mim, não sei se funcionará bem ou não, mas já vi preços entre os 400 Dólares e os 35 Dólares, cuidado pesquisem bem antes de comprar :wink:

Se alguém tiver esse aparelho que diga o que acha dele e se realmente fnciona.

No passado tinha medo de cães, que com o tempo esse medo desapareceu +/-, actualmente tenho medo deles e das reacções deles porque comecei a andar de bike outra vez. Mas honestamente estou farto é dos donos deles :evil: e não dos bichos.

Aquele abraço e boas pedaladas :mrgreen:

José Batista
26-11-2007, 19:26
Pois é eu cá não gosto mesmo nada de me cruzar com os nossos melhores amigos.
Até parece que os tipos adivinham que eu tenho medo. doh doh doh doh
Habitualmente paro e sigo a pé até o bobi se ir embora nessa altura e depois de me certificar que o bicho já não me consegue apanhar volto então a pedalar. :yeah:

SAUDAÇÕES BETETISTAS

JonnyXC
26-11-2007, 19:40
eu normalmente quando vejo um "amigo" desses e tou a pedalar comtinuo a pedalar só quando se chegam muito perto é que paro e sigo a pé...mas a verdade é que ja vi mais pessoas a fazer mal aos "pobres animais" do que ao contrario...boas pedaladas(sem "amigos" :D)

bruxedo
27-11-2007, 00:12
:D :D :D :D :D :D :D :D :D :D :D :D :D :D

ora aqui ta o topico mais engraçado deste forum :D :lol: :lol:

V 4 V
28-11-2007, 10:34
Habitualmente paro e sigo a pé até o bobi se ir embora nessa altura e depois de me certificar que o bicho já não me consegue apanhar volto então a pedalar. :yeah:

SAUDAÇÕES BETETISTAS


Ainda este sábado tive de experimentar esse método. Dois cães a espumar da boca de média estatura, se bem que me pareceu que um estava a defender-me do outro :shock:
Mas lá pus a bike entre mim e os ditos, e fui andando até me afastar...
Dessa já me safei.

Boas pedaladas.

Tork-Torkum
29-11-2007, 10:12
Até agora eu tambem nunca tive problemas, o segredo nesta historia e mostralies que nao temos medo. Uma voz firme energiqua. " Tché!! Treppel!!! " E assin que se faz no Luxembourgo, aue quer mais ou menos dizer Xooo! Pisgate! :)

Mas como um de voces ja disse. Os animais sao nossos amigos! As vezes até mais do que os seres humanos ;)


A prova, é a monha Kitha, uma cadela de rassa Rottweiler. Bué meiga, sempre a qurer brincar e muito mais.

Xure
05-12-2007, 12:56
Adoras cães, mas mandas bicos... :lol: Yaaaaaa, meu! Olha lá se não gostasses de cães!!!

Desculpa dizer-te isto, mas tu és daqueles que merecia ter um encontro imediato, com um fila brasileiro, por ex, para piares fininho. Qual culatra qual quê pá. andrextr

fitty77
05-12-2007, 14:40
Por acaso, concordo dom o hmorm....
É assim, até hoje, nunca tive de andar à cacetada a nenhum. Faço tudo por tudo para evitar isso. Obviamente que se um cão vem atrás de mim, a maior parte deles quer é brincadeira. Por vezes até paro e brinco um pouco com eles (estou-me a lembrar do caso duns canitos que estão num sitio por onde passo, que todos os dias vêm atrás de mim e até me fazem companhia.... lol). Mas obviamente que se vem de lá um bicho grande para caraças, completamente enraivecido para e dar uma dentada, primeiro enxoto-o, se der para fugir, fujo, se não, saio da bicicleta para ver se ele se acalma, mas se mesmo assim não resultar, leva com a bicicleta na tromba e acabou, ou uma pedrada. O que é que há a fazer? Um gajo tem que se defender. Nunca tal aconteceu, é verdade, e espero nunca acontecer. Mas.... se tiver que me defender, vale tudo o que me lembrar na altura.

Xure
05-12-2007, 14:46
hmorm,

Li o que escreveste e claro que não critiquei sem sentido. E mto menos sou dono de qq tipo de razão. Faz-me apenas confusão o facto de se dizerem amigos dos animais, mas nem sequer se dão ao trabalho de os tentar compreender.
A maioria destas situações são evitaveis, quando não o são pelos donos, (que sem duvida são os principais culpados), podem ser por nós. Por algum motivo somos animais racionais e não deveria ser normal reagir por impulso. É isso que faz um cão por exemplo, quando vê uma bike. Reage por impulso e nem pensa mto bem porque o faz.
Claro que se um dia tiveres um cão a tentar morder-te, apesar de ser um defensor dos animais a 100 %, não digo que deixes q ele tem morda, como é logico. Agora pensa bem se a melhor forma de reagir será a agressão, porque posso garantir-te que se o cão for de porte respeitavel, estás a fazer com que o lado agressivo dele se manifeste ainda mais e não terás o resultado que esperas, pois vais ter a devida resposta e da pior maneira.

Nunca tive qq tipo de problemas com cães e devo dizer-te que se deve ao facto de os ter tentado perceber e com isso prever algumas situações e tomar medidas correctas, que não passam por agredir, nem o diabo a 7.
Se leres este topico na sua totalidade, verás que mtos membros, incluindo eu, já deixaram algumas dias sobre a forma de lidar e de evitar estas situações.

Posso indicar-te duas.

Uma é desmontares da bike, e passares o mais calmo e discreto possivel, outra, é nunca olhes nos olhos do cão. O resto é como te digo lê neste topico, e se achares que não serve, reage como entenderes.

Posso te dizer sim que o unico stress que tive no meio de uma volta, foi com um cavalo e ai sim vi a minha vida a andar para trás e safei-me por pura sorte, pois no caso de ele realmente querer fazer mal não havia bicos ou outro qq metodo rambesco, que me safa-se. Posso dizer que não é nada habitual este tipo de comportamentos neste animais.

Que fique claro que a tua resposta para mim foi clara, no sentido em que referes o uso da violencia, sem qq tipo de recurso, mesmo como tu dizes, gostando de cães, e quis com isso deixar-te a noção que exitem cães que não é com um bico que te safas deles, dai ter falado numa raça de cão que é estupidamente grande.

Encara esta minha critica como uma ajuda, e não como uma opinião politicamente correcta, nem dogmatica, do ponto de vista do uso ou não da violencia. Se esse for o ultimo recurso e dai depender a tua integridade fisica, claro que terá de ser usado.

Votos de bom natal, com mtas pedaladas e sem cães.

Abraço

hmorm
05-12-2007, 15:06
xure contra factos não há argumentos
Grande abraço e fica bem

Xure
05-12-2007, 15:58
hmorm,

Fico contente por nos entendermos, e desde já te peço desculpa se na minha primeira resposta fui rude contigo.

Grande abraço

MAMM
09-01-2008, 22:28
Caros Colegas (2 C's de novo)

Um dos terrores dos ciclistas são os cães, Aparecem quando menos se espera, fazem-nos cair e, pior, esperam que passemos para depois ficarem em posição de filar as nossa canetas desprotegidas, algumas mesmo super desprotegidas devido à depilação.

A questão pode não ser pertinente, para quem nunca foi ferrado ou sériamente ameçado de o ser.

Assim aceito ideias e sócios para comercialização de uma canaleira à prova de canídeos mais violentos a não ser que haja, no mercado e que alguém me diga onde, algo que me convença que esta ideia da canaleira pode vir a ser um má aposta comercial.

MAMM

cácá
09-01-2008, 22:34
Caro, não há nada como ter uma pequena Bomba de Ar sempre á mão e mostrá-la aos mais atrevidos.

fitty77
10-01-2008, 00:34
Não há nada como assobiar e chamá-los. 80% só quer é brincadeira. Os outros 20%, não há nada como desmontar da bicla e começar a andar. Os gajos mudam logo de atitude. Se mesmo assim eles continuarem a investir (aqueles mesmo raivosos), levam com a bicla em cima e pronto. Primeiro está a nossa saude. Mas deve-se tentar levar os animais sempre na forma menos violenta. Muitas vezes estão a guardar o território, ou seja, aquilo para que foram treinados, e se os levarmos na boa, por norma eles começam na brincadeira e pronto, está resolvido o problema. Assobiamos-lhe e tal, para eles nos conhecerem para a próxima, umas festas e tá a andar.... São animais, mas são nossos amigos (alguns não, mas pronto :mrgreen: ), não se esqueçam.

rjcm
10-01-2008, 00:54
Já uma vez fui deitado ao chão de uma bicicleta e mordido por um pastor alemão. Era eu miúdo e ganhei um certo trauma com isso, que ainda hoje me faz às vezes alterar o percurso nas voltinhas pelo monte, sobretudo quando vou sozinho. :oops:

Isto porque enfrentar cães serra da estrela pastores, ou grupos de caçadores não está ainda nas tarefas que consigo fazer com o desejado sangue frio...

Felizmente ainda não tive nenhum azar, e à base do sprint, de abrandar e passar de fininho com muita calma, ou mesmo de voltar para trás lá me tenho safado.

Diogo Gaspar
10-01-2008, 01:04
Ja por algumas vezes tive c&#227;es "as pernas". Normalmente vem atr&#225;s de n&#243;s so para assustar, mas tive um caso de um rafeirito que queria algo mais... :twisted: Apenas tirei o p&#233; do pedal, e zaaasssss.... Uma biqueirada no focinho!!! Foi rem&#233;dio santo. Esse como ja sentiu o quanto rija &#233; a sola das nossas botas, que talvez tenha aprendido a li&#231;&#227;o.

Aten&#231;&#227;o que eu sou defensor dos animais, mas neste caso agi em auto-defesa.

MAMM
15-01-2008, 22:38
No meio de tanta resposta ainda não encontrei a que me interessa. Cada um tem a sua técnica, mas o que quero saber é se alguém conhece uma técnica que sriva a todos.
Por exemplo a ASAE podia obrigar todos os cães a andarem com açaime e multar os donos que não cumprissem.
Também já ouvi falar de usn sprays atordoantes, nunca os encontrei foi à venda (parece que é proibido). Ou usn apitos ultrasons que afastam os canídeos, mas também nunca encontrei nada à venda.

Teodoro
16-01-2008, 22:47
O que me lixa mesmo mais é o caso em que o dono do béu béu está ali ao lado, não faz nada para o segurar e no fim depois dum gajo ter que parar, nem desculpa pede!

BCasquinha
16-01-2008, 23:58
...e ainda diz - "ah ele não faz mal...ele não morde"!! :evil:

Miguel Cardoso
17-01-2008, 16:46
Realmente os cães são um perigo para quem anda de bicicleta, eu ao inicio tinha algum receio/medo nos encontros inesperados, até ler na Bikemagazine uma dica para lidar com os mesmos nestas situações, em caso de investida basta atirar um esguincho de agua ou bebida energética :D do obidon para o animal e lá vai ele de rabinho entre as pernas, em tres anos de prática de BTT tenho usado sempre este método e resulta, é tiro e queda.

Cardoso

Próspero
18-01-2008, 00:32
Viva,

Eu por acaso comprei na net uma cena que faz um ruído ultra sónico, som que os humanos não conseguem ouvir mas que para os caninos é bastante irritante, até agora ainda não precisei.

Tenho um amigo que sempre que sai para as suas voltinhas pelo monte leva um saquinho de pimenta :-)

Diz que é eficiente

pmra
18-01-2008, 23:30
Eu já me precavi... até porque já assisti a um ataque violento de um cão a uma pessoa sem motivo aparente.
Onde moro, a cãozada vem sempre atrás de mim mas o que me fez ponderer auto-defesa foi um dia ver um rotweiller olhar-me fixamente a uns 50 metros de distancia. Valeu-me a obediência do animal ao dono que se pôs logo aos gritos.
Já vêm a caminho 2 destes, parece o mais fiavel e aqui o mais em conta http://www.maplin.co.uk/Module.aspx?TabID=1&DOY=search&ModuleNo=33094&criteria=

Não tenho nada contra eles e compreendo a atitude deles perante nós tão estranhas criaturas, mas isto bem usado não atenta contra o bem estar dele e é apenas para auto-defesa.
O grande problema vão ser mesmo os cães surdos :mrgreen:
Boas pedaladas!!

àesperadascale
19-01-2008, 02:17
Viva,

Eu por acaso comprei na net uma cena que faz um ruído ultra sónico, som que os humanos não conseguem ouvir mas que para os caninos é bastante irritante, até agora ainda não precisei.

Tenho um amigo que sempre que sai para as suas voltinhas pelo monte leva um saquinho de pimenta :-)

Diz que é eficiente


Mas, é para temperar o cão? :mrgreen: :mrgreen:

Agora a sério, também já passei por uma situação bem complicada com um encontro com um rottweiler. Valeu que vinha a descer em grupo e o cão, que se encontrava solto (o dono trazia a trela na mão), não se decidiu sobre qual atacar. Valente susto.

Teodoro
19-01-2008, 19:52
Sim, os canitos são maus para nós.
Mas são mesmo um perigo para os tipos da estrada. Esses se acertam no canito, à velocidade com que andam, e nos autênticos "aranhiços" com que se passeiam, é balde certo e a doer...
:oops:

AMF
22-01-2008, 19:00
Quando vamos em grupo o cão normalmente aguarda pelo último a passar, portanto muito treino para não ser o último :mrgreen:

Tive um episódio engraçado quando num Domingo de manhã completamente sozinho no meio do mato, me vi rodeado por quatro almas caninas aparentemente com vontade de fazer de mim pequeno-Almoço.

Após um pequeno período de apreensão e alguma indefinição sobre o que fazer, aparece-me muito calmamente uma criatura de barriguinha proeminente, camuflado e caçadeira ao ombro, que diz: - Não tenha medo que não fazem mal, isto é apenas por verem algo de estranho.

Ainda hoje estou um bocado intrigado sobre o que quereria dizer com algo de estranho. Pensando bem não sei se o pior seriam os cães ou ser confundido com um coelho pelos portadores da "canhota".

jonny bravo
22-01-2008, 19:43
Pessoal nunca tive problemas com os caes
Acho que nao ha caes maus o que ha sao donos maus(maus pa nao chamar outra coisa..)
Este fim de semana tava no monte de pias(em valongo) e mesmo no topo da montanha encontrei uma boxer quase so pele e osso e cheia de fridas(dentes partidos e tudo...)quase nao tinha forças para andar.Tava com o meu grupo e la de demos umas barritas(o cao nao comeu ASPIROU)
Depois viemos de vagar durante 9km e cadela veio atras de nos devagarinho.
Resumindo metemos a cadela no carro e ja tem dono...ja foi ao veterinario(e parece ter ai uns 3 anitos) e parece estar tudo bem(so tem de engordar uns 4kg e recuperar as fridas)quanto aos dentes nada a fazer...

Agora digam-me como é possivel haver pessoas assim... :(

ig9981
22-01-2008, 20:38
Boas!!

Em primeiro lugar... adoro animais!! Tenho 3 gatos, peixes, já tive um cão, morreu há uns meses e ando agora à procura de arranjar outro... enfim... adoro bicharada...

Mas a minha integridade fisica está à frente de qualquer cão que ouse se atravessar no meu caminho...

Tive já algumas situações em que cães tentaram vir de encontro a mim.. a minha atitude é sempre a mesma, viro a bike em direção a eles e desencaixo um pé do pedal... está solucionado o problema... desistem logo da ideia... A única vez que um cão não desistiu levou um pontapé no focinho assim em tom de aviso... voltou logo para trás... (há testemunhas aqui do fórum!!) :wink:

Não há cão nehum que me meta medo... e estou a falar a sério, pois já fiz o mesmo a um rotweiller em plena foz e o bicho também recuou... se não recuasse levava, pois não é um animal que não se segura em duas patas e com 50 ou 60 kg que me derruba, eu que tenho 1.72m e 90kg.. LOL :mrgreen:

O cão pressente o medo, esse é o ponto forte dele...

Mas volto a frisar, eu adoro animais, e esta minha atitude eu tomo apenas quando sinto que a minha integridade fisica pode ser ameaçada... seja por um cão, gato ou até outra pessoa...

Abraços.

àesperadascale
23-01-2008, 11:06
Quer dizer que, se te vir um dia, de pé desencaixado a vir para mim, é melhor fugir? :lol: :lol: :lol:

ig9981
23-01-2008, 11:29
Quer dizer que, se te vir um dia, de pé desencaixado a vir para mim, é melhor fugir? :lol: :lol: :lol:


:mrgreen: :mrgreen: :mrgreen: Sou pacifico!! Gosto de ter uma postura muio "Zen" no meu dia-a-dia... :wink: :wink:

SoveskY
23-01-2008, 16:48
O malte ajuda obviamente. :mrgreen:


Quanto à solução do aparelho de ultra sons, eu não confio muito nisso visto que há certos cães que quando captam esse som, ficam muito mais stressados e agressivos. (Experiência própria)

Lee
10-02-2008, 22:09
Bem… Hoje aconteceu-me a mim… :shock:
Apareceu (não sei de onde) um doberman a correr atrás de mim, comecei a pedalar mais depressa para ver se ele desistia mas o animal corria ainda mais. Não me ladrava. Abrandei a velocidade e ele também… Atravessava-se à minha frente com a cauda a abanar e dava a entender que queria só brincadeira.
Como estava a afastar-me do sítio em que ele me apareceu, dei a volta para o levar para a “casa dele”. Mesmo assim, ele não descolou de mim. Pensei desmontar da bike e bater com os pés do chão para o assustar mas aí podia ele atacar-me e tinha aspecto de pesar mais que eu… :oops:
Continuei para casa, ele sempre a correr atrás de mim. Estava preocupada porque depois ia ficar perdido e liguei para uma amiga minha que trabalha com animais.
Depois de falar com a amiga passa um grupo de bikes na direcção oposta e o meu “amiguinho” foi com eles…
Não foi nada… mas apanhei um bom susto porque não estou muito habituada a lidar com cães…

Reis
11-02-2008, 10:48
Na terça-feira de carnalval aconteceu-me uma coisa idêntica.

Estava a subir a serra da boa viagem, quando para meu espanto já quase a chegar a povoação da serra me aparece um cão
arraçado de boxer e se dirige para mim. Pensei eu, se este for dos maus estás frito, cansado como vás não tem qualquer hipotese de fugir. Para meu espanto o bacano do animal pôs-se ao meu lado e fez-me companhia o resto da subida. Depois já na povoação ainda me acompanhou mais um metros, parando de seguida.

Cá para mim ele deve estar já habituado a ver alguns empenados :oops:(que é o meu caso) e então para dar algum alento ao ciclista vai ao lado dele.

Cumprimentos
Reis

marky27
11-02-2008, 11:03
Quando vamos em grupo o cão normalmente aguarda pelo último a passar, portanto muito treino para não ser o último


He, he, he... É bem verdade! :D
Eu tambem gosto muito de cães, mas quando vou na bicicleta e vejo um dos grandes a correr para mim até levanto paralelo

HardSpeed
16-02-2008, 15:33
Hoje de manhã no Cais do Sodré dois bikers tentavam "fintar" um cão que não os larvaga.
Um deles mudou logo de direcção, o outro lá aguentou o bicho... :mrgreen:
Parar ou reduzir a velocidade! Nada disso, se possivel é um pé na direcção do focinho caso o bicho vá morder.
Sei que é feito bater, mas se ele morder ou causar um acidente, quem é que fica mal?

cácá
16-02-2008, 15:43
:hehe: Caros, há uma forma infalível de por os cães, basta agarrar no bidon ou na magueira da Camel bak e atirar com agua para cima deles. Resulta sempre e nunca mais chateiam. :xau:

J_Adonis
16-02-2008, 23:38
Isso funciona com cães de água?

CAlves
16-02-2008, 23:57
lol essa está boa :P

jol8485
17-02-2008, 11:19
Isso funciona com cães de água?

Para esses tem de ser com liquido isotónico :mrgreen:

SoveskY
17-02-2008, 13:50
Ou ácido sulfúrico

jol8485
17-02-2008, 14:18
Ou ácido sulfúrico

:shock: Isso já é ser mauzinho :twisted: :twisted: :twisted:

Arlindo
17-02-2008, 14:23
w pa, eu kuando vejo um cao a vir em direção a mim a ladrar, ladrole mais alto a ver se ele tem medo..XD, mas ja dei a prova a minha sola a alguns.. e a vida, melhor eles ke eu

jol8485
17-02-2008, 17:12
w pa, eu kuando vejo um cao a vir em direção a mim a ladrar, ladrole mais alto a ver se ele tem medo..XD, mas ja dei a prova a minha sola a alguns.. e a vida, melhor eles que eu

Traduzindo :evil: :
É pá, eu quando vejo um cão a vir na minha direcção a ladrar, ladro-lhe mais alto a ver se ele tem medo..XD, mas já dei a provar a minha sola a alguns.. é a vida, melhor eles que eu

:roll:

Arlindo não leves a mal mas tive alguma dificuldade para ler a tua mensagem.

Lopes 18
18-02-2008, 21:41
Bem eu ja tive 2 problemazitos com cães, um foi com um rotweiller, eu ia a subir e ouço um gajo a berrar: " bull, bull", e eu olhei para tras e vejo um bicho bue grande a correr para mim e pensei, bem ja vou ficar se uma perna, saio da bike e ponho-a entre mim e o cao e ele chegou-se ao pé de mim e começou a cheirar a bike e eu com um medo desgraçado mas o bicho felizmente nao me fez mal.
A outra foi com 2 caes rafeiros nao eram muito grandes mas os gajos cercaram-me e aquilo era mais ou menos assim: um cão/ a minha bike/ EU / a minha mochila/ e outro cao. Mas não deu em nada felizmente.
Fikem bem e boas pedaladas.

nunocc
22-02-2008, 22:37
Caros amigos.
Acabei de ler nas notícias do sapo que hoje, mais uma criança foi atacada por um pitbull no Algarve.Não terá ficado bem, pois estava a ser transferida para Lisboa.
A questão já é velha, mas pelos vistos não tem solução.Será que é preciso morrer mais alguém para se tomar uma atitude drástica e acabar de vês com as raças perigosas em Portugal?
Pessoalmente não tenho nada contra estes animais, mas sim contra os seus proprietários que considero substâncialmente mais perigosos que os próprios cães.A verdade é que para ter um cão seja ele qual for é preciso ter condições, nomeadamente espaço exterior.Não suporto lulus dentro de casa deitados no meu sofá.Mas para raças ditas perigosas isso não é suficiente.é nacessário espaço exterior devidamente vedado e acima de tudo verdadeiros donos que tenham a capacidade de entender aquilo que possuem.

SoveskY
23-02-2008, 14:05
Para evitar alguns acidentes similares o ideal era os indivíduos que têm na sua propriedade animais de raça perigosa, serem submetidos a um exame/teste para verificar se realmente conhecem bem a raça, e se têm personalidade para dar ao animal uma vida em condições.
Talvez assim metade dos basofes não andasse com pit bulls e rottweilers.

jol8485
24-02-2008, 16:33
Hoje tive um encontro com dois agressivos de médio porte :aiui:
Não me assustei porque vi logo que estavam com açaime mas bem tentaram fincar os dentes :s
Um levou uma esguichadela de água e como era a descer fiz uma travagem brusca para os assustar mas não desistiam, o dono bem os chamava (e até pediu desculpa) mas eles queriam brincadeira. Tive de parar mais à frente por causa de um ribeiro e quando desmontei eles ficaram afastados e acabaram por desistir.
Era uma zona que conhecia e normalmente eles estão presos por correntes (a casa não tem vedação).

Hugo_BTTejo
26-02-2008, 20:21
O mais que se pode fazer quando os dogs estão a ladrar e a correr atrás de nós e abrandar e eles param...
Pensam assim, ele parou, deve ser maluco, deixa me fugir... :mrgreen:

Aconteceu me hoje na N10 em Alverca, um dog atrás de um amigo que ia na minha frente, ele parou e eu a olhar para o cão, quase que lhe batia e me ia aleijando... :oops: :mrgreen:

Olhem a ver se o cão não hesitou e deu meia volta...Ai não!!! Pira.te!!! :mrgreen:

ricardo gomes
25-03-2008, 23:03
detesto as situaçoes em que o pessoal vai e existem quelas aldeolas rudes la no meio do nada isoladas de tudos e tem BICHINHOS enormes soltos que andam cheios de doenças e fome!
opa eles atacam mesmo :evil: e mesmo preçiso recorrer a espetarlhe com a bike na beiça!e os donos a verem na maior das calmas e inda nos dizem que so kerem brincar!
por amor de deus
eu gosto imenso de cães mas quando começam a seguir os meus pezinhos e abrir aquelas bocas enormes ja nao!
depois ha aqueles rafeiros que o unico problema e cairmos por tropeçarmos neles!prontos la tem a sua mania de ferrar pneus lo0l
cumps e boas pedaladas

Ruben_r6.0
31-03-2008, 12:00
eu ca tenho um pit bull e ele nao fas nada o pessoal tem a manina de dizer ke sao caes muito perigosos essse so sao perigosos quando nos os ensinamos

Sakabatto
31-03-2008, 14:34
ouvi dizer que vai ser proibido a criação de rotweillers em portugal :|
não sei até que ponto é verdade, mas seja como for deixo aqui a "noticia"

Xure
31-03-2008, 15:58
Mais importante era criar uma leis de proibição de criação de politicos mentirosos e sem vergonha na cara. :evil:

Essa da poibir certas raças, só me da vontade de rir... Ve-se mesmo que quem cria as leis não percebe nada do que está a fazer, e soluciona o problema da pior forma.

Saiem normas e regras que não dá para perceber.

Reparem que à uns tempos era preciso ter o registo criminal limpo e um seguro para ter um cão considerado (não sei porque quem, nem porque criterio) perigoso.
Pergunto eu e quem controla isso? Respondo desde já ninguem.

Vai passar a ser obrigatório o chip em todos os caes, coisa que já coloquei no meu, pois eu cumpro as normas e ele tem e sempre teve tudo em ordem, registo anual, vacinas em dia, desparasitante de 2 em 2 meses,etc.
Quem controla isso? Ninguem.
O chip serve exclusivamente para o cão ser identificado, se por ventura se perder e só e apenas se for parar a um veterinario, porque não há mais ninguem que tenha os leitores de chips. Então para que servem? Para nada.

O meu cão tem para alem do chip uma placa com o nome dele, e os telefones para onde se deve telefonar, no caso de o encontrarem perdido, embora ele não ande na rua solto, nem sozinho, dai ser mto dificil perder-se. Mas a unica vantagem que vejo é o facto de eu com o chip puder provar que o cão é meu, em caso de roubo.

Portanto eu que tenho todos os cuidados e mais alguns com o meu cão, onde não deixo que ele incomode quem quer que seja e tb não deixo que o incomodem a ele, assumo desde logo todo e qq dano que ele possa causar a alguem, prevenindo desde logo e evitando que isso aconteça, portanto como dono consciente tenho o cuidado de o identificar e assumir por completo tudo o que lhe diz respeito.

Agora as pessoas que se estão a marimbar para os cães, que não os vacinam, não os registam, que os usam como armas de intimidação, que os educam para serem agressivos, em suma que não deviam ter uma tartaruga sequer, vão por os chips????

E pá vou ali rebolar-me a rir e venho já...

Enfim não vou estar aqui a repetir-me, nem a dar o meu ponto de vista, sobre os cães, porque tenho mto mais medo de certas pessoas, que pelos poderes que lhes foram conferidos, nos fazem a nós andar de "trela curta", do que de cães.

Abraço

Ps- Foi um desabafo. :roll: e eu tenho um cão que é um paz de alma, um cruzamento de Setter irlandês com Springer spaniel inglês, (acidental é claro).
Mas fico verde que me falam em cães de "raça perigosa"

Ps2- Para finalizar um exemplo, os Pit bull, são considerados raça perigosa, mas onde é que está escrito que os Pit são uma raça, se nem é reconhecida? Vão poibir algo que não existe? Enfim... :roll:

Ps3- Desculpem todo o meu post em off topic.

Sakabatto
31-03-2008, 17:23
apoiado :mrgreen:

EDIT: além disso, um cão só é perigoso se for educado para tal, ou se for atacado, o que.. é natural esta-se a defender, o mal é que geralmente não têm educação nenhuma..tal e qual como os donos :lol:

jonny bravo
31-03-2008, 19:30
Apoiado :cheers:

Nao há cães maus há sim donos que nao sabem educar os cães

diogorocha
04-04-2008, 00:58
eu sei que é um bocado fora do tema deste toipico!


mas voces sabem o que é um javali?


o que voces faziam se um vos aparece-se a frente?

duchene
04-04-2008, 01:44
Como os javalis não saltam, basta subir para um tronco caído ou qualquer coisa com alguma altura e já ficas a salvo daqueles molares triturantes :)

GETmoney
04-04-2008, 09:11
normalmente, os javalis mal nos vêm fogem a sete pés, ( devem pensar, olha já vou para o espeto ), mas se sentirem encurralados são capazes de se virarem a nós.
Agora imaginem 500 kg de carne com 2 molares à frente do tamanho de punhais a correrem a 30 km/h na tua direcção!!!! :aiui:
bom aconselho a subir a uma árvore se houver uma perto!!! Não chateiem estes bichinhos, os mais pequenos são muito fixes

DESLIGA_O_CAPSLOCK
04-04-2008, 09:32
Se há situação que me chateia, é ir na ciclovia ás vezes á tarde mais a maria numa volta higiénica e ver aqueles caezinhos das "tias" que andam soltos e não podem ver ninguém de bicicleta que têm de ir logo a correr, e que não têm problemas nenhuns em morder se apanharem uma perna ou um pé...quando vejo que isto acontece só tenho uma coisa a fazer...primeiro desencaixo, depois dou-lhe um toque no focinho e paro mais a frente, e é aí que vou falar com as ditas "tias" para porem uma trela ou açaime no cão, senão chamo a policia (claro que é só ameaçar, eu sei que normalmente a policia se está a cagar para estas coisas...)
Como é que as pessoas não conseguem ver que é perigoso?ás vezes nem é por o cão vir atrás de nós e morder, é mesmo porque uma queda da treta é o suficiente para partirmos um braço ou uma perna...
Quanto aos cães de raça "perigosa" para mim é um mito...porque um basofe mesmo que deixe de ter um pittbull passa a ter um pastor alemão, ou um dobberman, ou um serra da estrela, e é um ciclo vicioso, uma vez que não podem proibir a criação de todas as raças de cães...
Eduquem primeiro os donos, para que eles possam educar os cães deles...
Cumps.

Xure
04-04-2008, 10:20
Concordo com o teu post DESLIGA_O_CAPSLOCK, e acrescento algo que tb não gosto nada, as proprias pessoas na ciclovia, sempre bem no meio da mesma...Enfim o eterno problema da falta de civismo. :(

Quanto aos javalis, Diogo, é como te dizem, eles não nos fazem mal, pois preferem sempre evitar o contacto conosco. São animais mto fortes e têm umas presas capazes de fazer grandes estragos, mas só se forem ameaçados ou feridos, no entanto é sempre bom passar ao largo deste tipo de animais, principalmente de tiverem crias. Nunca se sabe.

Por exemplo, os veados, não fazem mal , mas há relatos de pessoas que já foram agredidas e até mortas, por eles numa altura em q o animal fica agressivo por causa da epoca de acasalamento. Vá se lá perceber pk. :( mas não deixo de ir a Lousã por causa disso, por exemplo. :D :wink:

Portanto animais selvagens há que manter uma certa distancia, respeita-los e tentar não fazer mto barulho, pois somos nós que estamos a invadir o seu espaço natural. :wink:

Abraço

RadioHead
06-04-2008, 17:03
Hoje foi a minha vez de ter um encontro em 1º grau com um cãozinho...

Como não tinha a companhia do costume é já acordei tarde, lá me pus a caminho de uma voltinha entre os Olivais e Belém.

Ao passar pelo Parque das Nações, mesmo junto ao Oceanário, reparo numa tiazoca que por lá passeia o seu labrador. Como vi que estava sem trela, abrandei a velocidade e passei na zona em que estavam dono e animal para que não houve surpresas.

Passado uns metros, começo a dar de gás com a bike quando passado uns segundos ouço qualquer coisa a correr junto à minha roda traseira, do lado esquerdo... Era o belo do labrador... Como ele vinha encostadinho a mim e reparei que ele apenas me queria acompanhar ou brincar, mantive a posição em cima da bike sem começar a afastá-lo com o pé, não travei a fundo visto que podia derrapar com a roda de trás. Na primeira hipótese podia perder o equilibrio à velocidade a que ia e na segunda opção podia assustar o animal e ele atirar-se mesmo para cima de mim/bike. Opção tomada: travagem a fundo mas progressiva...

Quando finalmente parei a bike e desmontei só me apetecia voltar atrás e mandá-la para cima da tiazoca, que pedia desculpas e ria-se ao mesmo tempo... Lá lhe perguntei se não sabia o que era uma trela...

João Matos
07-04-2008, 19:56
Ok, a culpa também é dos donos, é verdade, e eu odeio aquelas pessoas mediocres que deixam os portões abertos potenciando a saida daquelas coisas barulhentas e sem graça nenhuma virem ladrar para a via publica potenciando um acidente graves que por sua vez pode causar lesões ou até a morte (já para não falar de quando o cão vem atrás e ferra, e depois essas pessoas (não são bem pessoas...) fazem de conta que não é nada com elas, e ainda se riem por cima :assobio:
Mas eu, também passo a culpa para o próprio animal, talvez porque simplesmente não goste de cães!! Só o barulho do ladrar daquilo consegue enervar-me. Se viesse uma epidemia que os limpasse a todos, para mim era uma enorme alegria, e desculpe-me quem aqui tem cães, mas eu não consigo ver a questão de outra maneira. Talvez seja também por isso que eu não vejo tão má de todo esta lei do governo quanto aos cães perigosos...
Não é intenção minha irritar os proprietários de cães deste forum, até porque acresito que a malta daqui tem os cães bem guardados dentro de casa...

Paulos
10-04-2008, 16:52
seguindo conselho de um amigo também praticante de BTT, eu atiro-lhes água do Bidon para cima e dá resultado

fogem logo :lol: :lol: :lol:

Dézinho
10-04-2008, 17:20
Até gosto deles, mas longe de mim quando estou a pedalar. Senão... nem sei...

Já há quem use gáz pimenta,,, hehehe espero que não se enganem com a pontaria

badscorpion
11-04-2008, 15:47
Dezinho Fala com o ZeTT que ele te da umas dicas
como fazer frente ao cães!! lol :rotfl:

fiquem bem
boas pedaladas

brunorasgamanta
11-04-2008, 16:07
pois eu sou maluco por cães mas quando ando na jinga!!!!!!!!!! :twisted: :twisted: :twisted: :twisted: :twisted:


cumps.
bruno

3xpt0
15-04-2008, 12:16
Para fazer frente a um cão;

- Cão atravessa-se á sua frente a rosnar e ladrar o que fazer?
- Mantenha a calma, olhe nos olhos dele sem confronta-lo directamente.
- Desmonte da bicicleta e proteja-se com esta, fazendo de escudo.

- Cão Vai atrás de sí, com a intenção de morder, o que fazer?
- Mais uma vez mantenha a calma, não pare o ritmo.
- Tente não confrontar o cão directamente pois os cães que
têm a tendência de irem atrás de sí geralmente têm medo, por isso desmonte
da bicicleta e faça-a com mencionei acima, escudo.

Caso haja um ataque isto é o cão morde ou tenta morder, comece a fazer muito barulho
tente fazer escudo com a bicicleta se conseguir se não tente algo que esteja á mão, não desvie
o olhar do cão pois uma distracção e este ataca.

Tentem ter sempre a calma nestas circunstancias.

Abraços e boas pedaladas

P.S. Na entrada de BELAS/Rotunda dos bombeiros existe os trilhos do belas clube campo, ATENÇÃO existe aí dentro 2 quintas com cães de guarda "5 no total Rotweilers soltos" muita atenção pois eles não saem do quintal mas por sim pelo não muita atenção.

Abraços

Xure
15-04-2008, 12:23
Boas

Uma pequena resalva companheiro 3xpt0.

Olhar nos olhos de um cão que está prestes a atacar é o pior que se pode fazer. Isso é para ele sinal de desafio e se ele estiver com qq tipo de duvidas, vai recuar ou avançar, dai eu pensar que é um tiro no escuro, e nunca se sabe se ele decide avançar. Geralmente um cão com forte personalidade e pouco ou nada submisso, mediante o desafio de olho no olho, ataca. :roll:

É elementar esta dica. :wink:

Abraço

3xpt0
15-04-2008, 12:28
Xure;

..... olhe nos olhos dele sem confronta-lo directamente.

isto é, não olhar para o cão fixamente.

abraços

Xure
15-04-2008, 12:33
3xpt0,

Não tinha entendido assim :wink:
As minhas desculpas, mas foi com intenção de ajudar. :yeah:

Abraço

3xpt0
15-04-2008, 12:43
Xure;
Não tens que pedir desculpa. :)
Estamos aqui para ajudar uns aos outros e cada vez mais este tipo de situação pode acontecer com qualquer tipo de cão .... zona da expo fui mordido por um Yorkshire (cão a pilhas agarrou-se aos TENNIS lol a dona toda histérica) e eu com a calma toda dei-lhe um safanão e voila soltou-se.

Abraço

c_s_amaral
15-04-2008, 14:24
No mês passado, estava a dar uma volta na serra sozinho e numa estrada de terra ligeiramente a descer encontrei 2 cães rafeiros mas com algum tamanho.
Voltar para trás não dava, porque não conseguia fugir deles, continuar a descer não dava porque não conhecia a estrada e não queria arriscar.

Parei e com a bike às costas entrei numa zona de arbustos. Arranhei-me todo mas lá dentro não era facil os cães entrarem. Passado uns minutos foram-se embora.
Mais tarde , ainda os voltei a encontrar, mas ia depressa e nem olhei para traz.

Não aconteceu nada, mas apanhei um grande susto, principalmente porque nessa zona não há rede para telemoveis.

Evil Monster
16-08-2008, 19:27
Eu tmb fasso isso AOliveira79 .

Eu gosto mt de caes mas se os donos nao souberem tomar comta deles e deixarem los andar a solta na rua, k nao os tenham

napster_
16-08-2008, 23:44
Eu hoje também tive uma bela aventura com 6 cães!
Ora cá vai... ia eu todo contente e sózinho a fazer atalho pela zona industrial, lá todos os edifícios têm cães de guarda mas sem os portões abertos quando esses estão à solta, e a passar pelo último vejo um Pit Bull mesmo GRANDE e feio a correr muito na minha direcção, como ele estava um pouco distante tive tempo de dar uma corridinha, fiquei parado numa curva à espera que ele se fosse embora mas não, aparecem mais dois atrás dele, a minha sorte é que tinha uma canadinha mesmo ao lado e entrei a fugir que nem um louco, pus-me em cima de um muro à espera que os meus novos amigos se fossem mas eles muito inteligentes ficaram mesmo à entrada da dita canada à minha espera, e eu para mim: "Bem, se eu for sempre para a frente vou parar à pista de motocross", e lá fui eu... O que é que eu encontro?? Caminho completamente tapado, só restavam (não vos quero mentir) cerca de 80cm dele para eu passar mas o problema não era esse, eram as silvas, era só silvas por tudo o que era canto! Depois de alguns arranhões lá estava eu na pista, que felicidade! Aproveitei e dei uma voltinha na mesma, quando vou a sair haviam três caminhos, fui pelo mais porreirinho, um sprintzinho ali e tal e à saida deparo-me com mais um amigo! Este começa a ladrar muito e lá vem outro atrás, toca a fugir!!! Vou a virar para cima para fugir deles (cada vez mais longe do que queria fazer...) e o que é acontece? Adivinhem... isso mesmo, mais um cãozinho voltei para trás e pus-me num muro, esperei uns vinte minutos para eles irem embora, só dois é que foram... depois vi ali umas pedras grandinhas e peguei em duas, uma na mão e a outra na jersey, pus-me a pedalar com muita força, o cão colou-se e eu cheio de medo daquele bicho atirei uma depois a outra, só a ùltima lhe acertou na pata e lá voltou ele para trás, dos meus 30 Kms diários apenas fiz 5 por causa dos cães, jurei para nunca mais meter lá os pés sózinho!! :s :s :s

Songo
17-08-2008, 01:03
napster, tou a ver que isso era tipo os anuncios do AXE..mas com caes em x de miudas :D

A minha pior historia foi quando ao fazer a esquima de um quintal (entre uma estrada de alcatrao é a de terra batida que liga aos varios trilhos) reparei no cão "gigante" que costuma estar la, e que faz a tal esquima sempre a ladrar para quem passa..ja estava habituado.

Porem desta vez, ao fazer a curva para a estrada de terra batida reparei que o portao estava aberto!!!! ja nao dava para virar para o alcatrao..a unica hpotese era arrancar o mais rapido pela estrada de terra batida o mais rapido possivel, ainda olhei para tras a dada altura, la vinha ele a ganhar terreno com passadas brutais..mas va la, cansou-se, ou fartou-se antes de me apanhar..uffa.




AOliveira79, epah essa historia de nos sermos mais fortes que eles..ta bem que somos mais pesados, mas isso não é tudo, n quero ver prai ng a enfrentar 1 "caozinho" e a ver-se tramado ^^

segundo a wiki;

cheetah: 65kg, eu é que nao me metia com um destes

e um leao por ex pode dar conta de 1 bufalo 3x mais pesado :twisted:

MarceloBTT
17-08-2008, 15:20
Pois, no fim disto tudo qualquer dia ja vendem pistolas com suporte do quadro... :mrgreen:

Essas situações para mim são mais que desagradaveis. (Especialmente por ser um cão que mais parece um burro)
Fujir é a pior sulução quanto mais aceleras pior..
Se for um cão nao muito grande ainda me desmonto e se nao estiver nimguem a ver ainda se arma ali porrrada, mas se for um cão mais grandinho desmonto da bina e vou ido devagarinho a dizer:

-Ó cãozinho vai embora..
-Ó cãozinho vai embora..
-Ó cãozinho vai embora..


:mrgreen: :mrgreen: :mrgreen:

napster_
17-08-2008, 18:16
napster, tou a ver que isso era tipo os anuncios do AXE..mas com caes em x de miudas :D

Nem se compara :lol:

Jepas
17-08-2008, 19:54
Como a história do Anacleto é "A questão dos cães..." os tópicos foram unidos. Se tiverem problemas com gatos podem abrir outro... NOT

Jepas

kofianao
17-08-2008, 21:54
costuma se dizer que cao que ladra nao morde...e até agora nunca fui mordido por nenhum...mas sempre que apanho um cao pelo caminho da me um arrepio enorme...nunca vos aconteceu...deve ser a adrenalina a descer até aos tomates...os donos devem ter sempre os portoes fechados...nao va acontecer uma desgraça!

maneljaquim
18-08-2008, 21:31
eu nao tenho problemas com caes!

os caes da minha zona adoram-me quando eu passo acordao os vizinhos a dizer me ola logo de manha|


a minha avo tinha um cao q depois deu a um homen
o meu pior susto foi quando o cao q eu conhecia e brincava desde criança veio atraz de mim para brincar, mas eu nao sabia q era esse cao so mais tarde sobe e parei por la e brinquei com o cao!

IvoFirmino
18-08-2008, 22:03
Evitem efrentar os cães, deve ser essa a norma, mas também não tenham medo deles.

Cada raça ataca da sua forma. Existem cães que não atacam se estiverem a ver o agressor de frente e vice-versa.
Não usem paus para os ameaçar, é pior a emenda que o soneto, se eles se sentem ameaçados, o ataque é mais do certo.

Ainda este FDS fui "atacado" por um cão de médio porte. Parei de imediato e a reacção do cão foi de parar com o ataque. Andei uns metros a pé e siga para bingo.

fitty77
18-08-2008, 23:52
Grande parte dos cães que vêm atrás de nós, só quer é palhaçada. A outra parte divide-se em três grupos: os que, face ao facto de nós pararmos e desmontarmos param de igual forma e vão-se embora; os que, mesmo quando paramos continuam ali a chatear, mas se continuarmos a andar ao lado da bike sempre de olho nele, ele se aguenta por ali sem atacar; e aqueles mesmo maus que nos querem emsmo ferrar. Por isso, face a estes 3 grupos, saiam sempre de cima da bike. É o melhor que se pode fazer para nos defendermos. Os canitos até podem não nos vir fazer nada, mas só o facto de virem ali a ladrar pode dispersar a nossa atenção e um gajo mandar um tralho e aleijar-se. E se estivermos fora da bicla sempre é mais fácil agarrar numa pedra (em ultimo recurso, obviamente) e mandar-lha para cima lou defendermo-nos com a própria bicicleta.

PauloGt
20-08-2008, 15:16
Boas Pessoal, no passado dia 13/08 na serra de sintra e ao descer para a barragem da mula um dito cão surgiu do nada á minha frente e numa fracção de segundo estava no chão todo escafiado (escoriações diversas e ombro partido), a culpa não é dos cães mas sim daqueles que os abandonam (era o caso), evidentemente que nos sabemos dos riscos quando practicamos btt,mas faço aqui um apelo Não Abandonem os Animais e principalmente em locais como a serra, um local potencialmente perigoso para quem anda de bicicleta!
Agora vou estar de fora algum tempo o que me esta a custar imenso, mas enfim é a vida!

Abraços

Mekie Maluko
20-08-2008, 15:30
É verdade... Eu também cutumo ir para esses lados, e aprecem bastantes cães, as vezes. É preciso ter muito cuidado, e o pior é se uma pessoal atropela o coitado do cão abandonado... Enfim

baipomont
20-08-2008, 16:27
Já passei por situações em que tivemos de sair da bicla e coloca-las entre nós e os cães, também já tivemos que ir buscar umas pedras para assustar os animais, e muitas vezes fazer uns sprints.

Se o terreno à frente o permitir recomendo o sprint, pois é menos embaraçoso e os animais não aguentam o ritmo e desistem.
Por outro lado também ajuda a melhorar a forma... :D

diosmio
22-08-2008, 21:29
Bom, o que eu queria dizer depois de ler tanto comentário (muitos deles correctos), é que os cães funcionam de um certo modo. Tem um comportamento previsível e quem entenda um pouco de cães sabe exactamente o que eles vão fazer...

Mas queria alertar-vos para uma situação cada vez mais frequente pelo nosso país. Para os cães se comportarem assim precisam de um período de sociabilização, quer com pessoas, quer com animais (que acontece quando eles tem entre 2 a 6 meses), se isto não acontecer o comportamento deles pode ser errático e imprevisível. Por isso vemos cães miniatura a ser mordidos ate à morte (sem se porem de barriga para o ar) perante um rottweiler.... ou cães grandes que continuam sempre a morder, mesmo quando o outro cão já adoptou uma postura de submissão...

Eu digo isto, porque trabalho com cães todos os dias (visto ser veterinário...). Abraço.

Narciso Magalhães
22-08-2008, 21:38
Quando me cruzo com cães que me querem ferrar saco da garrafa de água e toca a molha-los. :ideia: :ideia: :ideia:

Como não gostam muito da água é só ve-los a fugir. :lol:

bnunes
22-08-2008, 23:05
Isto dos cães é complicado, já tive uma situação com serra da estrela q passo a descrever mt rapidamente;
-ao fim dum estradão a descer aqui na zona, há um entroncamento com uma casa em frente, lá habita "um cãozinho" de impor respeito, devido há velocidade a q lá chego o cão assustou-se e levantou-se a fugir (nunca mais o vi) eu ainda me assustei mais, ganfias ás manetes e lá vou eu a voar...

na hora H o medo dita tudo...

romanovski
27-08-2008, 15:07
:rotfl: a questão dos cães pode ser muito complicada, dependendo da raça doh mas acreditem que prefiro ver um cão correr comigo do território dele, do que ver uma vaca na minha direcção, prontinha para marrar... ou não.
Isso sim é uma situação constrangedora. :evil:

Stern
28-08-2008, 14:45
Ainda este fim-de-semana a fazer passeio em Lx ,da baixa à expo pela marginal, dei por mim a sprintar para me escapar a um cão que desata a correr para mim vindo de uma oficina. O susto foi maior porque nem estava a ladrar foi logo correr. Uns metros frente devo ter saido o territorio dele e deixou-me sem grande esforço.
De resto não é normal ter problemas com cães tenho é um odio de estimação a um por que passo ao pé do trabalho todo meia leca que não gosta o barulho da vespa... com a bike ainda se aguenta mas com a vespa... :evil:

pintox
28-08-2008, 21:49
Tenho os dois joelhos ainda a doer e pisados por causa de um cão enorme que rebentou o cadeado onde habitualmente se encontra preso, e deu a correr atrás de mim e do meu filho.
Quando ouvi o miudo a gritar assustado com o cão monstruso ao lado dele, com aquele panico todo, mandei a bike para o chão para tentar correr com ele (consegui dar cabo dos joelhos) o cão com tanta confusão virou as costas e foi calmamente cheirar umas ervas junto á estrada.
Mas sem duvida que desmontar da bike é a melhor solução, continuar a pedalar pode por vezes dar para o torto e proporcionar uma queda mais feia.

tec_fil
28-08-2008, 22:01
continuando a conversa do Jepas

isto dos cães é muito chto, lá isso é verdade e acho que já todos passá-mos por isso quanto mais não seja irmos a assapar estrada abaixo a mais de 60km/h e aparecer-nos um cão ao lado a ladrar e a correr atrás de nós

é uma situação complicada mas agora imaginem o que é irem descansados no picanso com mais alguém e de repente aparece um gato à nossa frente que não pára
aí só dá passando-lhe por cima mesmo e é por causa disso que a minha scott tem uns granda riscos na testa do quadro...

quando disserem que os cães são isto e aquilo, pensem também nos malvados dos gatos!!!
ainda são piores :mrsock: :arrow: :evil:

Bikerboy17
09-09-2008, 08:45
eu gosto muito de caes,mas....o meu corpo esta primeiro,em qualquer dos casos que ja tive com caes eu ponho a bike sempre á frente e grito muito...hehehehe
mas os culpados muitas das vezes nao sao eles sao os donos que os deixam andar a vontade demais,a estrada é um espaço publico tem de ser respeitado,os caes tem de ficar nos devidos espaços reservados aos seus donos...

bons trilhos

paff
11-09-2008, 01:11
Concordo a 100% com o Bikerboy17... a culpa é dos donos!!

Eu tenho um labrador manso... punha as minhas mãos no fogo por ele em como nunca faria mal a ng.. mas quando o vou passear no pinhal e vejo vir alguém a pé ou de bike, prendo-o para que as pessoas fiquem à vontade! É uma questão de respeito! E é um perigo certos cães andarem na rua a correr atrás de nós e os donos ainda terem a lata de dizer "ele não morde.. é manso" é manso pro dono!!!

Vamos a ter mais respeito e prender os cães!

Já agora.. não existem uns apitos quaisquer para assustar os cães?

Abraço

erraposo
11-09-2008, 01:34
Eu tive uma experiência chata por causa de um cão pequeno em que eu mais o meu amigo no meio do pinhal a andar de bike nas calmas e quando fomos para ultrapassar o cão,ele começou a ladrar e a correr atrás de mim e claro fiz um sprint e pus o cão K.O! Ia-me mordendo mas safei-me!
Mas o raio do cão era vadio e não havia vivalma naquela zona e deve pensar que somos uns intrusos!

Temos de ter cuidado pois não sabemos se eles vão morder e imaginam se ele fosse grande e nem quero saber!

Bikerboy17
11-09-2008, 08:34
concordo com o paff, é tudo uma questao de respeito...

ainda hoje as pessoas tem dificuldades de ver onde termina a sua liberdade e comessa a dos outros...

boas pedaladas

Xure
11-09-2008, 10:03
Concordo a 100% com o Bikerboy17... a culpa é dos donos!!

Eu tenho um labrador manso... punha as minhas mãos no fogo por ele em como nunca faria mal a ng.. mas quando o vou passear no pinhal e vejo vir alguém a pé ou de bike, prendo-o para que as pessoas fiquem à vontade! É uma questão de respeito! E é um perigo certos cães andarem na rua a correr atrás de nós e os donos ainda terem a lata de dizer "ele não morde.. é manso" é manso pro dono!!!

Vamos a ter mais respeito e prender os cães!

Já agora.. não existem uns apitos quaisquer para assustar os cães?

Abraço


Estou de pleno acordo.

Ainda este verão tive um filme q ilustra bem a falta de respeito de alguns donos.

Estava com o meu cão na praia, daquelas praias onde ainda de pode ir com o cão, (se hoje já são poucas a culpa e apenas pk alguns donos deixavam andar os cães soltos e a fazerem as necessidades por todo o lado), e tinha o meu cão preso como é normal, vejo ao fundo um labrador com duas miudas com uns 13 anitos, e o cão solto. Mal vê o meu aproxima-se e começa a atacar. Resultado para não soltar o meu e aquilo dar mesmo luta, cheguei o meu cão para a minha perna esquerda e enfiei uns 6 pontapés ao outro que teimava em tentar morder o meu. Fiquei com um mega arranhão na perna direita, que suponho ter sido de uma unha do cão.
As muidas lá pediram desculpa e levaram o sermão que o cão é para andar preso.

Ainda tive de ir ao centro de saude, ver se n é necessário levar pontos. Ora se o cão estivesse preso, não tinha de pontapear o cão, coisa que não gostei nada de fazer, nem tinha ficado com o tal arranhão profundo e de uns 30 cms.

Conclusão, sou mto amigos dos cães como dá para ver nas varias respostas que dei neste topico, mas já não tenho pachorra para as pessoas que não sabem os deveres e obrigações que devem ter quando se tem um cão. Não sabem respeitar os outros, simplesmente não devem ter cães.

O meu cão não ladra fora de casa, não faz necessidades na praia ou nos passeios, não morde nem incomoda ninguem, simplesmente pk eu o eduquei assim. Incomoda-me que no verão tenha de andar a procurar praias, onde seja permitido entrar com ele, ou melhor onde não exista a placa de proibição. Digo isto pk quando decidi tero cão, decidi que ele faz parte da minha vida e não é para ficar preso no meu jardim eternamente, é para sair comigo, para passear, para viver um vida que pode e deve levar, não para o abandonar pk estou de ferias ou para o deixar num qq canil.

Como sempre paga o justo pelo pecador.

leão verde
18-09-2008, 23:09
Já li neste tópico que realmente existem uns apitos para afastar cães.
Por acaso alguém pode-me dizer onde aranjar um, pois já procurei em várias casas da especialidade e ainda não consegui arranjar.

Também já apanhei alguns sustos, quando eles aparecem de trás é mais complicado pois não há preparação!!!!!!!É mesmo com os pés!!!


Boas pedaladas.

rjcm
19-09-2008, 15:29
Boas,

Ainda na última voltinha se falou disso. Segundo um companheiro do pedal, esses apitos podem ser comprados na coronel tapioca, aquela cadeia de lojas de aventura.
Não confirmei ainda se é verdade, mas assim que passar por lá digo aqui.

Se realmente funcionarem, quem vai passar a andar com um sei eu quem é :mrgreen:

Bikerboy17
19-09-2008, 15:39
heheheh,mais um instrumento para colocarmos na mochila...

um apito anti caes,é uma boa ideia,mas tem de ir a mão para ser rapido a utilizar...

senao quando damos por isso já esta o cão em cima de nos e ainda cae o apito para o chão...

boas pedaladas

rjcm
19-09-2008, 15:46
talvez preso na alçada mochila, logo à mão.

Já vi malta com apitos lá, mas não sei se eram destes, ou era só pela graça de mandar umas assobiadelas no meio do mato! :wink:

coelhone
19-09-2008, 15:59
Boas.
Por norma quem usa o apito (sem ser especifico para os cães), não é pela "graça de mandar umas assobiadelas", mas sim para em caso de emergência chamar a atenção.
É um acessório fundamental principalmente para quem anda sozinho :wink:

Bikerboy17
19-09-2008, 16:03
bem,nao me fassam ir comprar um apito de proposito a lix,e depois nao da para afastar os caes,hehehe

so licha e a cabeça as pessoas,primeiro vou esperar que algum irmao do pedal diga que funciona e depois compro...

boas pedaladas

Reis
19-09-2008, 16:20
Ainda ontem atropelei um cão :shock:

Ia eu descontraido pela estrada fora, quando me saiem 2 cães (pequenos) a correrem um atrás de outro.
O primeiro meteu-se debaixo da minha roda dianteira. Apanhei um susto. :oops:

Não tive tempo para nada porque ele sairam de um portão que estava quase todo fechado.

Tive sorte de não dar um malhanço :mrgreen: e o cão também :evil: que eu olhei para trâs e ele continuou a correr.

Neste caso não havia apito que me vale-se.

Cumprimentos
Reis

Hugo_BTTejo
19-09-2008, 16:32
comprem GÁS PIMENTA TIPO CANETAS

Bikerboy17
19-09-2008, 16:44
hehehehe.gás pimenta,inda podem ir presos...

o melhor para afastar os caes é ter a sorte de eles nao aparecerem...senao ???

LOKO
19-09-2008, 16:57
Para usar gás pimenta mais vale logo....

http://www.neospeed.org/images8/my2shotguns2.jpg

Remédio santo

cumps

Bikerboy17
19-09-2008, 17:02
heheheehe.loko

bem se quizerem podem insinerar os caes...utilizam material atomico...

mas agora mais a cerio,se ouver um apito era formidavel,pelo menos sentiamos mais segurança

Hugo_BTTejo
19-09-2008, 17:23
tenho desse armamento em casa :mrgreen: :mrgreen:

Gás Pimenta é melhor que o apito ou então um bastão extensivel, compram um suporte para o quadro!! :mrgreen: :mrgreen:

Bikerboy17
19-09-2008, 17:27
o Hugo_BTTejo , amigo,mas tu queres ir treinar btt ou queres ir a caça dos caes ??? heheeheh

boas pedaladas

nelson_r
19-09-2008, 17:32
Sou um gajo que adoro cães, mas de preferência presos.

Hoje durante a minha volta meti por uma estrada sem saída. No final havia uma casa e um cão. Ao dar a volta reparo que o gajo está mesmo ao pé de mim (solto) e era um daqueles que com as quatro patas no chão já metem respeito. Meti conversa com o bicho, perguntei se estava interessado em trincar gordura e fui-me afastando. O cão continuou a ladrar enquanto me afastava, mas pelo menos nada de mal me aconteceu.

Se se tivesse atirado a mim, não sei o que faria. O mais certo era não estar aqui neste momento a relatar o acontecido...

Por isso é que eu digo, cães só acorrentados ou fechadinhos no canil.

Cumprimentos betetísticos

Xure
19-09-2008, 17:36
Sobre os comentários absurdos, apenas tenho a dizer que aproveitam tudo para gente, ou pior ainda para agente...

Sekeira
19-09-2008, 17:52
Já tive muitos caes a correr atrás de mim tento sempre mandar um sprint ( até que se torna engraçado )..
Mas quando veijo que eles nao desistem opto por parar e fazer-lhe frente normalmente eles teem medo e fogem ...
Senão fugirem faço o movimento de quem vai apanhar uma pedra que eles metessem logo na alheta !!!!!!

Hugo_BTTejo
19-09-2008, 18:18
Xure, chamaste pelo agente ???
Claro que estava a brincar quando referi no armamento :mrgreen: e quanto ao bastão extensivel :mrgreen:

Levam uma fisga e mandam lhe pedras :oops: :oops:
Abraço

Bikerboy17
19-09-2008, 18:27
nos entendemos companheiro hugo...uma boa gargalhada faz sempre bem amigo.

os caes sao ossos do oficio claro que todos aprendemos a lidar com eles uns mais facil e outros com piores traumas..

boas pedaladas

Un4s33n
19-09-2008, 18:45
Relativamente a cães gosto de jogar pelo seguro... Já fui mordido algumas vezes quando era mais novo e quase tudo foram situações surpresa em que o cão está parado, ou vem até nós calmamente, e depois quando nos alcança morde...

Se calhar por isso fiquem com uma espécie de trauma na medida em que os ataques não parecem premeditados. Eu digo uma espécie de trauma porque agora quando andamos em grupo eu nunca sou o último a passar pelo cão (empiricamente, retiro que ele normalmente corre atrás do último), nem o que mais perto passa do cão.

Quando vejo um cão, não lhe faço festas nem confio nele - e acho que isto vem dos contactos menos agradáveis com cães na minha infância.

Mas tenho estima pelas pessoas que cuidam de cães como eles realmente merecem e que quando os passeiam tem os devidos cuidados e preocupações.

Também conheço pessoas que tratam os cães quase como filhos - o conceito desta afectividade passa-me um pouco ao lado mas até acho engraçado.
Talvez por eles serem bons ouvintes...

leão verde
19-09-2008, 22:42
RJCM, já vi no site da coronel tapioca que eles têm apitos, agora falta saber se servem para a função que nós pretendemos, exprimenta e diz qualquer coisa.

Espero mesmo que funcione!!!!!

Boas pedaladas.